O Árabe

Idéias, sentimentos, emoções. Oásis que nos ajudam a atravessar os trechos desérticos da vida...

sexta-feira, 15 de abril de 2011

FILHOS DO VENTO

Não devemos encarar como um fardo a nossa vida.

Pois aquele que imagina estar diante do mar, não conseguirá atravessar o rio que surge em seu caminho; e o homem que teme o deserto jamais conhecerá a beleza do oásis.


Eu vos tenho dito, e repetirei enquanto me quiserdes ouvir, que a ninguém o Universo delega uma tarefa superior às suas forças; e a própria natureza nos mostra essa verdade.


Pois a abelha, que não é capaz de criar uma flor, em suas patas carrega o pólen que a fará brotar; e a árvore majestosa provém da pequenina semente que a ave jogou sobre o solo.


A carga é necessária, para que possamos conhecer as nossas forças. A formiga não saberia que é capaz de carregar uma folha imensa, se um dia não o houvesse tentado.


E o homem, que por muito tempo se encolheu sob a fúria do vento, foi o mesmo que aprendeu a utilizá-lo para mover as suas embarcações e moer os seus grãos.


Em verdade, cada um de nós escolhe a sua própria carga; porque são os nossos atos e as nossas decisões que, no dia de hoje, decidem como será o nosso amanhã.


Aquele que chora a perda de um amor, decerto não o soube valorizar no passado; como o que lastima a perda de suas posses apenas atesta a própria imprevidência.


Breve é a nossa passagem sobre a terra. E ainda mais efêmeras são as nossas alegrias e as nossas tristezas, que embora durem eternos segundos não se cristalizam no tempo.


Esta é a verdade. E, no dia em que formos capazes de aceitá-la, outra será a nossa compreensão do mundo onde vivemos, do Universo que nos cerca e da Sua voz que existe em nós.


Filhos do vento, eis o que somos. E não nos deveríamos preocupar em amealhar riquezas, colecionar amores ou buscar as glórias do mundo. Em vento se tornará tudo aquilo que tivermos.


Todas as coisas são passageiras, e ao fim do caminho só o percurso restará. Como, depois de tombada a rosa sobre a terra, o seu perfume e a sua beleza vivem apenas nas lembranças de quem a viu florir.


E, entretanto, perseguimos as ilusões do corpo; como se nelas estivesse a nossa felicidade, e delas dependesse o nosso amanhã, esquecidos de que cada amanhã será apenas o início de uma nova jornada.

É assim que plantamos as nossas próprias angústias.

UPGRADE EM 16/04/2001: Da amiga Rosa (http://rosinhag.blogspot.com), recebemos este belo selinho, que pedimos licença para oferecer a todos vocês, que fazem o nosso oásis. Obrigado, Rosa, pela gentileza e amizade!

84 Comentários:

Blogger Rô... disse...

boa noite,

lindo poema,
na verdade o que importa realmente e como e por onde trilhamos o nosso caminho...
o que fizemos para caminharmos em linha reta mesmo quando as curvas insistiam em nos desviar...

e aí o vento leva tudo suavemente,nos mostrando que nada temos...

linda noite de sexta

15 de abril de 2011 18:15  
Blogger valquiria calado disse...

Lindo e cheio de sabedoria, me deu vontade de ficar a te ouvir.

█» • «██» • «██» • «██» • «██» • «██» • «██» • «██» • «█
“Vivemos de acordo com a nossa natureza quando usamos sabiamente o poder da nossa paz, permanecendo calmos e estáveis quando tudo ao nosso redor assusta e preocupa. Apenas quando usamos sabiamente o poder do nosso amor, ficamos a serviço dos outros enquanto a maioria está apenas focada em sua sobrevivência pessoal. Apenas então podemos usar sabiamente o contagiante poder da nossa alegria, elevando o espírito daqueles que estão tristes.”

Mike George

█» • «██» • «██» • «██» • «██» • «██» • «██» • «██» • «█
Bjo, bom fim de semana

15 de abril de 2011 19:17  
Blogger BlueShell disse...

A minha vénia: este texto é sublime - todo, mas todo ele explica e "ralha". Porque muito tempo levamos a fazer tudo quanto não devia ser feito.
É verdade também que a "carga é necessária" pois só assim sabemos que temos forças para a transportar.
E Ele não nos deu nenhuma tarefa, por mais difícil que nos pareça, se não soubesse que eramos capazes de a completar, de chegar ao fim.
Tens razão....em tudo...
Por isso te digo que este texto é um "tesouro" de ensinamentos riquíssimos. Obrigada.

