O Árabe

Idéias, sentimentos, emoções. Oásis que nos ajudam a atravessar os trechos desérticos da vida...

sexta-feira, 3 de julho de 2015

COISAS QUE DEVEIS SABER SOBRE O AMOR



 O amor não é troca, mas doação.

Não é a rotina calma de uma vida tranquila e previsível, mas o excitante risco de uma nova aventura a cada dia. Não é a marcha cadenciada do elefante, mas o voo irrequieto e ágil da ave.
Porque a recompensa que oferece é a sua própria existência. O simples enlevo de perder-se em alguém, a emoção de um beijo ou uma carícia, a plenitude de estar com o ser amado.

O amor não é a pauta de uma música, mas a harmonia de suas notas; não é um livro que conta uma história já escrita, mas uma coleção de folhas em branco, a serem preenchidas dia-a-dia.

Não é pela contabilidade do que dais e recebeis, que podeis avaliar o amor; mas pelas sensações que vos traz. Pela felicidade e pela angústia que às vezes vos preenchem sem motivos aparentes.

O amor jamais vos presenteará com a lua, porém vos fará perceber o encanto das estrelas; e não forrará de pétalas a vossa estrada, mas vos mostrará a beleza de uma flor que se abre.

O amor não é um grilhão a tolher-vos os passos e as atitudes, porém o mais suave e o mais forte dos laços que vos podem ligar a alguém. Ele não vos prende; antes, vos faz voar.
O amor não é a vingança que separa, mas o perdão que une. Não é a obrigação, mas o desejo de fazer; não é ter que explicar, mas a certeza de contar com a compreensão e apoio de alguém.
Ele não se rege por vossas leis; tem as suas próprias leis, que necessitais aceitar para desfrutar da sua magia. E não vos permite ouvir opiniões alheias, apenas o  vosso próprio coração.
Por vezes, o amor é como o marulhar suave das ondas mansas, que se deitam na praia; e em outras se assemelha aos vagalhões impetuosos, que varrem os oceanos e ameaçam os navegantes.
O amor não é apenas o grito ansioso do desejo, mas também o sussurro ameno e doce da ternura; e não reside unicamente em juras e promessas, mas também no silêncio compartilhado.
O amor é como o vento, que às vezes acaricia mansamente os vossos rostos; e, em outras, parece comprazer-se em soprar forte o suficiente para derrubar os vossos castelos de sonhos.
Não deveis esperar que o amor vos traga segurança, mas inquietudes; nem que resolva os vossos problemas, mas apenas que vos ensine a dividi-los, para que juntos possais seguir adiante.
Assim é o amor, que não se dobra às vossas carências.
E é o vosso guia para as estrelas.       
Música:

44 Comentários:

Blogger Fá menor disse...

Perfeita definição. Como sempre, belo!
Abraço, amigo.

3 de julho de 2015 21:20  
Blogger ✿ chica disse...

Por mais que se fale e cante sobre o amor, sempre há mais e mais. Adorei te ler,Árabe! abraços, tudo de bom,linda semana,chica

4 de julho de 2015 02:46  
Blogger São disse...

Sim, amor é dar e não possuir.

beijinhos, muitos

4 de julho de 2015 03:41  
Blogger Ailime disse...

Boa tarde meu Amigo e bom Árabe, mais um precioso texto repleto de pérolas de conhecimento!
Transcrevo este excerto que me tocou: "Não é pela contabilidade do que dais e recebeis, que podeis avaliar o amor; mas pelas sensações que vos traz. Pela felicidade e pela angústia que às vezes vos preenchem sem motivos aparentes."
Aqui reside o segredo. Amar sempre principalmente nos momentos difíceis!
Obrigada, amigo, por me ajudar a caminhar.
Beijinhos e bom domingo.
Desejo-lhe uma excelente semana também.
Ailime

4 de julho de 2015 12:21  
Blogger ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Caro amigo

Milagroso
é o aprendizado do amor.
Nos torna fortes
ao nos tornar dependentes
deste sentimento,
e acorda em nós
alegrias infinitas
que faz nossa finitude
ser esquecida...

Um imenso abraço.

4 de julho de 2015 16:28  
Blogger maria luzia Araujo disse...

"Não deveis esperar que o amor vos traga segurança, mas inquietudes; nem que resolva os vossos problemas, mas apenas que vos ensine a dividi-los, para que juntos possais seguir adiante."

O verdadeiro AMOR é doçura, é companhia, é sentir vontade de mãos dadas e felizes caminharem. O texto é lindo, a imagem é belíssima, gostei, gostei de tudo! Boa noite pra você e ótimo domingo! Obrigada Árabe!

