O Árabe

Idéias, sentimentos, emoções. Oásis que nos ajudam a atravessar os trechos desérticos da vida...

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

DO UNIVERSO


Deixai, hoje, que eu vos fale do Universo.

Que vos oferece a beleza do dia e o fascínio da noite. Que vibra no canto de cada pássaro, brilha em cada estrela e corre com as águas dos rios. Que habita em vosso verdadeiro Eu.

É nos vossos sentimentos, que melhor O percebeis. Na angústia das vossas tristezas e no enlevo das vossas alegrias. Na saudade e no reencontro, nas esperanças e nas desilusões.

Por isto, não vos preocupeis em buscá-Lo. Buscai, antes, despertar o vosso verdadeiro Eu; é assim que descobrireis a Sua presença na natureza e ouvireis a Sua voz bem junto ao vosso coração.

É em vós, que podereis encontrá-Lo. Entretanto, procedeis como o homem que se dedica à busca de flores pelos caminhos do mundo, esquecido de semeá-las em seu próprio quintal.

Ou como aquele que reclama da escuridão, quando deveria acender o lume. Ou como o desavisado que resmunga contra o frio, em vez de aconchegar-se sob o próprio cobertor.

Assim fazeis, muitas vezes. Desviais os vossos olhos do caminho, e culpais a pedra contra a qual se magoam os vossos pés. Negai-vos a escutar a canção do amor, e amargais o pranto da saudade.

Não sois capazes de admitir os vossos erros e as conseqüências que vos trazem. Preferis admitir um deus vingativo, que vos castiga pelas culpas, a ver o Pai amoroso, que pelo aprendizado vos permite atingir o crescimento.

Longe de vós, está o poder de ofender o Universo; aquele que erra a ninguém ofende, senão ao seu verdadeiro Eu. Sobre o solo, cai a ave que fecha as suas asas; e morre o peixe que abandona o mar.

Das sementes que semeardes no caminho dos vossos irmãos, virão os frutos que colhereis em vosso próprio caminho. E as vossas próprias mãos amontoam as pedras que amanhã dificultarão a vossa jornada.

É assim que é; não porque vos castigue o Universo, mas porque a ponte do aprendizado é o caminho que vos reconduz à Sua descoberta. E apenas tábua por tábua a podereis construir.

Abandonai, portanto, os vossos medos e preconceitos; cultivai a tolerância e no amor baseai as vossas atitudes. Assim, o vosso verdadeiro Eu vos mostrará que jamais vos foi necessário procurar o Universo.

Porque a Sua Força existe em vós.

UPGRADE, EM 25/11/2009: Não consegui responder aos comentários, amigos; problemas de trabalho, com o fim de ano. Mas li todos. Com muito carinho. Desculpem-me, sim? 

27 Comentários:

Anonymous Olhos de Mel disse...

Árabe em suas doces palavras vejo uma luz a iluminar os caminhos. Bela lição de vida! As suas prosas poéticas, são provas incontestáveis, de que quem divide o que tem, multiplica-o dentro de si. Por isso a cada dia, toca mais profundamente, os corações daqueles com quem partilha. Hoje não podia ser diferente. Tudo aqui tem muito de uma pessoa iluminada e que traz suas experiências de vidas e quem sabe até passadas?
A imagem e a musica dão um tom harmônico e sublime! Maravilhoso!
Bom final de semana! Beijos

13 de novembro de 2009 16:27  
Blogger Filha do Sol e do Mar disse...

em cada uma das nossas células!
um verdadeiro potencial!

Bom fim de semama.

14 de novembro de 2009 02:16  
Blogger Arabica disse...

...mas sim, que o Universo nos foi, desde o inicio oferecido?

Um abraço, Árabe e bom fim de semana!

14 de novembro de 2009 11:12  
Blogger © Piedade Araújo Sol disse...

Amigo Arabe

em cada uma das suas frases, podemos tirar sempre várias ilaçoes e conselhos, todos os seus textos sao alvo de reflexão,e, sei que me repito mas, sao sempre cheios de sabedoria.

grata

um bom fim de semana!

um beij

14 de novembro de 2009 11:38  
Blogger Chica disse...

Lindos, sábios e tão doces esses teus conselhos e mensagem.Muito bom ! Precisamos disso, nesse mundo tão pesado e com tanta brutalidade. abração,tudo de bom,chica

15 de novembro de 2009 08:34  
Blogger Marlene Maravilha disse...

"...Abandonai, portanto, os vossos medos e preconceitos; cultivai a tolerância e no amor baseai as vossas atitudes. Assim, o vosso verdadeiro Eu vos mostrará que jamais vos foi necessário procurar o Universo.
Porque a Sua Força existe em vós..."
Aqui está uma receita para viver bem e feliz! Parabéns!
abracos

15 de novembro de 2009 11:38  
Blogger Nova Civilização disse...

Olá Árabe,

gostei muito do seu texto. Realmente nós somos a ponte para esse universo. Encontrar a essência plena em nós e descobri o quanto podemos crescer e evoluir. Com a eterna vivência do amadurecimento em plantar para colher. Quando nos percebemos no mundo pelas nossas atitudes vemos o quanto precisamos aprender, renovar e com tudo isso até reconstruir velhas moradas em ruínas.

obrigada,

Gisele

15 de novembro de 2009 12:04  
Blogger VANUZA PANTALEÃO disse...

Amigo,
Cultivar a tolerância é o que mais faço em dois mundos, o real e o virtual. Mas não é nada fácil, rsrs. Gosto quando nos lembra desses Princípios básicos de convivência entre os homens.
O novo post tá prontinho, os dois únicos problemas é o calor e a...preguiça, rssss. Confessei.
Uma ótima semana, Árabe!!!Bjsss

15 de novembro de 2009 13:29  
Blogger VANUZA PANTALEÃO disse...