16 de abril de 2011 01:46  
Blogger ISA disse...

Meu Caro Amigo

Sim concordo consigo que a N/ vida é apenas uma simples passagem, pois podemos depararmos com diversos obstáculos ao caminharmos, mas é certo que até podemos ser o "Filho" mais abastado e com sorte na vida (saudável, sem inimigos), mas a verdade é só uma, terá um final igual a todos os outros. As pessoas escolham os trilhos que entenderem, mas têm que se mentalizarem basta um simples sopro e....

Beijos

Óptimo Fim-de-Semana

16 de abril de 2011 05:56  
Blogger Jaqueline Sales disse...

Tenho pensando muito sobre o peso que carregamos por estarmos vivendo essa realidade. Não é uma realidade qualquer! A realidade choca, magoa e entristece e sobretudo, paralisa. A pergunta é, "De onde tirar forças para lutar?", uma vez que ser bom é um desafio sobrehumano? Como filhos do vento, somos pesados demais até para deixar-nos levar pela brisa da vida.

Obrigada por não desistir de mim, amigo. Pareço distante, mas nunca deixo de ler os amigos, de pensar com eles, de dizer-lhes o quanto os admiro e preciso desta amizade.

BeijUivooooooooossssss da Loba

16 de abril de 2011 06:17  
Anonymous Olhos doces disse...

Com certeza Árabe, não podemos encarar com fardo, até porque escolhemos os caminhos a passar e se assim o fazemos, é porque haviam lições a aprender nesse caminho a percorrer. Mas existem momentos que nem toda sabedoria de vivência de mundo,nos impede de nos abater. Mas com certeza, são momentos e logo adiante o sol volta a aquecer...
Linda mensagem!
Bom fim de semana!Beijos

16 de abril de 2011 10:34  
Blogger Olhos de mel disse...

Linda mensagem, Árabe! Aliás fique emocionada enquanto lia.
Bom fim de semana! Beijos

16 de abril de 2011 10:36  
Blogger © Piedade Araújo Sol disse...

acho muito adequado o titulo deste texto, todos nós somos de alguam forma e alguma vez filhos do vento. mais uma vez estamos perante um texto escrito com muita sabedoria.
obrigada e um bom final de semana!
beij

16 de abril de 2011 12:16  
Blogger ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Caro amigo Árabe

Fizestes uma das melhores
descrições da vida
que já li.
Ficamos por tantos anos
preocupados em "ganhar a vida"
que muitas vezes perdemos
o sentido real do que é viver.
Alegrias, sofrimentos, perdas,
ganhos, são partes de
um único processo chamado vida.


Que haja em ti sempre sonhos
por sonhar.

16 de abril de 2011 13:23  
Anonymous Vanessa disse...

Querido Árabe,
Suas palavras possuem a sabedoria do deserto... como é bom desfrutá-las!
É como eu digo: o homem que é capaz de transformar a si mesmo, também é capaz de transformar chumbo em ouro. Isto é a alquimia da vida!
Salam Aleikum

16 de abril de 2011 17:00  
Blogger Flor da Vida disse...

Concordo plenamente contigo!
E eu agradeço de coração por mais essa mensagem rica e iluminada com a qual nos presenteia!
Deus te abençoe, e obrigada por existir, e por sua existencia de alguma forma fazer parte da minha.

Linda e abençoada noite pra você!
Carinhos meus pra ti...
Beijos

16 de abril de 2011 18:28  
Anonymous Anônimo disse...

____________________________

Meu doce amigo... É isso mesmo! Vivemos envoltos numa grande ilusão... Tudo é passageiro, só fica mesmo, a energia boa que doamos sem nenhum interesse...

Obrigada! Beijos de luz e o meu especial carinho!

Zélia ( Mundo Azul)

__________________________

16 de abril de 2011 19:14  
Blogger moonlight song disse...

Caro amigo árabe,
Maravilhosas palavras.
Bj.

16 de abril de 2011 23:44  
Blogger Vozes de Minha Alma disse...

