O Árabe

Idéias, sentimentos, emoções. Oásis que nos ajudam a atravessar os trechos desérticos da vida...

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

ALEGRIAS E TRISTEZAS


Atentai aos motivos que tendes para serdes felizes.

E, por certo, esquecereis aqueles que julgais ter para ficardes tristes. Porque aquele que fixa na felicidade os seus olhos e o seu pensamento, não dispõe de tempo para buscar a amargura.

Ao longo de todo este tempo, eu vos tenho dito que, embora não possais controlar as circunstâncias da vida, sempre será vossa a escolha entre a alegria e a tristeza, o riso e o pranto.

Assim é. Pois a extensão dos danos não depende da força inicial do fogo, mas dos materiais que atinge; a destruição não é causada pela erupção do vulcão, mas pela lava que a segue.

Sede otimistas, e mais fácil e colorida vos parecerá a vida; se, entretanto, vos perderdes na escuridão fria do pessimismo, acabareis por não enxergar os caminhos que se abrem à vossa frente.

Acreditai nas pessoas e prazerosa será a vossa convivência; duvidai de todos, porém, e vos tornareis solitários e amargos, arrastando o peso doloroso da vossa solidão.

Confiai no Coração do Universo e sabereis que as vossas necessidades serão providas; àqueles que descreem, todavia, cabe o tormento de viver no eterno medo do amanhã.

E, eu vos asseguro, o medo do que virá a seguir é o pior dos castigos a que alguém se pode condenar; a felicidade e o sofrimento imaginados parecem maiores do que podem ser na realidade.

Aprendei que os vossos sofrimentos não são causados pelos golpes do destino, mas pela forma como a eles reagis; quando os ventos são contrários, o barqueiro sábio ajusta as suas velas.

Cuidai, pois, de espalhar sempre as melhores sementes. E regai o vosso terreno, e afugentai os pássaros que as cobiçam, e estai atentos para protegê-las contra as ameaças do clima. 
    
Plantai sorrisos e sorrisos colhereis ao vosso redor; semeai confiança e gentileza e de volta as recebereis. Se, contudo, espalhardes agressividade e descaso, esta será a vossa colheita.

Porque está escrito que o plantio é livre, mas a colheita é obrigatória; a cada um será dado de acordo com as suas obras e ninguém se poderá negar a receber o produto dos seus atos.

Deveríeis ter presente esta verdade. Insistis, porém, em acreditar que vos cabem todos os direitos e para aqueles que vos cercam sobram apenas os deveres que devem ser cumpridos.

É em vós, eu vos repito, que está o fiel da balança; são as vossas reações e as vossas atitudes que determinarão a duração de vossas alegrias e tristezas; por certo, a ambas encontrareis.
            
Elas fazem parte do vosso caminho. 

Música:
http://ohassan.dominiotemporario.com/midis/jaimevillalba-la_casa_del_sol_naciente.mid

36 Comentários:

Blogger Olhos de mel disse...

O problema Árabe, não é a tristeza, ou alegria, mas se fixar em um deles. Porque um e outro, se alternam durante a vida, a depender das circunstâncias. A tristeza está mais presente nas pessoas e essas, acabam por ficarem depressivas. Assim como alegria perene, da mesma forma é preocupante, por dar impressão de frieza, indiferença.
Seu post está lindo! Gostei da imagem e a musica é linda!
Bom fim de semana! Beijos

17 de fevereiro de 2017 18:20  
Blogger ✿ chica disse...

Muito lindo,Árabe! Na vida se pararmos pra perceber, temos muito mais alegrias que tristezas. Há quem se fixe apenas nas ultimas e assim, esquecem de ver as alegrias em "pílulas" que acontecem a casa dia ao seu redor. Pena isso, não? abração, linda semana! chica

18 de fevereiro de 2017 00:42  
Blogger Aleatoriamente disse...

Viver é uma maravilhosa dádiva.
Nossas escolhas trazem ação e reação,
e com elas vamos colhendo o fruto.
A verdadeira Lei de Deus está em cada consciência,
é grita por dentro de nós
quando algo não fizemos bem.
Aqui neste planeta todos somos doentes de algo.
Ou seja: egoísmo, vaidade, orgulho, ciúmes etc...
Quando percebemos que essas coisas não solucionam só atrasam, conseguiremos nos libertar dos vícios.

