O Árabe

Idéias, sentimentos, emoções. Oásis que nos ajudam a atravessar os trechos desérticos da vida...

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

A BALADA DO AMOR


Vivei intensamente os vossos amores.
Porque o amor é como a planta doce e sumarenta, que não revela todos os seus encantos senão à boca ávida que a morde sem reservas, dilacerando a casca macia para conhecer os seus sabores.
Triste daquele que se contenta em estar meio enamorado; pois, embora possa poupar-se às maiores inquietações e amarguras, também jamais chegará a conhecer a felicidade plena e envolvente.
Precisais saber que o amor é como o fogo, que só ao queimar está vivo e cumpre a sua função. Se regulais a força da chama, não vos queimareis; mas também não conhecereis as delícias de amar.
Esquecei os vossos temores, se desejais conhecer o amor. Para encontrá-lo, devereis fazer como o mergulhador destemido, que se aventura em águas desconhecidas, atrás do tesouro sonhado.
E, como o mergulhador em sua busca, encontrareis diversos obstáculos e perigos; é no fascínio das águas, no colorido dos peixes e na aventura das ondas, que encontrareis a força para seguir.
Não vos negueis, portanto, a entregar-vos ao amor; apenas quando ele vos bafejar com seu hálito perfumado e vos emprestar as suas asas, é que sereis capazes de voar em direção à plenitude.  
Por isto, não deveis reservar os vossos corações e sufocar os vossos sentimentos; ou comparar o vosso amor aos amores daqueles que vos cercam. O mais feliz é sempre aquele que mais ama.
Porque vive com mais intensidade o seu amor; e, por assim ser, conhece a felicidade em cada beijo, a ternura em cada olhar, a paixão em cada abraço e a completude na presença do ser amado.
Embora lhe caibam, também em maior grau, as dores do amor: os tormentos do ciúme, a agonia da separação, o sofrimento da incerteza e a inquietude de não saber o que o futuro fará do seu amor.
Sim; o mais feliz é o que mais ama. Porque para ele é mais harmoniosa a canção, são mais belas e perfumadas as flores, é mais misteriosa e intimista a noite, é mais encantadora a luz do luar.
Pois nada existe que vos faça sentir mais intensamente a Vida, do que o Amor. É ele que vos faz atentar à beleza, aos aromas, às canções, aos mistérios e encantos que oferece o mundo.
Vivei intensamente os vossos amores; não podeis vivê-los pela metade, nem submetê-los à vossa lógica. O amor não é um caminho que se possa traçar; é ele que determina os vossos caminhos.
Acostumai-vos à ideia de que não podeis comandar o amor, mas obedecer-lhe; assim como não vos cabe comandar o vento; deveis, sim, posicionar as vossas velas, para que ele vos leve aonde desejais ir.
E o amor vos pode levar à felicidade.


Música:
http://ohassan.dominiotemporario.com/midis/1_eduardo_lages_eu_sei_que_vou_te_amar.mid

33 Comentários:

Anonymous Anônimo disse...

Pois.
Com calma árabe...
Nem sempre o amor é para ser vivido, apenas observado.
Por vezes passo pela sua página e penso: Que palavras tão belas!
Ele é mesmo assim ou apenas uma imagem de si, criada para fotonovela?
Quer um nome, não é?
Hoje posso ser o António, para a semana o Bernardo e depois o Carlos...
Abecedário.
Entende?

3 de fevereiro de 2017 18:19  
Blogger Olhos de mel disse...

Árabe; simplesmente apaixonante! Amei cada parágrafo! Belo, intenso, profundo e me emocionei ao ler.
Quem de fato ama e prefere apenas observar, tem medo de viver e perde as maravilhas que poderia aproveitar.
Linda imagem e uma musica perfeita!
Bom fim de semana Árabe! Beijos

3 de fevereiro de 2017 18:33  
Blogger ✿ chica disse...

Lindo,lindo!! Quem não ama ,não sabe o que perde da vida! Adorei! abração, lindo fds! chica

4 de fevereiro de 2017 02:06  
Blogger Teresa Isabel Silva disse...

Quem já amou entende perfeitamente as tuas palavras!

Bjxxx
Ontem é só Memória | Facebook | Instagram

4 de fevereiro de 2017 15:29  
Blogger Arco-Íris de Frida disse...

O amor, amor de verdade, não é tão simples, é constantemente confundido com tantos outros sentimentos...e muitos ainda se perguntam: que sentimento realmente é esse?
Mas, aos que tem a sorte de vive-lo,descobriram o verdadeiro sentido da vida...

Meu amigo, gostaria de poder estar por aqui com mais frequencia, adoro o que escreves...

Espero que se encontre bem... lhe desejo paz e luz...


Beijos...

4 de fevereiro de 2017 18:15  
Blogger CÉU disse...

