O Árabe

Idéias, sentimentos, emoções. Oásis que nos ajudam a atravessar os trechos desérticos da vida...

sexta-feira, 24 de janeiro de 2020

SEMEANDO ESTRELAS



Semeai estrelas, em vosso caminho.

Porque assim, quando vos procurarem as sombras da amargura, a luz das estrelas que semeastes vos indicará o rumo a seguir. E não estareis perdidos, enquanto o seu brilho vos guiar pela Vida.

E, nos momentos de alegria, vereis ainda mais claramente o quanto sois felizes, pela luz que espalhais à vossa volta. Porque, eu vos tenho dito, o que acende a luz é o primeiro a ser iluminado.

Plantai, portanto, a luz por onde passardes. E descobrireis que aqueles a quem iluminardes emprestarão as suas próprias estrelas, para iluminar o vosso caminho, quando a vossa noite chegar.

Semeai estrelas, em vosso caminho.

Porque ninguém existe que se possa sentir feliz e seguro, diante da escuridão de um céu noturno. Todos necessitais do brilho das estrelas, para mostrar-vos que a luz sempre vence as trevas.

Porque cada uma das estrelas que semeardes, seja um sorriso ou até mesmo uma lágrima, representa um instante em que a alegria ou a tristeza vos tocou; alcançou o vosso verdadeiro Eu.

E as emoções são o vosso guia; são o que de mais verdadeiro existe em vós. E estarão convosco por toda a Eternidade, enquanto passeardes pelos belos jardins da Mansão do Amanhã.

Semeai estrelas, em vosso caminho.

Porque todo homem distribui ao seu redor aquilo que nele existe. E não é sábio o homem que, podendo ser um portador da luz, escolhe espalhar trevas, que findarão por envolver a ele mesmo.

E porque é rumo à luz, que todos caminhais. Cada uma das vossas jornadas sobre a terra vos prepara para o tempo em que, finalmente, podereis voar livres entre as estrelas; como um dia fareis.

Semeai as vossas estrelas, sem medo de que vos venham a faltar. Porque aprendereis que, quanto mais estrelas lançardes sobre os que vos cercam, mais estrelas surgirão em vosso alforje.

Semeai estrelas, em vosso caminho.

Porque o que semeais é o que um dia colhereis. E o que quereis para vossas almas não é a escuridão da solidão e do sofrimento; mas a luz bendita e cálida do amor, da esperança e da felicidade.

Porque precisais andar juntos. E cada um de vós tem o dever de iluminar o caminho dos vossos irmãos; para que não venham a tropeçar em obstáculos que, no passado, já vos fizeram cair.

Se assim procederdes, vereis que mais fácil e suave se tornará a jornada; e juntos alcançareis o que todos buscais. Semeai estrelas em vosso caminho, e mais fácil se tornará a jornada.

Rumo ao Coração do Universo.


Música:
http://ohassan.dominiotemporario.com/midis/ernesto_cortazar_stardust.mid

Link para música.

Link para vídeo.

AGRADEÇO A VOCÊS, AMIGOS, PELA FORÇA QUE TRANSMITIRAM A MIM E MINHA FAMÍLIA, DURANTE ESTA SEMANA. HÁ, REALMENTE, HORAS EM QUE AS PALAVRAS DE POUCO ADIANTAM; MAS A AMIZADE E O CARINHO SEMPRE NOS RECONFORTAM. OBRIGADO!  

36 Comentários:

Anonymous Lúcia Laborda disse...

Como diz o ditado Árabe, cada um colhe o que planta. Belo post!
Não nos agradeça Árabe; apenas nos unimos numa hora tão difícil. Fomos atraídos pela luz das estrelas, que você semeou.
Bom fim de semana! Beijos

24 de janeiro de 2020 22:29  
Blogger chica disse...

Semeemos estrelas pra não colhermos "porco-espinhos",rs... Lindo como sempre, cheio de sabedoria!
Como estás? abração praiano, tudo de bom,chica

25 de janeiro de 2020 06:47  
Blogger A Casa Madeira disse...

Com certeza ainda o melhor a se fazer é semear.

Andas-tes um pouco ausente da acasa; que bom que retornou...
Eu não sabia se foi alguma coisa que eu tenha dito nos comentários k;
Tenha um bom finalzinho de mês.
PAZ E BEM.

25 de janeiro de 2020 14:55  
Blogger Roselia Bezerra disse...

Boa noite de sábado, amigo Árabe!
Semear estrelas é para almas sensíveis. Quem verá o brilho delas não será o semeador. Entretanto, que prazer o de semear!
A ordem do Mestre: ser luz!
Alforje cheio até o fim.
Muito bonito e profundo o post!
Tenha um final de semana abençoado!
Abraços fraternos de paz e bem

25 de janeiro de 2020 20:44  
Blogger CÉU disse...