Concordância correta: "SÃO". Meus miolinhos estão fervendo. Desculpe-me!

15 de novembro de 2009 13:32  
Blogger Barbara disse...

Interdependência total.
Estamos dentro e portanto, o que escreves é certo.
Dentro do Universo e não fora dele.
Ele/Ela em Galáxia nos abraça e acolhe.
Dentro.
Isso é ao mesmo tempo grande pela Misericórdia de termos recebido um corpo físico e pela humildade que deve advir deste reconhecimento.
Dentro.
Um abraço, Àrabe, eu estava com saudades.

15 de novembro de 2009 15:32  
Blogger São disse...

Mais uma lição de grande sabedoria dada com ternura, que é essencial!

Bem hajas, Swami querido!

16 de novembro de 2009 03:34  
Blogger Fa menor disse...

Delícia de leitura!
No entanto, assim fosse tudo tão simples...
quantas vezes se semeiam flores e nem se colhe um pouco do seu perfume;
quantas vezes se acende o lume e nos queimamos;
quantas vezes tanto damos e tão pouco ou nada recebemos...
onde estão os erros que nem sempre se vislumbram?
Eu sei que a força tem de vir de dentro... mas, às vezes, sabia tão bem um gesto vindo de fora, que tarda em chegar...

Obrigada pelos teus maravilhosos gestos!

Boa semana

Beijos

16 de novembro de 2009 07:57  
Blogger Souza disse...

gostei
achei interessante

tenha uma otima semana

:)

16 de novembro de 2009 11:35  
Blogger Multiolhares disse...

É esse o caminho, mas dificil irmos de encontro ao nosso eu.
Bjs

16 de novembro de 2009 12:57  
Blogger Whispers disse...

Querido Árabe
Palavras sabias
A força existe em cada um, saber a usar e que esta uma ciência
Boa semana
Mil beijos

16 de novembro de 2009 13:39  
Blogger Benó disse...

Obrigada por toda a força que nos é transmitida pelas suas mensagens.
Uma boa semana, amigo

16 de novembro de 2009 15:11  
Anonymous De... disse...

Nossos atos e pensamentos são determinantes.
Pensamos...agimos...e o Universo diz: Cumpra-se!

"Sobre o solo, cai a ave que fecha as suas asas; e morre o peixe que abandona o mar."

Caro Árabe: frase perfeita!
Nada mais a dizer.

Beijos...

16 de novembro de 2009 17:13  
Blogger Daniel disse...

As palavras que aqui leio sempre são confortadoras e verdadeiras. Parece até palavras de um espírito de luz.
Abs

18 de novembro de 2009 06:45  
Blogger Deusa Odoyá disse...

Olá meu amigo sumido.
O Universo de nossa caminhada.
Os espíritos de luz em seu habitat.
Nossa, muito lindo esse texto.
Uma semana de muitas realizações e paz.
Aguardo sua visita ao meu cantinho.
Fiz uma hmenagem a um grande
escritor.
Àlvaro de Oliveira.
Mas não esqueças de ler o noso caso da minha autoria, viuuuuuu...

Beijinhos doces.
Regina Coli.

18 de novembro de 2009 08:47  
Blogger Souza disse...

linda palavras
realmente belo

uma otima semana

18 de novembro de 2009 14:32  
Blogger GarçaReal disse...

Construír o caminho é sempre muito dificil, pois há sempre uma tendência para desviar a rota, para culpabilizar o que nos rodeia quando o rumo de desvia.

O amor é sempre o caminho da verdade .

Bom rsto de semana

bjgrande do Lago

18 de novembro de 2009 16:51  
Blogger Phaty disse...

Querido amigo
Estava com saudades de visitar tua casa.
Sempre que aqui chego encontro as palavras certas para o momento incerto.
Um Final de semana iluminado.
muitos beijos no coração.

19 de novembro de 2009 08:07  
Blogger ઇ‍ઉ Cyss disse...

oi!

sou nova por aqui e estou passando
prá conhecer o seu blog...

uma ótima noite de quintaaa!!

até... ;)

19 de novembro de 2009 12:53  
Blogger Pensador disse...

Lindas palavras!
Espero um dia conseguir abandonar todo o medo. E então, talvez, perceber melhor as intenções do Criador.

19 de novembro de 2009 13:19  
Blogger Claudinha ੴ disse...

Grande verdade Árabe!
Godto quando o universo conspira a meu favor...
Um beijo.

20 de novembro de 2009 11:26  
Blogger Marlene Maravilha disse...

Lindo texto.
Uma das belas coisas da vida para o ser humano, embora muitas vezes nem ele mesmo perceba, é reconhecer os próprios erros, porque assim poderá arrepender-se e dar continuidade com melhor caráter!
Beijo

1 de dezembro de 2009 09:15  
Blogger Conspiração Ideológica disse...

"Não sois capazes de admitir os vossos erros e as conseqüências que vos trazem. Preferis admitir um deus vingativo, que vos castiga pelas culpas, a ver o Pai amoroso, que pelo aprendizado vos permite atingir o crescimento."

Como é fácil culpar os outros pelo nosso próprio (doloroso) processo de auto-conhecimento, não? Mais fácil ser culpa de Deus, uma vida passada a encarar como uma oportunidade de aprendizado...

Acredito em vidas passadas, mas acredito sobretudo que TUDo, TUDO concorre para despertar esse EU interior que o Árabe fala com tanta propriedade e poesia. Se esse processo é doloroso é pq. é a forma como nós escolhemos aprender...

1 de dezembro de 2009 09:49  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial

Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Clicky