Olá, estimado amigo!

Um texto encorajador e esclarecedor, para aquelas pessoas, que como eu temem as coisas boas e ruins do amor, embora não possa passar sem ele, mas do meu jeito.
Nesse sentimento, há aquele que ama mais e aquele k ama melhor, alguém, um dia, me disse.

O amor é tão "complexo" ou serei eu que sou "complexa"? Vou me analisar, mais uma vez, e chegar, sempre, à mesma conclusão. Paixão dá comigo, é comigo, mas amor...

Abraços e excelente semana.

5 de fevereiro de 2017 17:07  
Blogger Smareis disse...

Boa tarde Árabe!
Quem já teve o privilégio de conhecer um dia o amor, entende bem o que você quis passou no texto.
Gostei bastante da sua construção.
Uma boa semana meu amigo.
Um abraço!

6 de fevereiro de 2017 06:30  
Blogger Marina Fligueira disse...

Tienes toda la razón del mundo, el amor hay que cuidarlo cada día de la vida. Que lección extraordinaria nos dejas mi buen amigo. Es verdad que el amor es como las plantas que si no las regamos se mustian se mueren.

Gracias por tu buen hacer, siempre aprendiendo algo nuevo de tus letras.
Te dejo mi gratitud y mi estima Un abrazo y se muy -muy feliz.

6 de fevereiro de 2017 12:49  
Blogger CÉU disse...

Olá, querido amigo!

Espero k esteja bem, tal como sua família. Aqui, tudo normal, mas mto frio, contudo a Primavera chega no próximo mês, graças a Deus.

Respondendo à sua questão, já estou fazendo um poema, mas um dia escrevo, no outro apago, pke não gosto do k escrevi no dia anterior, portanto, não será ainda esse fim de semana k publicarei. No Dia dos Namorados, 14 de fevereiro, meu blogue faz dois anos, mas não sei se vai dar para atualizar, devido a compromissos profissionais.

Um big abraço e uma excelente semana.

6 de fevereiro de 2017 15:56  
Blogger Vera Lúcia disse...


Ola Árabe,

Você se superou neste belíssimo texto poético.
Falar de amor é assim mesmo, é arrancar suspiros à inspiração.
Nem tenho nada a acrescentar quanto ao mérito, com o qual concordo inteiramente.
Restou-me apreciar a beleza do texto e ouvir a linda música, perfeitamente escolhida para o tema.

Feliz semana!

Abraço.


6 de fevereiro de 2017 17:51  
Blogger Ailime disse...

Boa noite meu Amigo e bom Árabe,
Um texto repleto de pérolas de sabedoria dedicadas ao amor.
O amor nos move e sem a ele a vida fica mais desprovida de sentido.
Quando amamos até o brilho nos olhos é diferente e aprendemos a enxergar as coisas de uma forma mais doce, mais suave.
O amor nos faz mais fortes, mais responsáveis, mais determinados. E não há que ter medo. O amor espera por nós!
Apreciei muito esta expressão: " O mais feliz é sempre aquele que mais ama."
Bem verdade, porque em nosso redor tudo tem outro aroma, outra tonalidade, outra alegria.
A canção é lindíssima.
Um beijinho e continuação de boa semana.
Ailime

7 de fevereiro de 2017 13:09  
Blogger Maria Luzia Araujo disse...

Oh meu amigo, o amor é um dos sentimentos mais belos, quando correspondido, quando vivido a dois em um só pensamento, quando não trás sofrimento, vazio pra alma. Amei o texto, amei tudo, obrigada e ótima semana pra você!

7 de fevereiro de 2017 13:22  
Blogger Mariazita disse...

O Amor é um dos mais nobres sentimentos que existem, e concordo que tem que ser vivido por inteiro.
“Amar ou odiar: ou tudo ou nada!
O meio termo é que não pode ser
A alma tem d’estar sobressaltada
P’ra o nosso barro se sentir viver.”
– assim escreveu Fausto Guedes Teixeira
Como apologista do Amor em todas as circunstâncias... adorei o texto.
Obrigada pela partilha, Amigo Árabe.

PS - O meu próximo post está previsto para o dia 14. Obrigada pelo interesse.

Continuação de boa semana.
Beijinhos
MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS




8 de fevereiro de 2017 03:00  
Blogger Silenciosamente ouvindo... disse...

A balada do amor.
Belíssimo!!!
A vida sem amor seria um profundo vazio.
Abraço, amigo.
Irene Alves

8 de fevereiro de 2017 12:42  
Blogger © Piedade Araújo Sol disse...

Amigo Árabe
que bonita esta balada do amor, e que seria de nós sem o amor de alguém, seriamos totalmente vazios.
muito obrigada!
beijinho
:)

9 de fevereiro de 2017 02:19  
Blogger O Árabe disse...