Isso mesmo! Colhemos aquilo que semeámos.
É sempre agradável escutar Ernesto Cortazar. Qto ao vídeo, conheço a cantora, k tem um vozeirão, mas não conhecia essa canção, k se insere no seu post.

Abraços e boa semana!.

26 de janeiro de 2020 19:21  
Blogger Ailime disse...

Boa tarde Amigo e bom Árabe,
Quantos ensinamentos neste post e que feliz e linda a expressão "semear estrelas"...
Pois cada um à sua maneira tem de fazer da viagem pela terra um caminho de luz que seus semelhantes tenham prazer em percorrer.
Semear estrelas e não escuridão para que a vida se torne mais suave e justa para com todos.
Há muitas formas de semear estrelas e não custa nada. Um gesto, um carinho, um sorriso, um cumprimento.
Que saibamos ser Luz como o Coração do Universo nos pediu.
Linda e calma a música de Ernest Cortazar e é sempre com emoção que ouço Whitney Houstonn.
A letra da música está em perfeita sintonia com seu belo texto.
Desejo-lhe uma suave e agradável semana.
Beijinhos,
Aiolie

27 de janeiro de 2020 15:04  
Blogger Majo Dutra disse...

Estimado Árabe.
Belíssima parábola!
O Amigo emprega esta figura de estilo com sábia mestria.
A grande metáfora em que se baseia, também é brilhante.
A leitura agradou-me bastante -- concordo com todas as ilações éticas que mencionou.

Gostei mais da música, é divinal! Não conhecia...
A canção tem um poema interessante, mas o canto está muito alto, digo eu, srrsssss...

