O Árabe

Idéias, sentimentos, emoções. Oásis que nos ajudam a atravessar os trechos desérticos da vida...

sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

A VOSSA VISÃO


 
Certo é que não se conhece um livro pela capa.
Contudo, é igualmente certo que pelos frutos se conhece a planta. Pois não pode a tamareira produzir damascos; nem o pessegueiro ofertar outro fruto, além dos pêssegos que gera.

E, se assim é, aquele que deseja damascos não deve esperar que possa encontrá-los na tamareira; nem deve o que busca tâmaras desperdiçar o seu precioso tempo com o pessegueiro.
Porque cada um não pode oferecer senão o que tem em si mesmo. E sensato é o homem que não espera o impossível; nem acredita que a sua vontade possa mudar as leis da natureza.

Sempre vos deixais, todavia, levar pelas aparências. E descuidai-vos de observar as ideias, os gestos e as atitudes das pessoas, quando seduzidos estais por seu porte ou sua beleza.
Entretanto, embora o luar sobre as areias do deserto em ouro pareça transformá-las, areias continuam a ser; e as águas azuis do oceano, apesar de seu encanto, não saciam a vossa sede.

Esta é a verdade. E de nada vos serve quedar-vos em frente ao oceano, se sedentos estiverdes; melhor fareis em buscar águas frescas e potáveis, que vos possam dessedentar.
Pois, ainda que à vossa vaidade agrade a ilusão de possuir o oceano, não são as suas ondas que vos saciarão a sede inclemente, mas a água bendita e amiga do poço escuro e humilde.

Não deveis obstinar-vos em perseguir o que acreditais desejar; mas utilizar as vossas forças, para obter o que realmente necessitais. Aprendei esta lição e melhor aproveitareis a vida.
Libertai-vos do jugo das aparências. E recordai que, se o belo não é necessariamente o melhor, nem o feio o pior, o inverso também acontece; não é, pois, pelos olhos que deveis julgar.

É pelas obras, que se julga o homem; como é pelos frutos que se conhece a planta e pelos conceitos que vos transmite, que deveis avaliar um livro. Evitai ceder à cegueira comum da visão.
Porque não é apenas com os olhos da face, que podeis enxergar; mas também com os do espírito. E aquele que não os utiliza é como o caolho, que se nega a usar a visão que lhe resta.

Aprendei a usar a vossa visão. Ainda que não consigais, no início, ver longe, podeis tentar enxergar o que está perto de vós; aos poucos, sereis capazes de enxergar mais e mais.
Deixai-vos seduzir pelo belo; mas não a ponto de à beleza vos escravizardes. Porque a vossa felicidade não está nas pessoas ou coisas que vos cercam; é em vós, que ela nasce.

E dela não vos deveis afastar.

Música:
http://ohassan.dominiotemporario.com/midis/ernesto_cortazar_misty.mid
(Texto escrito a 4 mãos; os conceitos em destaque são do amigo Manoel Messias)

 

31 Comentários:

Blogger Olhos de mel disse...

Bela lição Árabe! Decerto, a beleza deve ser algo e vir de dentro de cada ser. As aparências nem sempre nos mostram a verdadeira face.
Bela musica e bela imagem!
Bom fim de semana! Beijos

15 de janeiro de 2016 17:20  
Blogger Arco-Íris de Frida disse...

O belo atrai, isso é certo, e em todos os setores da vida humana... o olhar se demora mais na pessoa mais bonita, na casa mais bonita, no carro mais bonito... mas... é vivendo e as vezes as duras penas, que aprendemos que relativo ao ser humano, o belo vem aliado as açoes, a personalidade, ao carater...
Belo é tudo aquilo, ou quem... nos faz bem...

Um otimo fim de semana para vc Arabe, com muita paz e luz...

Beijos...

16 de janeiro de 2016 05:29  
Blogger Fá menor disse...

É que é isso mesmo! :)

Bom fim-de-semana, meu bom amigo!

16 de janeiro de 2016 06:18  
Blogger Daniel C.da Silva (Lobinho) disse...

Interessantissimo com uma ideia final a repetir a interiorizar por cada um de nós.