4 de julho de 2015 19:34  
Blogger Olhos de mel disse...

Belo texto poético, Árabe! Definir o amor é complicado, porque cada um pensa e sente de um jeito. Creio que o verdadeiro amor, está na parceria da caminhada, não só nas horas agradáveis, mas a todo momento. Amar é saber se dispor a dar a mão sempre que o outro precisar. É contar sempre, independente de qualquer coisa. Amar não é apenas dividir horas alegres, mas são os momentos de necessidade que se pode mensura-lo.
Bela imagem e bela musica!
Bom domingo! Beijos

4 de julho de 2015 21:16  
Blogger Arco-Íris de Frida disse...

O amor é tao sublime que nao tem como descreve-lo... por isso mesmo é um sentimento para poucos... muitos confundem gostar com amar... mas...amor, amor de verdade, é para os fortes...

Beijos, Arabe...

4 de julho de 2015 21:31  
Blogger Magia da Inês disse...


Poesia e sabedoria no seu texto!...

Boa semana!
Beijinhos¸⋰˚✿
✿¸⋰˚✿

5 de julho de 2015 12:29  
Blogger MEU DOCE AMOR disse...

Olá Árabe:

Quando olho para as estrelas existem algumas que "piscam" a sua luz para mim.Mas antes,já tinha sorrido para elas.Penso que é uma pequenina lição de amor que elas me dão, ou seja,o amor é doação, mas partilha também.O meu sorriso é motivado pelo brilho das estrelas, ou seja, o seu AMOR.

Adorei.

Beijinho doce:)))

6 de julho de 2015 08:03  
Blogger Silenciosamente ouvindo... disse...

Devemos saber sobre muita coisa e a verdade
é que sabemos sempre muito pouco por mais
que pensemos que sabemos muito.
Abraço amigo.
Irene Alves

6 de julho de 2015 09:48  
Blogger © Piedade Araújo Sol disse...

uma definição perfeita do que é o amor.
logo no inicio a frase : O amor não é troca, mas doação., dá logo vontade de ler o texto.
muito obrigada!
boa semana.
beijinho
:)

6 de julho de 2015 10:04  
Blogger helia disse...

Um Excelente Texto que define o AMOR !

6 de julho de 2015 10:50  
Blogger A Casa Madeira disse...

Fazer uma definição sobre o amor é algo meio complicado;
mas essas palavras estão em perfeita harmonia é isso e mais
uma lista que sei lá onde termina kkk.
Bom começo de julho.

7 de julho de 2015 15:09  
Anonymous blueshell disse...

Grata pelas visitas e comentários.

Sempre ao dispor
Bshell

8 de julho de 2015 02:25  
Blogger Phoenix disse...

Querido Árabe,

Por vezes o único amor que conseguimos ter é connosco mesmos...e talvez seja esse o mais importante.

Beijos,

8 de julho de 2015 06:33  
Blogger Ailime disse...

Boa noite meu amigo e bom Arabe,
Muito obrigada pelo seu comentário que me impeliu a escrever mais um texto. Por vezes as palavras escondem-se e torna-se difícil encontrá-las;))!
Beijinhos e continuação de boa semana.
Ailime

8 de julho de 2015 15:44  
Blogger Vera Lúcia disse...


Olá amigo Árabe,

Arrasou neste texto poético. Lindo!
Sabemos muitas coisas sobre o amor, mas às vezes ele ofusca nosso discernimento-rsrs
Você disse tudo e com muita propriedade. Nem ouso acrescentar mais nada, pois seria para repetir palavras suas. Concordo plenamente que a avaliação do amor se faz pelas sensações
que nos traz. Amar é uma arte.

Adorei ouvira música.

Grande abraço.

8 de julho de 2015 19:58  
Blogger luna luna disse...

O amor é o sentimento mais sublime que vive nas estrelas pois tudo dá sem nada pedir, bjs

9 de julho de 2015 10:48  
Blogger Vanuza Pantaleão disse...

O amor não se dobra às nossas carências e faz de nós o que bem quer. Ele não é o desejo, ele não é pesado, antes é leve e solto como um pássaro livre a voar no céu.
Bem, meu amigo Árabe, devo confessar-te que se não desvendaste os mistérios do amor, pelo menos, chegaste bem perto.
Um amor de texto! Amei!
Obrigada mesmo pela tua visita e um prazeroso restinho de semana que já prenuncia um sábado e domingo que te trarão, com certeza, muitas e muitas inspirações.
Beijos!!!

9 de julho de 2015 12:32  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Fa. Bom fim de semana, amiga!