Meu amigo, não devemos encarar como um fardo nossa vida.
Mas devemos observar que tudo tem seu propósito.
Uma desses propósitos, é nos deparar com mensagens que nos dê alento para encarar nossa vida com mais leveza e prazer. Essa tua mensagem é uma delas.
Um abraço afetuoso, com apreço do teu irmão.

17 de abril de 2011 06:44  
Blogger Érico Cordeiro disse...

Olá, Árabe,
Muito legal seu espaço - virei aqui outras vezes. A sabedoria oriental torna-se cada vez mais necessária nestes tempos de consumismo desenfreado, hedonismo inconseqüente e ausência de respeito pelo outro.
Suas palavras são como bálsamo e nos ajudam a viver com simplicidade e respeito ao próximo. Pena que muita gente não se dê conta disso, não é mesmo?
Bom, se você curte música, sobretudo jazz, te convido a visitar o Jazz + Bossa:
www.ericocordeiro.blogspot.com
Já me adicionei como seguidor, ok?
Um ótimo domingo prá você e seus leitores!

17 de abril de 2011 07:54  
Blogger Claudinha ੴ disse...

O vento e suas passagens... o caminho é o que fica, a viagem! O fardo é mesmo escolha nossa, creio eu, então continuar a jornada é preciso sempre! Um beijo!

17 de abril de 2011 12:53  
Blogger ✿ chica disse...

Tuas mensagens nos fazem bem, são simples e diretas...abraços, linda semana e Páscoa! chica

18 de abril de 2011 01:58  
Anonymous laura disse...

Tal e qual, mas por mais que saibamos siso, por em prática é que é!...

Já andei por seca e meca, já vivi muito, e claro, aprendi, hoje já sei qual o caminho que trilho e sei despegar-me de futilidades...

Gosto mais dos novos caminhos que vão chegando e sem cargas sem bens, tento chegar onde quero...ao amor entre todos à harmonia, paz...

Um beijinho da laura (entrei pelo blogue da Moonligth song...)

18 de abril de 2011 03:59  
Blogger São disse...

Mais um sábio e belo texto, meu querido Swami!

Bem hajas!!

18 de abril de 2011 04:26  
Blogger VaNê disse...

Amigo, vc escreve coisas belíssimas!

Bjs

18 de abril de 2011 06:00  
Blogger Paula Barros disse...

Serenidade, discernimento, nos fazem passar por turbulências de forma mais amena.

Dito assim parece fácil, mas é o que tenho tentado lembrar nos momentos difíceis.


abraço

18 de abril de 2011 08:38  
Blogger Vanuza Pantaleão disse...

Nada de perseguir ilusões, é assim que também procuro agir, meu amigo.
Cada dia é um novo dia...vamos celebrá-lo!
Tô ficando boa, aos pouquinhos, mas tô![risos]
Mas post novo, só depois do feriado da semana santa. Tenho que repousar, meu amigo. A saúde assim o exige...
Bom feriado para você também, Árabe!
Beijos!!!

18 de abril de 2011 11:59  
Blogger MEU DOCE AMOR disse...

Olá:

Tens toda a razão.O vento tudo leva.E muitas vezes leva sementes que plantámos para tão longe, que nos perdemos e questionamos como pôde isso acontecer.

Beijinho doce:)

Não tenho tido vontade de postar.Pode ser que entretanto surja.

18 de abril de 2011 15:41  
Blogger C Valente disse...

Gostei do saber contido
saudações amigas

18 de abril de 2011 16:46  
Blogger Fernand's disse...

perfeito!
jamaais será um fardo... eu adoro viver!



bjsmeus

18 de abril de 2011 19:52  
Blogger Luma Rosa disse...

Wow!! Inspiradíssimo!! Texto perfeito e fechou com chave de ouro!
O mundo está cheio de gente angustiada, que egoisticamente visa apenas os próprios interesses, se esquecendo que ninguém é feliz sozinho. Daí vem a frustração, porque o futuro não existe! Existe o hoje e hoje devemos dar o melhor de nós!!
Boa semana! Beijus,

18 de abril de 2011 20:18  
Blogger Fa menor disse...

E as tuas palavras continuam sempre a ser bálsamo para o nosso caminho!
:)

Bjins

19 de abril de 2011 06:25  
Blogger Cris disse...

