O Árabe

Idéias, sentimentos, emoções. Oásis que nos ajudam a atravessar os trechos desérticos da vida...

sexta-feira, 12 de julho de 2013

A DEUS, MEU IRMÃO



Você se foi, meu irmão.

E a saudade de você está doendo muito. Saudade da sua alegria, do amor que você espalhava à sua volta; da sua firmeza tranquila, que reconfortava e animava a todos.

Saudade dos seus olhos castanhos; do seu sorriso moleque, sorriso de menino, que nem o peso dos anos conseguiu modificar. Saudade da sua voz calma e arrastada.

Saudade dos seus cabelos brancos, da barriguinha proeminente, da paz que havia em seu olhar. Saudade das suas piadas, das suas histórias, da proteção sobre aqueles que amava.

Saudade que fica em seus teclados, em suas caixas de som, em tudo que compunha o seu mundo. Saudade que vive em cada canto da casa que você arrumou com tanto carinho.

Saudade que fica em nossa mãe, em seus irmãos, em seus filhos e netos, testemunhas vivas da sua capacidade de amar. Saudade que fica em seus amigos. Saudade de você.

Há pessoas que se tornam inesquecíveis. Que nem a morte consegue levar de nós, porque viverão sempre em nossa lembrança. Que estarão vivas, enquanto vivermos.

E assim é você, meu irmão, que continua vivo em nossos pensamentos. Você permanece em nós e se a sua falta nos faz chorar, a alegria de tê-lo conhecido nos leva a sorrir.

Você está presente, até na ausência. E a saudade, ao mesmo tempo em que nos magoa fundo, nos traz o consolo de lembrar você. Esta é a maravilhosa dualidade do amor.

Uma tristeza sem fim, uma sensação de perda irreparável, um vazio que nada no mundo conseguirá preencher. Uma dor na alma, que corta o coração e desaba de nossos olhos.

A sensação de que nunca mais o mundo será o mesmo. De que se foi um pedaço de nós; de que as cores já não são tão vivas, os sorrisos tão alegres, a vida tão bonita.

Mas a jornada continua. E é preciso retomar o caminho, em tributo à sua lembrança; é preciso voltar a percorrer a estrada, até o dia em que por nossa vez sejamos chamados.

E nesse dia, meu irmão, estaremos novamente juntos. Falaremos do nosso amor e da nossa saudade; trocaremos muitos abraços e celebraremos a alegria do reencontro.

No Coração do Universo. 

A Regi, que nos deixou em 07/07/2013.

Vídeo, com letra da música: http://youtu.be/H-yQc_nGDMU
Maravilhoso, apesar de pequenos erros. 

28 Comentários:

Blogger Olhos de mel disse...

Querido Árabe; não consegui terminar de ler. Mas voltarei depois. Mas essa dor, com certeza terá reflexo e guarida dentro dos corações, porque quando dividimos, ela se torna mais leve. A saudade aumentará com o distanciamento do tempo, da mesma forma que a lembrança. Mas essa dor será amenizada pela compreensão e pela certeza de que Deus existe.
Que a Luz Divina encaminhe-o sempre e encontre guarida na Casa do Senhor.
Esse é um momento que as palavras se tornam desnecessárias, basta dizer que estamos aqui.
Bom fim de semana! Beijos

12 de julho de 2013 18:19  
Blogger Verinha disse...

Lindo e verdadeiro.

12 de julho de 2013 18:40  
Blogger Paula Barros disse...

Uma bonita demonstração de afeto, de carinho, de amor. O tempo ameniza as dores, mas a pessoa fica em nós eternamente, e será sempre lembrada.
abraço, com meus sentimentos.

12 de julho de 2013 19:30  
Blogger ✿ chica disse...

Triste e irreparável perda! Meus sentimentos! Abracos,chica

13 de julho de 2013 02:54  
Blogger Benó disse...

É triste a partida de alguém a quem muito amamos.Viverá junto a nós, na nossa lembrança, eternamente.