Em verdade, Anônimo, acredito que o nome não é tão importante quanto a mensagem e as ideias que faz nascer em nós, qualquer que seja a nossa posição no abecedário; até porque mudamos a cada momento. Por isto, optei pelo pseudônimo. :) Obrigado pela forma como você vê as mensagens, e volte sempre; o oásis é nosso. Bom fim de semana!

10 de fevereiro de 2017 06:58  
Blogger O Árabe disse...

Grato, Olhos de Mel, e concordo: temer o Amor é perder as maravilhas que ele nos traz! Bom fim de semana!

10 de fevereiro de 2017 07:00  
Blogger O Árabe disse...

Você disse tudo, Chica: quem não ama, não sabe o que perde da Vida! Bom fim de semana, amiga!

10 de fevereiro de 2017 07:01  
Blogger O Árabe disse...

Verdade, Teresa Isabel; o amor não se define, vive-se! Obrigado, bom fim de semana.

10 de fevereiro de 2017 07:03  
Blogger O Árabe disse...

Aplaudo esta dua frase, Arco-Íris: "Mas, aos que tem a sorte de vive-lo,descobriram o verdadeiro sentido da vida...". Assim é o amor. Obrigado, minha amiga, e saiba que a recíproca é verdadeira; é sempre uma alegria a sua presença! Bom fim de semana.

10 de fevereiro de 2017 07:06  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Céu, e concordo inteiramente; todos somos complexos perante o amor... e, entretanto, ele é tão simples! Obrigado pela gentileza e amizade, e parabéns antecipados pelos dois anos do blog; que venham muitos mais! Bom fim de semana.

10 de fevereiro de 2017 07:09  
Blogger O Árabe disse...

E eu gostei da sua colocação, Smareis; realmente, conhecer o amor é um privilégio! Obrigado, amiga; bom fim de semana.

10 de fevereiro de 2017 07:10  
Blogger O Árabe disse...

Verdade, Marina: é preciso regar todos os dias o amor, ou ele definha como as plantas que murcham! Obrigado, amiga; bom fim de semana.

10 de fevereiro de 2017 07:11  
Blogger O Árabe disse...

Realmente, Vera: nada existe que nos inspire tanto quanto o amor! E essa música é uma das mais lindas que conheço. Obrigado, bom fim de semana.

10 de fevereiro de 2017 07:15  
Blogger O Árabe disse...

Deixa-me destacar algumas frases do teu comentário, Ailime: "O amor nos move e sem a ele a vida fica mais desprovida de sentido. Quando amamos até o brilho nos olhos é diferente e aprendemos a enxergar as coisas de uma forma mais doce, mais suave. O amor nos faz mais fortes, mais responsáveis, mais determinados. E não há que ter medo. O amor espera por nós!". Acho que dizem muito mais do que eu poderia dizer, amiga; obrigado! Bom fim de semana.

10 de fevereiro de 2017 07:21  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Maria Luzia, pela gentileza e amizade de sempre, e saiba que temos a mesma opinião sobre o amor. :) Como está a perna, amiga? Bom fim de semana!

10 de fevereiro de 2017 07:23  
Blogger O Árabe disse...

E eu adorei a quadra, Mariazita; muito boa, amiga! Obrigado, bom fim de semana.

10 de fevereiro de 2017 07:24  
Blogger O Árabe disse...

Muito bem dito, Irene: "A vida sem amor seria um profundo vazio". Obrigado, amiga; bom fim de semana!

10 de fevereiro de 2017 07:25  
Blogger O Árabe disse...

Totalmente de acordo, Piedade; não sei o que seria de nós, se não fosse o amor! Obrigado, bom fim de semana.

10 de fevereiro de 2017 07:26  
Blogger Maria Luzia Araujo disse...

Bom final de semana também Árabe! Quanto a perna (joelho) Estou procurando ter toda a paciência possível. Graças a Deus já caminhando, mas ainda sem conseguir dobrar a perna, o que leva tempo, fratura no joelho é complicado! Obrigada e um abração.

11 de fevereiro de 2017 09:43  
Blogger O Árabe disse...

Sei que é, Maria Luzia; e esta é uma das razões que me levam a perguntar sempre. Mas tenho certeza que, com um pouco mais de tempo (e paciência) esse joelho vai estar 100%, amiga! Bom fim de semana, meu abraço.

11 de fevereiro de 2017 18:12  
Blogger Fá menor disse...

Uma belíssima perspectiva. E, sim, é sempre mais feliz quem mais ama.
Meu abraço, amigo,
e boa semana!

13 de fevereiro de 2017 08:41  
Blogger O Árabe disse...

Sem dúvida, não é, Fa? Amar mais significa sentir mais... e isto nos enriquece! Boa semana, amiga.

13 de fevereiro de 2017 14:03  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial

Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Clicky