Amigo...
Sábias são as tuas palavras e bendita foi a inspiração que te guiou.
Acredito que o dia que nos conscientizamos da maravilha que somos, seres únicos criados por Deus para a felicidade, sairemos dessa prostração que nos prende ainda as falsas ilusões.
Obrigado por mais esta partilha.
Com carinho deixo um beijo amigo, nas eternas pérolas.

Cris

19 de abril de 2011 13:20  
Anonymous Anônimo disse...

Querido Amigo

Não nos é dada uma carga superior áquela que podemos carregar - so que por vezes isso parece não ser bem assim....ms eu sei que "só parece"...embora te diga muito sinvceramente sabendo eu que a vida é uma dádiva, sinta vontade de me ir embora pelo cansaço...e pelas saudades de CASA!
Verdade isto!

Desejo-te uma Santa Páscoa, bem como para toda a tua família.
Sempre...
(E)ternamente...
Mariz

(continuo sem comentários abertos e mudei o nome em vez de "sou pó e Luz", coloquei o verbo no plural. Tavez assim consiga enxutar dali figuras desagradáveis que teimavam em não deixar em pas o meu blog de tanta carga negativa que por lá deixavam)

19 de abril de 2011 15:03  
Blogger Daniel disse...

Como você já bem iniciou a sua postagem, a própria natureza se encarrega de provar que somos capazes de levar adiante o nosso fardo.

Tudo pode ser a consequencia de nossas próprias escolhas.

Algumas coisas acho que são frutos do acaso.
Mas, tudo bem... é a vida, e eu amo ela.

Daniel

19 de abril de 2011 16:34  
Blogger Elisabete Lira disse...

Seu blog é muito interessante...
.... Tenha um Lindo Dia!
Siga meus Blogs: http://cartasdeumcoracao.blogspot.com/
E
http://deusemminhaalma.blogspot.com/

20 de abril de 2011 04:30  
Blogger O Árabe disse...

Assim é, Rô: só à medida que as coisas se vão, percebemos que nada temos... apenas somos. :) Bom resto de semana!

20 de abril de 2011 06:33  
Blogger O Árabe disse...

Bela reflexão, Valquíria. Obrigado! :) Bom resto de semana.

20 de abril de 2011 06:34  
Blogger O Árabe disse...

Grato, Blue Shell. E tenho certeza, sim: todos somos capazes de levar a nossa carga... e ainda encontrar momentos felizes. :) Bom resto de semana!

20 de abril de 2011 06:35  
Blogger O Árabe disse...

Bem dito, Isa: basta um simples sopro... e todo o orgulho se mostra inútil. :) Bom resto de semana!

20 de abril de 2011 06:36  
Blogger O Árabe disse...

Desistir, Keila? Por que? Valorizo muito a nossa amizade! :) Bom resto de semana.

20 de abril de 2011 06:37  
Blogger O Árabe disse...

Muito bom, Olhos Doces! São apenas momentos, sim... e logo voltamos a sentir o sol. :) Bom resto de semana!

20 de abril de 2011 06:37  
Blogger O Árabe disse...

Grato, Olhos de Mel. :) E bom resto de semana!

20 de abril de 2011 06:38  
Blogger O Árabe disse...

Bem o disseste, Aluísio: pequenas partes deste processo chamado Vida! :) Grato, amigo; meu abraço, bom resto de semana!

20 de abril de 2011 06:39  
Blogger O Árabe disse...

Somos, Piedade... é o vento do destino, que nos conduz pela vida. :) Bom resto de semana, amiga!

20 de abril de 2011 06:40  
Blogger O Árabe disse...

Eu agradeço, Flor; a amizade de vocês me torna melhor! :) Bom resto de semana.

20 de abril de 2011 06:42  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado a você, Zélia, pela amizade e pelo belo comentário. :) Bom resto de semana.

20 de abril de 2011 08:55  
Blogger O Árabe disse...

Grato, Moonlight Song. :) Bom resto de semana!

20 de abril de 2011 08:55  
Blogger O Árabe disse...

Grato, irmão Antonio Lídio, pela gentileza! E acredito que, realmente, você tem razão: tudo tem um propósito. :) Meu abraço, bom resto de semana. Salam Aleikum!

20 de abril de 2011 08:58  
Blogger O Árabe disse...

Bem colocado, Vanessa: a alquimia da vida. Oxalá aprendamos como nos podemos transmutar! :) Bom resto de semana. Aleikum Essalam!