13 de julho de 2013 09:54  
Blogger © Piedade Araújo Sol disse...

é sempre triste a partida de alguém.

me solidarizo com você.

um abraço

:(

13 de julho de 2013 12:01  
Anonymous gal disse...

Emoção ...muita emoção descritas em palavras firmes e verdadeiras.
A dor,o tempo se encarrega de curar,não existe dor que dure para sempre,mas ficará forte,a lembrança e o prazer de lembrar de uma pessoa tão querida e especial.
Um beijo grande

13 de julho de 2013 12:41  
Blogger Rô... disse...

oi meu amigo,

o que deve ficar é somente a saudades,
a dor e a tristeza devem desaparecer,
sinto muito, sei como é difícil esse momento...

beijinhos

13 de julho de 2013 15:58  
Blogger Wania Alves disse...

Caro amigo Árabe,

Ofereço-te um ombro para que te apoie...
A saudade não passa nunca, mas a dor sim...
Lembrando Santo Agostinho:

A morte não é nada.

Eu somente passei
para o outro lado do Caminho.

Eu sou eu, vocês são vocês.
O que eu era para vocês,
eu continuarei sendo.

Me dêem o nome
que vocês sempre me deram,
falem comigo
como vocês sempre fizeram.

Vocês continuam vivendo
no mundo das criaturas,
eu estou vivendo
no mundo do Criador.

Não utilizem um tom solene
ou triste, continuem a rir
daquilo que nos fazia rir juntos.

Rezem, sorriam, pensem em mim.
Rezem por mim.

Que meu nome seja pronunciado
como sempre foi,
sem ênfase de nenhum tipo.
Sem nenhum traço de sombra
ou tristeza.

A vida significa tudo
o que ela sempre significou,
o fio não foi cortado.

Porque eu estaria fora
de seus pensamentos,
agora que estou apenas fora
de suas vistas?

Eu não estou longe,
apenas estou
do outro lado do Caminho...

Você que aí ficou, siga em frente,
a vida continua, linda e bela
como sempre foi.

* * *

13 de julho de 2013 19:12  
Blogger luna luna disse...

também acredito que a jornada continua em outro plano dimensional, para quem fica a perda doi muito, que ele possa encontrar rápido o caminho da luz
beijinho terno

14 de julho de 2013 11:11  
Blogger Claudinha ੴ disse...

Árabe, lamento pela perda. Só me vem à cabeça, nestas horas, o Poema de Natal de Vinícius: Para isso fomos feitos... ... Por isso temos braços longos, para os adeuses, mãos para colher o que foi dado...
Que fique a essência, as boas lembranças. A saudade dói, mas ameniza com o tempo.
Meus sentimentos!

14 de julho de 2013 14:26  
Blogger Tamires disse...

Meus sentimentos pelo seu irmão! Sei como é difícil essas horas, e como ficamos chocados com o comportamento normal do resto das pessoas, a vida continuando ... Só quem já passou por essa experiência que sabe!
O texto está simplesmente espetacular! Seu irmão deve ter sido um grande homem. Que Deus console o coração de você e familiares!

14 de julho de 2013 21:50  
Blogger Fa menor disse...

Quando parte alguém que amamos muito deixa ficar um vazio, uma saudade sem limites...

Muita força!
Que o amor de Deus o abrace.

Bj

15 de julho de 2013 08:07  
Blogger Ateliê Tribo de Judá disse...

Por esses dias também tenho experimentado o sabor amargo da palavra Adeus, infelizmente não há nada que possa suprir o vazio que fica...mas o tempo...o bom e velho amigo tempo se encarregará de amenizar a saudade.
Sinta meu carinho e o meu lamento.
Beijos
Joelma

15 de julho de 2013 11:17  
Blogger Zilani Célia disse...