Abraço

18 de fevereiro de 2017 03:10  
Blogger CÉU disse...

Olá, meu querido amigo!

E é ao som desta música k tão bem conheço, mas não lembro o nome, que tento escrever algo.
Alegrias e tristezas podem ser "controladas" por nós, mas, p vezes o coração não obedece, além do mais, eu, portuguesa, do país do fado e da saudade (rs), não sei gerir, com perfeição, esses estados de alma, mas me julgo suficientemente forte e capaz de o fazer, mas com a ajuda dos teus fabulosos e sensatos textos, as coisas ficam bem mais fáceis. OBRIGADA!

Beijos para todos vocês e um bom final de semana.

18 de fevereiro de 2017 06:27  
Blogger LegalJunior disse...

Legal seu blog, se puder passa lá no meu, to recomeçando!

http://legaljunior.blogspot.com.br

18 de fevereiro de 2017 10:37  
Blogger MEU DOCE AMOR disse...

Olá:

Muito verdade o texto.Quanto aos sorrisos...acho que não é bem assim.Falo por mim.Quantas vezes não semeio sorrisos e olham para mim de forma trombuda.

Beijinho doce

18 de fevereiro de 2017 13:02  
Blogger Arco-Íris de Frida disse...

Sempre repito um ditado antigo...se vc esta no escuro e acende uma vela,a luz da vela chega em vc primeiro assim que vc a acende e depois se espalha pelo ambiente... assim é a vida,somos os primeiros a nos beneficiar com a luz que emitimos para as pessoas...

Arabe,meu amigo...espero que se encontre bem...te desejo uma semana de muita paz ao lado dos seus...

Beijos...

19 de fevereiro de 2017 09:07  
Blogger São disse...

Ficar triste não é problema, temos que fazer o luto do que nos magoa.

Problema é quando as pessoas se fixam e não conseguem ultrapassar a situação ou, melhor, viver com ela .

Swami, abraço fraterno e boa semana

20 de fevereiro de 2017 03:52  
Blogger Fá menor disse...

Certeiro e pertinente, como sempre! Grata.

Boa semana, amigo!

20 de fevereiro de 2017 11:11  
Blogger © Piedade Araújo Sol disse...

Querido amigo

mais um texto cheio de ensinamentos e bons conselhos, seria tão bom que seguissemos os mesmos, mas nem sempre se consegue, e falo apenas de mim.

esta frase sua do texto "Plantai sorrisos e sorrisos colhereis ao vosso redor; semeai confiança e gentileza e de volta as recebereis." eu tento seguir esse caminho, mas nem sempre acontece assim...

gostei bastante disto!

beijo

:)

20 de fevereiro de 2017 12:13  
Blogger Vera Lúcia disse...


Olá Árabe,

Grandes verdades neste ótimo texto.
O otimismo ajuda bastante nos processos de dor e desalento, sejam quais forem. O fato é que a inquietude e o sofrimento balançam a estrutura do otimismo. Portanto, é preciso fé,
esperança e paciência, acreditando que tudo passará no tempo certo. Sofrer por antecipação equivale a sofrer mais do que necessário ou, pior, sem necessidade alguma.
Tristezas e alegrias fazem parte do pacote da vida. Sabedoria é receber o que chega contra a nossa vontades e procurar lidar com tudo da melhor maneira e sem perder o equilíbrio. Focar nas alegrias e bençãos já alcançadas é um lenitivo restaurador.
Bora lá ajustar as velas quando os ventos forem contrários.
Adorei ouvir a bela música.

Feliz semana!

Abraço.

20 de fevereiro de 2017 14:24  
Blogger Teresa Isabel Silva disse...

Nunca devemos esquecer as coisas que nos fazem bem e que contribuem para a felicidade! A tristeza existe para que possamos desfrutar e admirar a felicidade!

Bjxxx
Ontem é só Memória | Facebook | Instagram

21 de fevereiro de 2017 07:40  
Blogger Marina Fligueira disse...

Gracias por tan bonita sabia Lección de vida, así es recogemos lo que sembramos sin duda. Ahora estar tristes o más alegres... Depende mucho de las circunstancias. La vida nos regala de todo un poco, mas tenemos el deber de tirar para delante aunque una piedra se cruce en el camino.