20 de abril de 2011 09:00  
Blogger O Árabe disse...

Grato, Erico; volte sempre, o oásis é nosso. E aguarde-me, em breve, para ouvirmos a música do seu espaço. :) meu abraço, boa semana.

20 de abril de 2011 09:02  
Blogger O Árabe disse...

Bem dito, Claudinha: é preciso, sempre. :) Bom resto de semana!

20 de abril de 2011 09:03  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Chica! Bom resto de semana... e boa Páscoa! :)

20 de abril de 2011 09:04  
Blogger O Árabe disse...

É difícil, sim, Laura... mas aprendermos é o objetivo maior. :) Grato e volte sempre... o oásis é nosso! Bom resto de semana.

20 de abril de 2011 09:06  
Blogger O Árabe disse...

E mais uma vez, São, grato pela gentileza e amizade. :) Meu abraço, bom resto de semana!

20 de abril de 2011 09:07  
Blogger O Árabe disse...

É como eu digo, VaNê: a beleza está mais em quem sabe ouvir. :) Bom resto de semana, amiga.

20 de abril de 2011 09:08  
Blogger O Árabe disse...

E realmente, Paula, é quando mais precisamos lembrar. :) Bom resto de semana, fica bem!

20 de abril de 2011 09:09  
Blogger O Árabe disse...

OK, Vanuza, eu espero. Você merece! :) Bom resto de semana.

20 de abril de 2011 09:12  
Blogger O Árabe disse...

Espero que surja, Doce Amor... espero que surja. :) Bom resto de semana!

20 de abril de 2011 09:13  
Blogger O Árabe disse...

Grato, amigo Valente. Meu abraço, bom resto de semana!

20 de abril de 2011 09:13  
Blogger O Árabe disse...

E esse é o segredo, Fernand's : o amor pela Vida! :) Bom resto de semana.

20 de abril de 2011 09:14  
Blogger O Árabe disse...

Muito bem dito, Luma... muito bem dito! :) Obrigado, e bom resto de semana.

20 de abril de 2011 09:15  
Blogger O Árabe disse...

Assim como a vossa gentileza, Fa menor, para o meu coração. :) Bom resto de semana!

20 de abril de 2011 09:15  
Blogger O Árabe disse...

Belo pensamento, Cris... e que assim seja, amiga! :) Obrigado pela amizade e pela reflexão partilhada, bom resto de semana!

20 de abril de 2011 09:17  
Blogger O Árabe disse...

Sempre uma alegria rever-te, Mariz... e embora pareça contrariar os teus desejos, espero que permaneças entre nós por muitos anos! :) Bom resto de semana, amiga; boa Páscoa!

20 de abril de 2011 09:19  
Blogger O Árabe disse...

É como eu disse, Daniel: amar a Vida é o principal. O resto vem por consequência. :) Meu abraço, bom resto de semana!

20 de abril de 2011 09:22  
Blogger O Árabe disse...

Grato, Elisabete! Em breve, irei conhecer o seu espaço; bom resto de semana!

20 de abril de 2011 09:24  
Blogger moonlight song disse...

Amigo árabe :)
passei para te desejar boa Páscoa e à tua família.
Beijinhos.

20 de abril de 2011 10:20  
Blogger GarçaReal disse...

O divino e a natureza dotaram-nos de tamanha força interior que somos capazes de ultrapassar montes e vales, rios e mares.
Interessa pois tentar escolher o melhor caminho para que as agruras sejam minimizadas ao máximo.
Belissimo post

Agradecida pelo carinho deixado em meu blog. Já estou de regresso.
A intervenção cirúrgica correu bem e estou em franca recuparação.

Desejo-te uma Feliz Páscoa com paz e amor.

com amizade

bjgrande do Lago

20 de abril de 2011 18:26  
Blogger Marlene Maravilha disse...

Com certeza, estamos aqui numa passagem muito rápida. omo sempre um belo post!
Feliz Pascoa! Com Cristo ressurreto!
beijo

21 de abril de 2011 07:27  
Blogger valquiria calado disse...

OLá, passando só pra desejar uma feliz Páscoa.
...
Eu quero fazer uma oração que chegue a Ti Senhor
com meu pesar, minha tristeza deste momento,
minha particular petição.

Senhor, abre nossos corações ao entendimento
da verdadeira Páscoa, nada há de doce na Páscoa.
...
Abraço fraterno.

