O Árabe

Idéias, sentimentos, emoções. Oásis que nos ajudam a atravessar os trechos desérticos da vida...

sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

AS PALAVRAS E A CANÇÃO


 

É preciso que as palavras toquem.
Que não apenas atinjam os vossos corações, mas sejam capazes de tocar a canção do Universo, que percorre o mundo nas asas do vento e vibra no canto dos pássaros. 
A canção que assovia nas folhas das palmeiras, murmura nas ondas mansas e estronda no fragor das tempestades. Que flutua nos raios do sol e se repete nas gotas da chuva.
A canção que é sinfonia em vossos amores e réquiem em vossas separações. Que embala os vossos doces sonhos e vos consola em vossos amargos desenganos.
A canção da esperança, que viaja em dois olhares que se cruzam. A canção da tristeza, nas mãos que se desentrelaçam, nos corpos que se afastam, nos olhos que se abaixam.
A canção do entendimento, que toca em surdina, no silêncio cúmplice de quando nada é preciso dizer. A canção da inutilidade, no silêncio opressivo de quando nada resta a dizer.
A canção do prazer, nos sussurros de desejo dos corpos nus que se encontram e possuem. A canção da plenitude, na ternura que sucede à ânsia incontrolável do amor.
A canção da inocência, que brilha no sorriso confiante da criança. A canção do conhecimento, que traz a paz ao idoso. A canção da fé, que sustenta os vossos passos.
A canção da dignidade, que acompanha o trabalho honesto e produtivo, multiplicando o pão e a água do homem prudente, para prover às necessidades da sua jornada.
A canção da inquietude, que vos faz seguir em frente; como o navegante que singra os mares e enfrenta as tormentas, porque o barco ainda não chegou ao seu porto.
A canção da Vida, que todos os dias se renova ao vosso redor. Que está no bebê que nasce, na água que corre, na planta que brota, na ave que voa, no inseto que rasteja.
A canção da gratidão pela noite que cai, pelo dia que amanhece; por vossas tristezas e vossas alegrias, vossos passos e vossas quedas. Por cada chegada e por cada partida.  
Esta é a melodia que não vos é dado ouvir com os ouvidos do corpo, mas sim com os do coração. É a canção da Eternidade, que vos acompanha em cada momento. 
E é preciso que as palavras toquem a canção do Universo.
Para que possam ecoar em vosso verdadeiro Eu.  

57 Comentários:

Blogger Olhos de mel disse...

Querido Árabe; uma canção perfeita, que tocou o coração. Por sinal, muito linda essa canção!
Doce, sonhadora, como creio que deve ser a canção, que nos acompanha em cada momento da nossa vida.
Bela imagem!
Bom fim de semana! Beijos

25 de janeiro de 2013 17:18  
Blogger Olhos de mel disse...

Querido Árabe; só agora consegui ouvir a musica; linda demais! Beijos

25 de janeiro de 2013 17:54  
Blogger ✿ chica disse...

LINDÍSSIMO,intenso, profundo!ADOREI! Como sempre, aqui, aliás!! abração praiano,chica

26 de janeiro de 2013 00:57  
Blogger Fazendo um novo fim disse...

Nossa alma tem um tom, uma nota, uma cor...feliz daquele que tem esta percepção.
Belíssimas palavras como sempre, amigo!

26 de janeiro de 2013 18:56  
Anonymous regina disse...

Amei,cada dia está melhor,só queria que o sr. me respondesse,já perguntei várias vezes e a resposta nunca vem,é muito importante pra mim,_____o sr é Flávio cruz,irmão de Álvaro,que morou no imperador?por favor me responda.

27 de janeiro de 2013 05:24  
Anonymous morena disse...

Árabe,vê se vc lembra:"A noite olhe o céu,procure o cruzeiro....

27 de janeiro de 2013 05:29  
Blogger Ailime disse...

Olá amigo e bom Árabe, como sempre reflexões dentro de uma reflexão belíssima como se várias pérolas cantassem para nós a melodia do Universo. Hoje nem sei como comentar, porque tudo isto que partilha é de uma imensa riqueza espiritual. Muito obrigada. Desejo-lhe uma semana muito iluminada. Beijinhos, Ailime (Lê-lo e aprender com o amigo é uma bênção que me soa a uma canção celestial))

27 de janeiro de 2013 09:24  
Blogger Ailime disse...

Amigo Árabe, não sei ainda onde se clica :)) para ouvir a música de fundo! Beijinhos e obrigada. Ailime

27 de janeiro de 2013 09:25  
Blogger Claudinha ੴ disse...

Árabe, certamente suas palavras tocam as mais belas canções em nossos corações!

28 de janeiro de 2013 04:11  
Blogger C Valente disse...

as palavras são uma canção... sem musica
Saudações amigas

28 de janeiro de 2013 08:07  
Blogger Vanuza Pantaleão disse...