Ha sido un inmenso placer pasar a leerte.
Te dejo mi gratitud y mi gran estima.
Un abrazo, y se muy -muy feliz.

21 de fevereiro de 2017 10:46  
Blogger Ailime disse...

Boa tarde meu amigo e bom Árabe,
Um texto repleto de pérolas de sabedoria.
Com o decorrer da vida constato que assim é como diz.
Tristezas e amarguras só nos trazem mais tristezas e desolação.
Antecipar acontecimentos se traduz numa vida repleta de sobressaltos.
E não há dúvida de que as nossas atitudes positivas ou negativas aproximam ou afastam quem nos rodeia.
Saber conduzir a nossa vida com uma postura confiante e equilibrada nos ajudará a caminhar com mais firmeza, tolerância e alegria.
Aprecio imenso a música da Casa do Sol nascente. Outra pérola musical.
Obrigada!
Um beijinho e continuação de boa semana.
Ailime

21 de fevereiro de 2017 12:02  
Anonymous Helena disse...

Árabe, querido amigo, de volta ao convívio dos amigos blogueiros depois de arejar a mente e descansar o corpo para novamente empreender a caminhada que a meus pés foi destinada.
Como sempre, textos que nos levam a reflexões preciosas.

Destaco este trecho:
"Aprendei que os vossos sofrimentos não são causados pelos golpes do destino, mas pela forma como a eles reagis; quando os ventos são contrários, o barqueiro sábio ajusta as suas velas.

Tenho feito este ajuste nas velas quando os ventos me levam por caminhos não desejados. No entanto, vez em quando o olhar se volta para um tempo onde a colheita se fazia a quatro mãos, e a lembrança deste tempo fica ensombrando um horizonte que se quer, que se precisa divisado.

Ainda vou conseguir ajustar de vez as velas no passar do tempo. Ainda vou conseguir!

Sorrisos e estrelas, amigo, no teu caminhar.
Helena

21 de fevereiro de 2017 16:23  
Blogger Mariazita disse...

Há momentos na vida em que a tristeza é de tal forma grande e penosa que a alegria nem sequer ousa aproximar-se.
Contudo, penso que o que é natural no ser humana é a alegria, a felicidade, que acabam por vencer as barreiras e manifestar-se, mais tarde ou mais cedo (dependendo da maneira de ser de cada um...).
Gostei particularmente deste texto, amigo Árabe.

Continuação de boa semana.
Beijinhos
MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS

23 de fevereiro de 2017 03:45  
Blogger Zilani Célia disse...

OI ÁRABE!
QUE LINDO!
CREIO NA LEI DO RETORNO E SEI QUE BASTA PLANTARMOS O BEM QUE A ELE COLHEREMOS, EMBORA, EM MUITOS MOMENTOS DA VIDA SEJA DIFÍCIL CONSEGUIRMOS ESTE EQUILÍBRIO MAS, SEMPRE HAVERÁ TEMPO PARA À ALEGRIA E FÉ RETORNARMOS.
ABRÇS
http://zilanicelia.blogspot.com.br/

23 de fevereiro de 2017 10:05  
Blogger Maria Luzia Araujo disse...

Boa tarde Árabe!
Amei o texto! Às alegrias devemos aproveitar e muito! Tristezas, refletir sobre elas, sempre deixam o aprendizado e o crescimento. Que você tenha um ótimo resto de semana. Obrigada e um abração.

23 de fevereiro de 2017 12:53  
Blogger O Árabe disse...

Verdade, Olhos de Mel! O preocupante é que a pessoa que se fixa muito nas tristezas tende a esquecer a alegria... e aí a vida se torna pesada! Obrigado, bom fim de semana.

24 de fevereiro de 2017 08:49  
Blogger O Árabe disse...

Bem dito, Chica: "alegria em pílulas"; é assim que ela está sempre ao nosso redor! Obrigado, amiga; bom fim de semana!

24 de fevereiro de 2017 08:50  
Blogger O Árabe disse...

Verdade. Sem trocadilho, não é Aleatoriamente que as coisas chegam para nós; o que recebemos depende das nossas escolhas, e muitas vezes as suas consequências dependem das nossas reações. Obrigado, bom fim de semana!