21 de abril de 2011 16:03  
Anonymous De... disse...

Dificuldades para serem enfrentadas são inerentes à própria vida. Desde o instante primeiro após nascermos, a superação já se faz necessária para respirarmos... e assim seguimos.

Mas Árabe, por vezes, não será a nossa própria imprevidência que nos coloca nos ombros uma carga pesada demais?

De uma maneira ou de outra, possuímos toda a força necessária para seguir. Se abaixarmos a cabeça por momentos, que seja apenas para uma oração de conexão com o mais alto.

De resto, é com a cabeça erguida que seguimos adiante, na plena certeza de que o Universo nos apóia e abençoa no Caminho da evolução.

Árabe... tenha uma Páscoa iluminada!

21 de abril de 2011 21:16  
Blogger C Valente disse...

Bons feriados com uma Páscoa Santa
Saudações amigas

22 de abril de 2011 04:26  
Blogger Magia da Inês disse...

Páscoa,

°•♥♥ °°•✿♫°.•

É ser capaz de mudar,
É partilhar a vida na esperança,
É dizer sim ao amor e à vida,
É ajudar mais gente a ser gente,

Boa Semana Santa!
Feliz Páscoa!!!✿°º
✿♫♫°º

Beijinhos.
Brasil°º
• ♥♥♫° ·.

( ),,( )
(=':'=)
(,,)♥(,,)

22 de abril de 2011 04:40  
Blogger ONG ALERTA disse...

O caminho deve ser feito com dignidade, feliz páscoa beijo Lisette.

22 de abril de 2011 16:09  
Blogger O Árabe disse...

Grato, Moonlight Song; Feliz Páscoa, para ti e aqueles a quem amas! :)

22 de abril de 2011 18:10  
Blogger O Árabe disse...

Bela reflexão, Garça amiga; feliz com a tua presença e ainda mais com a tua recuperação! :) Boa Páscoa, com paz e harmonia.

22 de abril de 2011 18:11  
Blogger O Árabe disse...

Grato, Marlene; pelo pensamento e pela alegria de tua presença.:) Feliz Páscoa!

22 de abril de 2011 18:12  
Blogger O Árabe disse...

Feliz Páscoa, Valquíria, e que o Universo esreja conosco, sempre! :)

22 de abril de 2011 18:13  
Blogger O Árabe disse...

Assim é, De: colocamos em nossos próprios ombros a carga da qual tanto reclamamos! :) Feliz Páscoa.

22 de abril de 2011 18:15  
Blogger O Árabe disse...

Meu abraço, amigo Valente; boa Páscoa! :)

22 de abril de 2011 18:15  
Blogger O Árabe disse...

Grato, Inês; boa Páscoa, com harmonia e paz!

22 de abril de 2011 18:16  
Blogger O Árabe disse...

Assim é. Lisette: com dignidade e amor. :) Boa Páscoa!

22 de abril de 2011 18:17  
Blogger Wagner Kern Velasques Jr. disse...

Mais uma vez venho a este blog e me emociono.
Mais uma vez faço suas palavras as minhas.
Mais uma vez te agradeço por isso.

Obrigado e desculpe a ausência.

Abraços, meu amigo. E boa semana.

26 de abril de 2011 23:09  
Blogger O Árabe disse...

E mais uma vez, Wagner, agradeço a alegria de sua visita. Volte sempre, o oásis é nosso!:) Bom resto de semana.

27 de abril de 2011 07:11  
Blogger Vampira Dea disse...

O que importa realmente quase sempre é o que há de mais simples e a gente nem percebe. Beijão

28 de abril de 2011 19:18  
Blogger O Árabe disse...

Muito bem dito, Dea... muito bem dito! :) Boa semana.

2 de maio de 2011 09:47  
Blogger Pensador disse...

Árabe,

Ler seus posts é sempre como a brisa fresca numa tarde de verão. O oásis para o viajante do deserto.

É sempre uma palavra de conforto e esperança na loucura do dia-a-dia.

Obrigado!

3 de maio de 2011 19:33  
Blogger O Árabe disse...

Assim como aqui encontro, amigo Pensador, conforto e esperança na companhia dos amigos. :) Meu abraço, bom resto de semana!

4 de maio de 2011 06:13  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial

Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Clicky