9 de julho de 2015 17:58  
Blogger O Árabe disse...

Bem dito, Chica: sempre haver5á mais e mais! Obrigado, bom fim de semana.

9 de julho de 2015 18:00  
Blogger O Árabe disse...

Esse é o problema, São: o que as pessoas geralmente buscam é o contrário. :) Bom fim de semana, minha amiga; como vão as férias?

9 de julho de 2015 18:01  
Blogger O Árabe disse...

Certíssimo, Ailime: é exatamente nos momentos mais difíceis, que mais precisamos do amor! Obrigado, bom fim de semana.

9 de julho de 2015 18:02  
Blogger O Árabe disse...

Grande abraço, Aluisio; e enorme alegria ver você de volta! Bom fim de semana, amigo.

9 de julho de 2015 18:03  
Blogger O Árabe disse...

Acho que você está certa, Maria Luzia: o amor é isso, sim! Obrigado, amiga; bom fim de semana.

9 de julho de 2015 18:04  
Blogger O Árabe disse...

Verdade, Olhos de Mel: cada um, pensa e sente de um jeito. Mas, talvez, seja exatamente por isso que o amor nos encanta a todos, enquanto vive o sonho. Obrigado, bom fim de semana.

9 de julho de 2015 18:07  
Blogger O Árabe disse...

Realmente, Arco-Íris, muitos confundem gostar por amar. Para saber a diferença, é preciso ser forte e amar de verdade. Obrigado, amiga; bom fim de semana!

9 de julho de 2015 18:09  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Inês. Bom fim de semana!

9 de julho de 2015 18:09  
Blogger O Árabe disse...

Poética reflexão, Doce Amor: quem sabe, o amor esteja escrito nas estrelas! :) Bom saber que você gostou, bom fim de semana.

9 de julho de 2015 18:11  
Blogger O Árabe disse...

Bem dito, Irene: o que julgamos saber é bem mais do que aquilo que realmente sabemos! Obrigado, amiga; bom fim de semana.

9 de julho de 2015 18:12  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado a você, Piedade, pela gentileza e amizade. Bom fim de semana, fica bem!

9 de julho de 2015 18:13  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Helia. Eis um assunto sobre o qual jamais nos cansaremos de escrever. Bom fim de semana!

9 de julho de 2015 18:14  
Blogger O Árabe disse...

Realmente, amiga da Casa Madeira: quem saberia dizer onde termina essa lista? :) Obrigado, bom fim de semana.

9 de julho de 2015 18:17  
Blogger O Árabe disse...

Blueshell, amiga, visitar-te é sempre muito agradável, porque gosto dos teus textos e de tuas fotografias. Pena que às vezes encontro dificuldades para comentar, mas normalmente consigo. Obrigado, bom fim de semana.

9 de julho de 2015 18:20  
Blogger O Árabe disse...

Com certeza, Phoenix: é preciso amar a nós mesmos, para que possamos realmente amar alguém. Obrigado, bom fim de semana!

9 de julho de 2015 18:22  
Blogger O Árabe disse...

Parece-me difícil, Ailime, acreditar que as palavras se possam esconder de ti, que tão bem as utilizas! :) Mas fico orgulhoso, por ter ajudado a fazer nascer mais um belo texto.

9 de julho de 2015 18:24  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Vera, e mais uma vez estamos de acordo: amar é uma arte! Bom fim de semana, amiga.

9 de julho de 2015 18:25  
Blogger O Árabe disse...

Verdade, Luna; e exatamente aí residem as dificuldades que encontramos para vivê-lo plenamente. Obrigado, bom fim de semana!

9 de julho de 2015 18:26  
Blogger O Árabe disse...

E devo confessar algo também, Vanuza: muito bem o definiste, com bem menos palavras! :) Obrigado, minha amiga; bom fim de semana e obrigado pelo novo post.

9 de julho de 2015 18:28  
Blogger ॐ Shirley ॐ disse...

Preciso encontrar um adjetivo novo, insólito, que esteja à altura de suas mensagens.
Paz e Luz, amigo!

9 de julho de 2015 18:46  
Blogger O Árabe disse...

Grato, Shirley, pela insólita homenagem. :) Bom fim de semana, amiga!

10 de julho de 2015 18:14  
Blogger CÉU disse...

Texto magnífico! Tanto que eu não sabia sobre o amor!
Tudo de bom!

16 de julho de 2015 14:43  
Blogger O Árabe disse...

Só hoje, Céu, vi este comentário. Obrigado, amiga; boa semana!

21 de julho de 2015 19:52  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial

Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Clicky