Grande abraço

16 de janeiro de 2016 09:02  
Blogger ॐ Shirley ॐ disse...

Vivemos no mundo das formas, das aparências, das ilusões
e esquecemos de ouvir o que diz o nosso eu interior...
O Árabe, abraços!

16 de janeiro de 2016 16:00  
Blogger CÉU disse...

Um texto, para além de muito bem escrito, tal como é já seu apanágio, muito interessante, sugestivo e reflexivo.
Aqui, não se pode aplicar o provérbio ou expressão "os olhos são as janelas da alma" ou será que pode?
Sabemos todos que as aparências nada querem significar, mas por elas somos levados. Desde crianças que tal nos é incutido. Tentemos saber discernir e escolher.

Boa e luminosa semana.

Aquele abraço, Flávio!

18 de janeiro de 2016 04:26  
Blogger Maria Luzia Araujo disse...

Pois é árabe, belo para mim é tudo aquilo que alegra o meu coração. Sou de focar na simplicidade das coisas, das pessoas. Tenha uma semana tranquila! Obrigada, amei o texto!

18 de janeiro de 2016 06:11  
Blogger São disse...

Felicidade não é permanente.

Sim , devemos procurar em nós o que precisamos, pois ser dependente ou viver em função de uma pessoa resulta geralmente muito mal.

Swami , abraço carinhoso para ti.

18 de janeiro de 2016 11:02  
Blogger Vera Lúcia disse...


Olá amigo Árabe,

Parabéns ao Manoel Messias, que esteve altamente sintonizado com o texto, dando-lhe um belo complemento.
Os olhos da face podem se equivocar, mas nunca os que enxergam com a alma. As aparências, muitas vezes, levam a prejulgamentos, que, por sua vez, conduzem a enganos. As atitudes falam por si e são reveladoras. A beleza é uma natural fonte de atração, mas é preciso não se deixar ofuscar por ela, prestando-se atenção à voz interior, que recomenda uma avaliação mais acurada quanto aos atributos reais do que/quem se mostra belo.
Subscrevo a frase final: "... Porque a vossa felicidade não está nas pessoas ou coisas que vos cercam; é em vós, que ela nasce."

Adorei ouvir a música.

Feliz semana.

Abraço.

18 de janeiro de 2016 17:32  
Blogger Cristina Sousa disse...

Olá

Amei o texto, a musica.

Boa semana

Beijinhos

19 de janeiro de 2016 03:54  
Blogger Ailime disse...

Boa noite meu Amigo e bom Árabe, um texto muito belo e profundo.
Infelizmente vivemos num mundo em que a aparência ainda tem um grande impacto. Esquecemos e falo por mim que as coisas mais simples são as que contêm um interior mais rico. Assim como nas pessoas em geral a aparência nada significa, mas sim os valores que defendem e a forma como se conportam no seu modo de ser e estar. Apreciei imenso a parte final que vem muito de encontro ao que penso.
Desejo-lhe continuação de boa semana.
Beijjnhos,
Ailime
(Mais logo ouvirei a música).

19 de janeiro de 2016 16:45  
Blogger Ailime disse...

Rectifico a palavra "comportam" e também aproveito para agradecer ao seu amigo que complementou muito bem. Obrigada a ambos.

19 de janeiro de 2016 16:48  
Blogger Marina Fligueira disse...

¡Bueno, esto si que me parece extraño!!! Desaparecer sin más mi comentario... Bien pues haber si a la segunda va la vencida.

A mí también me desaparecieron un puñado de seguidores del recuadro que tengo a mi derecha. No sé el motivo ni quien. Paciencia...

Te decía que me encanta este texto poético que nos entregas: después de leerlo y releerlo llego a la conclusión de que son lindas metáforas para una reflexión sobre el comportamiento humano. La apariencia es lo de menos, aunque no solo hay que ser!... Sino también parecer. Pero bueno, lo interior del alma, es lo que vale.

Es siempre un inmenso placer pasar a leer tus reflexione muy acertadas. Gracias por ello.
Te dejo mi gratitud y mi estima siempre.
un abrazo y se muy muy feliz.