OI ÁRABE!
DOR SEM LIMITE, SEM MEDIDA, IRREPARÁVEL, É A DOR DA PERDA DE UM IRMÃO E É ESTA QUE AGORA EXPERIMENTAS,MAS, POSSO TE DIZER, QUE ELA SERÁ SUBLIMADA LENTAMENTE E CHEGARÁ UM MOMENTO EM QUE SÓ TERÁS NA LEMBRANÇA ESTE IRMÃO QUERIDO, EM SEUS MELHORES MOMENTOS.
ABRÇS E FORÇA, AMIGO.

http://zilanicelia.blogspot.com.br/

15 de julho de 2013 16:09  
Blogger São disse...

Amigo muito estimado, porque sei de experiência própria a dor e a tristeza da perda de alguém que se ama muito e porque também sei que nenhuma palavra tem o poder de nos consolar, te abraço com todo o carinho e apresento os meus sentimentos à tua família - especialmente a tua mãe.

Que o Grande Espírito esteja convosco e acolha o teu irmão, querido Swami.

15 de julho de 2013 16:16  
Blogger Rita disse...

Bom dia !!!
Meu querido amigo tudo que vc escreveu sobre seu irmão faço minhas palavras, tbém perdi a 2 anos uma irmã e ela fa zmuita falta pra nós, minha mãe ainda vive e sofre a perda da filha..mas são coisas que emso que passar e Deus nos da sabedoria para seguir em frente, fica na paz
Abraços com carinho
Rita!!!

16 de julho de 2013 04:09  
Blogger Smareis disse...

Oi Amigo Árabe,

Perder alguém é dolorido, e perder alguém de sangue é perder um pedaço de nós. Sei bem, o que é isso, é muito difícil.
O tempo vai amenizando a dor e transformando em grande saudade.
Vai um abraço pra ti de força e coragem.


Ja tem atualização, passa lá pra da uma olhadinha.
Abraços!
ótima semana!



16 de julho de 2013 21:29  
Blogger lua prateada disse...

Amigo Árabe....que dizer? neste momentos acho que nunca á, nigu
ém tem uma palavra que consele que tire um pouco a dor..ela continua fazendo doer e, só o tempo que faz a saudade voltar mas também faz a dor ir amenizando...
Força amigo...
Abracito meu

SOL

17 de julho de 2013 06:05  
Blogger Silenciosamente ouvindo... disse...

Meu querido amigo, lamento muito
a morte de seu irmão. Chorei
lendo suas palavras. Agora é a
sua hora de luto.

Os meus sentidos pêsames.
Bj.
Irene Alves

17 de julho de 2013 12:01  
Blogger ONG ALERTA disse...

Fica com Deus, paz em teu coração.
Beijo Lisette.

17 de julho de 2013 13:55  
Blogger Minha vida de campo disse...

Essa despedida nos deixam muito só, parece que se foi uma parte de nós. Por que temos que perder pessoas tão preciosas né. Mas ficam as lembranças dos bons momento.
Muita luz e paz.
Fique na paz.

18 de julho de 2013 11:50  
Blogger LUZ disse...

Tinha saudades de passar por cá, só que não esperava partidas, despedidas, que sabemos que são temporárias, mas doem, mesmo assim.

Estou com você.

Um abraço fraterno.

21 de julho de 2013 08:15  
Blogger O Árabe disse...

Amigos, não responderei esta semana comentário a comentário, como costumo fazer; a dor ainda é muito recente e profunda.
Mas agradeço a todos, de coração, as palavras de amizade e conforto, bem como os votos para o meu querido irmão. Que o Coração do Universo o acolha, e um dia nos reencontremos!

22 de julho de 2013 20:19  
Blogger ॐ Shirley ॐ disse...

Àrabe, sinto muito...Beijo no coração!

25 de julho de 2013 16:04  
Blogger O Árabe disse...

Grato, Shirley, pela amizade que reconforta. Bom fim de semana!

26 de julho de 2013 18:25  
Blogger Vanessa ੴ disse...

Sinto muito pela sua perda... grande abraço, querido amigo!

8 de agosto de 2013 09:23  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Vanessa.... obrigado.

9 de agosto de 2013 12:06  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial

Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Clicky