A canção da eternidade, essa é a verdadeira, a mais melodiosa, aquela que vem do Criador.
Lindo, lindo, lindo!!!!
Beijos, amigo!!!!

28 de janeiro de 2013 09:30  
Blogger ॐ Shirley ॐ disse...

A canção, cujas notas toquem as fibras da alma...Árabe, paz e luz!

28 de janeiro de 2013 10:00  
Blogger BlueShell disse...

O mais belo texto que li nos últimos anos...a sério....
Posso levar comigi?
Não levarei antes de ter tua autorização e a tê-la indicarei a fonte, claro.
BJ
BShell

28 de janeiro de 2013 10:15  
Blogger ONG ALERTA disse...

As palavras devem tocar sempre, abraço Lisette.

28 de janeiro de 2013 11:46  
Blogger Silenciosamente ouvindo... disse...

Meu amigo me desculpe já não
vinha cá a algum tempo.
Desejo que esteja bem.
Como sempre posts de muito
interesse.
Temos que avaliar bem todas as
palavras, reflectir no significado
das mesmas.
um beijinho
Irene Alves

28 de janeiro de 2013 12:12  
Blogger LUZ disse...

As palavras podem construir ou destruir, um ser humanao.

Boa semana.

28 de janeiro de 2013 12:36  
Blogger Só em Palavras disse...

Passando pra te ler
e desejar uma bela
noite de segunda-feira.
Bjins
Catiaho Reflexo d'Alma

28 de janeiro de 2013 15:40  
Blogger São disse...

A canção da Vida é a mias sublime, mesmo quando triste.

Bem hajas, meu amigo e mestre.

29 de janeiro de 2013 01:41  
Blogger BlueShell disse...

Obrigada, será devidamente identificado, meu querido.
BS

29 de janeiro de 2013 04:18  
Blogger ISA disse...

Boa Noite Amigo Árabe

Rico e intenso este impotente texto, do qual podemos tirar diversas reflexões para a Vida.

Obrigada, Bom resto de semana.

29 de janeiro de 2013 11:45  
Anonymous Sergio disse...

Irmão,

Lindas palavras.

Gratidão.

Sergio

29 de janeiro de 2013 15:06  
Blogger Daniel disse...

Como é difícil andar em linha reta... eu tento, tento, tento... todos os dias eu tento... e em muitos deles eu até consigo... mas é impressionante como sempre aparece algo para tentar desviar esse meu caminho.

Daniel

30 de janeiro de 2013 03:14  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Olhos de Mel. E você tem razão: a música é linda! Bom resto de semana.

30 de janeiro de 2013 11:15  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Chica. E você não desiste de me fazer inveja, hein? Bom resto de semana, curta bastante.

30 de janeiro de 2013 11:16  
Blogger O Árabe disse...

Bem colocado, sim: um tom, uma nota, uma cor... obrigado, Fazendo um Novo Fim. Bom resto de semana.

30 de janeiro de 2013 11:18  
Blogger O Árabe disse...

Regina, eu não havia visto; por isto que não respondi. Desculpe, mas aqui no blog tenho como princípio não colocar qualquer informação pessoal, entende? Até porque é um espaço, mesmo, do Hassan.
Pergunte pelo e-mail que está no perfil e prometo responder, certo? Obrigado pela opinião sobre os textos e bom resto de semana.

30 de janeiro de 2013 11:26  
Blogger O Árabe disse...

Morena, veja a resposta à pergunta anterior; e não se zangue, sim? É uma norma que faço questão de seguir. Obrigado pela presença, bom resto de semana.

30 de janeiro de 2013 11:29  
Blogger O Árabe disse...

Grato, Ailime, pela gentileza e pela amizade. Quanto à música, ela deveria tocar assim que se abrisse o post, mas talvez o seu navegador não suporte o formato mid. Vc usa o Internet Explorer? Bom resto de semana, amiga!

30 de janeiro de 2013 11:33  
Blogger O Árabe disse...

Você, Claudinha, sempre gentil; obrigado, amiga. Bom resto de semana!

30 de janeiro de 2013 11:33  
Blogger O Árabe disse...

Bem observado, amigo Carlos Valente.. ainda que nem sempre a canção nos agrade, não? :) Meu abraço, bom resto de semana!

30 de janeiro de 2013 11:34  
Blogger O Árabe disse...

Muito bem dito, Vanuza! Talvez a única que precisamos ouvir. Bom resto de semana, amiga.

30 de janeiro de 2013 11:35  
Blogger O Árabe disse...

Lúdico e acertado comentário, Shirley! Obrigado, bom resto de semana.

30 de janeiro de 2013 11:37  
Blogger O Árabe disse...

A sério, Blue, obrigado pela gentileza das suas palavras. E aqui, amiga, você já sabe: pode dispor de qualquer texto, como lhe apetecer; são nossos! Sempre. Bom resto de semana.