Agradecendo as palavras, conforto e música, deixo-lhe
o meu abraço.
~~~

28 de janeiro de 2020 15:18  
Blogger Teresa Isabel Silva disse...

Muita força meu caro, só li agora a publicação anterior...

Bjxxx
Ontem é só Memória | Facebook | Instagram | Youtube

28 de janeiro de 2020 17:06  
Blogger Amélia disse...

Magnífico post! Seria tão bom semearmos estrelas para com sua luz brilhante ajudar o próximo não se perder na escuridão. Cada um de nós colhemos o que semeamos.
Bj

28 de janeiro de 2020 18:45  
Blogger Delas&Deles ou ViceVersa disse...

Árabe,
Achei o texto tão
inspirador que me deu
um conforto.
Adorei ler.
Bjins

28 de janeiro de 2020 21:12  
Blogger Marina Filgueira disse...

¡Qué buen y bonito post, Árabe!

Sembrar estrella, solo el titulo ya es poesía y sí que debemos sembrar semillas con luz que reflejen el camino del amor y recoger buena cosecha.

Toda una lección de vida, maestro.
Un brazo y bendiciones

29 de janeiro de 2020 07:10  
Blogger Mariazita disse...

Como me esqueço sempre de falar da música e vídeo... vou começar por aí.
A música de Ernesto Cortazar é sempre bonita, ouve-se com muito agrado.
O vídeo é, simplesmente, maravilhoso. Que grande perda foi a partida de Whitney Houston! Foi, com toda a razão, considerada uma das maiores e melhores cantoras mundiais. E esta canção é lindíssima.
Agora, o teu texto:
Magnífico, como sempre.
"ninguém existe que se possa sentir feliz e seguro, diante da escuridão de um céu noturno" - por isso mesmo temos que semeá-las sem parcimónia, para que elas nunca nos faltem, e sempre alumiem os nossos caminhos.

Continuação de boa semana, meu caro Árabe.
Beijinhos
MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS

29 de janeiro de 2020 08:29  
Blogger silvioafonso disse...

Como escreve fácil essa pessoa...
Um abração meu amigo. Boa noite.

29 de janeiro de 2020 20:47  
Blogger maria luzia disse...

Assim mesmo meu amiguinho, temos boas colheitas do que plantamos e cuidamos com amor e carinho. Amei tudo, tudo mesmo! Tenha ótima semana, obrigada e grande abraço pra você. Fica com Deus!

29 de janeiro de 2020 21:10  
Blogger saudade disse...

Sempre maravilhosos os teus textos.
Bom resto de semana

30 de janeiro de 2020 06:51  
Blogger silvioafonso disse...

Aquele que semeia estrelas colhe
aurora boreal, colhe? (risos)

31 de janeiro de 2020 17:53  
Blogger O Árabe disse...

Não sei, Lúcia... acho que as semeamos juntos; pelo menos, tentamos. :) Mas sou grato, a todos! Meu abraço, obrigado; bom fim de semana.

31 de janeiro de 2020 19:08  
Blogger O Árabe disse...

Mai sou menos por aí, Chica... melhor colhermos estrelas, não? :) Feliz em saber que vocês estão na praia, que amam! Meu abraço, amiga; obrigado, bom fim de semana.

31 de janeiro de 2020 19:09  
Blogger O Árabe disse...

Nada que pudesses ter dito, Janicce, me afastaria da Casa... e, sem trocadilho, não foi o caso! Tenho andado meio abafado, como dizemos por aqui; mas é sempre bom voltar por lá... e ter você por aqui! :) Meu abraço, amiga; obrigado, bom fim de semana.

31 de janeiro de 2020 19:12  
Blogger O Árabe disse...

Grato, Rosélia... e continuemos a semear estrelas! Meu abraço, amiga; bom fim de semana!

31 de janeiro de 2020 19:21  
Blogger O Árabe disse...

Bom saber que te dei a conhecer a canção, Céu! Gosto muito da Withney Houston! Obrigado, amiga; meu abraço, bom fim de semana!

31 de janeiro de 2020 19:22  
Blogger O Árabe disse...

Bem como disseste, Ailime: "Semear estrelas e não escuridão para que a vida se torne mais suave e justa para com todos.Há muitas formas de semear estrelas e não custa nada. Um gesto, um carinho, um sorriso, um cumprimento.Que saibamos ser Luz como o Coração do Universo nos pediu.". Que assim seja, minha amiga! Meu abraço, bom fim de semana.

31 de janeiro de 2020 19:24  
Blogger O Árabe disse...

Grato, Majo, por sua amizade e pela gentileza de suas palavras! Meu abraço, amiga; bom fim de semana.

31 de janeiro de 2020 19:28  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Isy! É difícil, amiga... mas a lembrança dela nos traz muitas forças! Meu abraço, bom fim de semana.

31 de janeiro de 2020 19:29  
Blogger Roselia Bezerra disse...

🙏💫💫💫✨✨✨🙏

31 de janeiro de 2020 19:30  
Blogger O Árabe disse...

Assim é, Amélia: colhemos o que semeamos. Sempre! Obrigado, amiga; meu abraço, bom fim de semana.

31 de janeiro de 2020 19:30  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Cátia! Também gostei muito do texto do Sílvio lá no "Deles ou Delas"! Meu abraço, amiga; bom fim de semana.

31 de janeiro de 2020 19:33  
Blogger O Árabe disse...

Verdade, Marina: semeando estrelas, iluminamos o nosso caminho e recolhemos uma bela colheita! Obrigado, minha amiga; meu abraço, bom fim de semana!

31 de janeiro de 2020 19:34  
Blogger O Árabe disse...

Concordamos inteiramente quanto às músicas, Mariazita. E concordo, também, com a tua opinião: "por isso mesmo temos que semeá-las sem parcimónia, para que elas nunca nos faltem, e sempre alumiem os nossos caminhos.". É bem por aí! Meu abraço, amiga; bom fim de semana.

31 de janeiro de 2020 19:36  
Blogger O Árabe disse...

Grato, Sílvio. A recíproca é verdadeira, amigo! Gosto muito do que você escreve. :) Meu abraço.

31 de janeiro de 2020 19:37  
Blogger O Árabe disse...

E você, Saudade, sempre amiga e gentil: obrigado! Meu abraço, bom fim de semana.

31 de janeiro de 2020 19:38  
Blogger O Árabe disse...

Acredito que sim, Silvio... mas aí precisa semear muita luz, viu? :) Grande abraço, bom fim de semana!

31 de janeiro de 2020 19:39  
Blogger O Árabe disse...

Grato, Rosélia. Meu abraço, amiga!

31 de janeiro de 2020 19:39  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Maria Luzia! Só agora vi o seu comentário, amiga. Fico feliz porque lhe agradou... e porque você voltou a postar! :) Meu abraço, amiga; bom fim de semana!

31 de janeiro de 2020 19:41  
Blogger Ateliê Tribo de Judá disse...

Lamento !!Eu atrasada como sempre, mas aqui deixo meu carinho
A dor nos fazendo companhia de formas diferentes mas temos a alternativa de sermos fortes e prosseguirmos.

beijos

Joelma

2 de fevereiro de 2020 19:44  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Joelma, e concordo: esta é sempre a alternativa: sermos fortes e seguirmos em frente! Meu abraço, boa semana.

3 de fevereiro de 2020 09:41  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial

Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Clicky