20 de janeiro de 2016 09:21  
Blogger © Piedade Araújo Sol disse...

muito interessante, e como sempre muito reflexivo.
achei muito interessante a intromissão das palavras do Manoel Messias pois ficou muito bem e ainda enriqueceu mais o texto.
parabéns aos dois!
beijinho
:)

20 de janeiro de 2016 12:18  
Blogger O Árabe disse...

Assim é, Olhos de Mel! Existe um ditado popular, que considero pitoresco e verdadeiro: "É preciso comer farinha juntos, pra que se possa conhecer outra pessoa". Legal, não? :) Bom resto de semana, obrigado.

21 de janeiro de 2016 09:02  
Blogger O Árabe disse...

Gostei da colocação, Arco-Íris. Eu também acredito que a verdadeira beleza vem de dentro... a externa, o tempo leva; importante é quem nos faz sentir-nos bem. Obrigado, amiga; bom resto de semana.

21 de janeiro de 2016 09:04  
Blogger O Árabe disse...

Bom resto de semana, Fa; sempre uma alegria a tua presença!

21 de janeiro de 2016 09:05  
Blogger O Árabe disse...

Como você viu, Daniel, a ideia não foi minha... mas a subscrevo inteiramente! :) Meu abraço, bom resto de semana.

21 de janeiro de 2016 09:06  
Blogger O Árabe disse...

Você está certa, Shirley: muitas vezes nos deixamos levar pelas aparências e esquecemos de ouvir o nosso Eu interior. Obrigado, bom resto de semana.

21 de janeiro de 2016 09:08  
Blogger O Árabe disse...

Acho que os olhos são as janelas da alma, sim, Céu; mas não devemos atentar para a beleza deles, e sim para o que expressam. Obrigado, amiga; bom resto de semana!

21 de janeiro de 2016 09:12  
Blogger O Árabe disse...

Boa definição, Maria Luzia: belo é tudo aquilo que nos alegra o coração! :) Obrigado, bom fim de semana!

21 de janeiro de 2016 09:13  
Blogger O Árabe disse...

Com certeza, São! Não dá pra viver em função de alguém; até porque cada um precisa percorrer o seu próprio caminho. Meu abraço, amiga; bom resto de semana.

21 de janeiro de 2016 09:15  
Blogger O Árabe disse...

Também a subscrevo, Vera; acho excelente o conceito. Se o aprendermos, fica muito mais fácil (ou menos difícil?:) ser feliz. Acho que você também vai adorar a música do post de amanhã; depois me diga. Bom resto de semana, amiga!

21 de janeiro de 2016 09:18  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Cristina. Volte sempre, o oásis é nosso! Bom saber que você gostou, bom resto de semana.

21 de janeiro de 2016 09:24  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Ailime, pela gentileza e pelo belo comentário. Eu também agradeço ao Manuel, cujos conceitos inspiraram o texto. Bom resto de semana, amiga!

21 de janeiro de 2016 09:27  
Blogger O Árabe disse...

Estranho, não é, Marina? Acho que ninguém entende os caprichos desse mundo eletrônico. Grato por sua paciência, e pela gentileza do seu acertado comentário. Bom resto de semana!

21 de janeiro de 2016 09:29  
Blogger O Árabe disse...

Sem dúvida, Piedade, os conceitos do Manuel vieram enriquecer e muito o texto; que, aliás, foi sugerido por eles. Obrigado, bom resto de semana!

21 de janeiro de 2016 09:35  
Blogger Ailime disse...

Boa noite Amigo,
Acabei agora de ouvir a música e achei linda, repousante.
Obrigada e o meu desejo de bom fim de semana que se aproxima.
Ailime

21 de janeiro de 2016 14:27  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Ailime. Boa semana, amiga!

25 de janeiro de 2016 04:04  
Blogger MEU DOCE AMOR disse...

Claro.Mas...

27 de janeiro de 2016 08:37  
Blogger MEU DOCE AMOR disse...

"Certo é que não se conhece um livro pela capa"

Mas pelo andar da carruagem sabe-se quem lá vai?


Beijoca e espero que estejas bem

31 de janeiro de 2016 04:54  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial

Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Clicky