30 de janeiro de 2013 11:38  
Blogger O Árabe disse...

Devem, Lisette... ou nada acrescentarão às nossas ideias. Bom resto de semana!

30 de janeiro de 2013 11:39  
Blogger O Árabe disse...

Não há de que pedir desculpas, Irene... mas é sempre uma alegria a sua presença. Bom resto de semana, amiga!

30 de janeiro de 2013 11:40  
Blogger O Árabe disse...

Curto e verdadeiro, Luz! Bom resto de semana.

30 de janeiro de 2013 11:41  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Catiaho. Em breve, terei a alegria de retribuir a visita. Bom resto de semana!

30 de janeiro de 2013 11:42  
Blogger O Árabe disse...

Observação profunda, São... e inteiramente verdadeira, amiga; completamente de acordo. Bom resto de semana, amiga; fica bem.

30 de janeiro de 2013 11:43  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado a você, Isa, pela gentileza e pela alegria da sua presença. Bom resto de semana!

30 de janeiro de 2013 11:44  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, irmão; por tudo. Meu abraço, bom resto de semana!

30 de janeiro de 2013 11:45  
Blogger O Árabe disse...

Mas isto, Daniel, é o que realmente importa: que a gente tente, todos os dias! Meu abraço, bom resto de semana.

30 de janeiro de 2013 11:46  
Blogger Jaqueline Sales disse...

Você disse aqui algo que me tocou bastante, amigo. É verdade... Se as palavras não conseguirem tocar o melhor que há em nós, heveremos de ser fortes, muito fortes, para que elas não deixem escapar o que há de pior em nós.

BeijUivooooooooooosssss da Loba

30 de janeiro de 2013 12:11  
Blogger ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Caro amigo

E que estas
palavras,
continuem
a ser escritas
e ouvidas
a cada segundo
de nossas vidas.

Que todos os dias
os sonhos nasçam em ti,
como nasce o sol pela manhã...

30 de janeiro de 2013 15:07  
Blogger GarçaReal disse...


A vida é pois uma canção gerida pelo coração e pelos sentimentos do nosso interior.
As canções que tocamos umas são reais e dependentes da vontade, outras porém são independentes dessa mesma vontade.

Belo texto

Bjgrande do lago

31 de janeiro de 2013 07:48  
Blogger © Piedade Araújo Sol disse...

e como já dizia o poeta

a palavra é uma arma

um bom final de semana.

beijo

1 de fevereiro de 2013 05:40  
Anonymous Bel disse...

Linda canção consegui senti-la :). Passei para te desejar um óptimo fim-de-semana querido amigo.

Beijo

1 de fevereiro de 2013 07:59  
Blogger O Árabe disse...

Belo raciocínio, Keila! Bom fim de semana, amiga.

1 de fevereiro de 2013 08:11  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, amigo Aluisio. Meu abraço, bom fim de semana!

1 de fevereiro de 2013 08:12  
Blogger O Árabe disse...

Bem dito, Garça! E, quaisquer que sejam as canções, necessitamos ouví-las. Bom fim de semana!

1 de fevereiro de 2013 08:13  
Blogger O Árabe disse...

É, Piedade. Usemos estas armas, para obter a paz! Bom fim de semana.

1 de fevereiro de 2013 08:14  
Blogger O Árabe disse...

Feliz em saber, Bel, que a canção chegou a ti. Bom fim de semana, fica bem.

1 de fevereiro de 2013 08:16  
Blogger Sherazade disse...

Querido Árabe;
quando as palavras ressoam no mesmo compasso da canção, é sinal que o amor já fez morada no coração...
Lindo post! Bom fim de semana! Beijos

1 de fevereiro de 2013 08:43  
Blogger O Árabe disse...

Eis uma poética definição, Sherazade! Poética e sensata. Bom fim de semana!

1 de fevereiro de 2013 08:58  
Blogger Fa menor disse...

A vida é, assim, uma canção que nos é dado cantar... a plenos pulmões ou suavemente, ou apenas ouvir e saborear, conforme o momento e o lugar...

2 de fevereiro de 2013 02:30  
Anonymous De... disse...

Em tudo existe a música do Universo... e a nossa alma vibra sua própria canção.

Basta que nossos atos e palavras sejam direcionados com amor para estarmos em harmonia com a canção do Universo.

E jamais esqueçamos que a palavra cura ou mata.

Texto importante, Árabe!

Beijos...



2 de fevereiro de 2013 08:12  
Blogger O Árabe disse...

Isso, Fa menor. E essa dualidade torna maior o seu encanto.Boa semana!

4 de fevereiro de 2013 05:06  
Blogger O Árabe disse...

Certo, De. Até porque o amor é, em si, a própria harmonia. Boa semana!

4 de fevereiro de 2013 05:07  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial

Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Clicky