24 de fevereiro de 2017 08:53  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Céu; e tenho que concordar: quanto mais sensibilidade, mais difícil se torna gerir as emoções. Mas precisamos fazê-lo, pois as emoções são o vento, mas a razão precisa ser o leme, para que o barco siga em frente. Grato pela gentileza, bom fim de semana.

24 de fevereiro de 2017 08:55  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Júnior, e vou por lá, sim; me aguarde. Abração, bom fim de semana!

24 de fevereiro de 2017 08:55  
Blogger O Árabe disse...

Às vezes acontece, sim, Doce Amor... mas é só insistir em semear os sorrisos, que a tromba acaba se desfazendo, acredite. :) Obrigado, bom fim de semana!

24 de fevereiro de 2017 08:57  
Blogger O Árabe disse...

Acho certíssimo esse ditado da vela, Arco-Iris; e é algo que procuro ter em mente, sempre que as trevas ocultam o caminho. Acendamos as nossas velas e seremos os grandes beneficiados. Alegria em saber que você está bem, amiga; bom fim de semana!

24 de fevereiro de 2017 08:59  
Blogger O Árabe disse...

Verdade, São; o pior é fixar-se na tristeza e não conseguir ver que a alegria nos oferece a sua companhia! Muito bom ver você de volta, minha amiga; bom fim de semana.

24 de fevereiro de 2017 09:01  
Blogger O Árabe disse...

Grato a você, Fa, pela gentileza e amizade. Bom fim de semana!

24 de fevereiro de 2017 09:01  
Blogger O Árabe disse...

Você está certa, Piedade: nem sempre o conseguimos; mas o importante é tentar sempre. Precisamos insistir em semear a gentileza, se a queremos ao nosso redor. Obrigado, bom fim de semana!

24 de fevereiro de 2017 09:03  
Blogger O Árabe disse...

Certíssimo, Vera! Saber ajustar as velas é uma arte, principalmente quando os ventos são contrários; e ajuda muito o fato de não nos fixarmos nas tristezas, se podemos escolher o foco nas alegrias. Obrigado, amiga; bom fim de semana!

24 de fevereiro de 2017 09:05  
Blogger O Árabe disse...

Concordo inteiramente com você, Teresa Isabel: assim como a morte nos faz valorizar a vida, a tristeza nos ensina como é bom ser feliz! Obrigado e bom fim de semana; fique bem!

24 de fevereiro de 2017 09:07  
Blogger O Árabe disse...

Acho que você resumiu muito bem, Marina: a Vida nos traz de tudo um pouco, mas precisamos ser capazes de tirar a pedra que surgir em nosso caminho, para que possamos seguir adiante! Bom fim de semana, amiga; fique bem.

24 de fevereiro de 2017 09:09  
Blogger O Árabe disse...

Muitas verdades em seu comentário, Ailime! Realmente, tristezas e amarguras só atraem mais decepções; saber conduzir a nossa vida com uma postura confiante e equilibrada nos ajudará a caminhar com mais firmeza, tolerância e alegria, bem como você disse. Ah, também adoro essa música! Obrigado, bom fim de semana.

24 de fevereiro de 2017 09:12  
Blogger O Árabe disse...

Alegria em rever-te, Helena! E tenho certeza de que já és perita em ajustar as velas; a prova está em que prossegues sempre, espalhando carinho e gentileza, apesar de todas as tormentas. Isto, tenha certeza, te ajuda a divisar um novo horizonte! Obrigado, bom fim de semana.

24 de fevereiro de 2017 09:14  
Blogger O Árabe disse...

Verdade, Mariazita: às vezes, a tristeza é tão grande que não permite a aproximação da alegria; mas passará, porque em nossa alma existem a força e o desejo de sermos felizes! Obrigado, amiga; bom saber que te agradou, bom fim de semana!

24 de fevereiro de 2017 09:17  
Blogger O Árabe disse...

Alegria em rever você, Zilani, e concordo: sempre há tempo para retornarmos à alegria e à fé, nossas maiores aliadas contra a tristeza. Obrigado, bom fim de semana.

24 de fevereiro de 2017 09:18  
Blogger O Árabe disse...

Sábio ensinamento, Maria Luzia: aprender com as tristezas e aproveitar muito as alegrias; simples e prática, como receita de vida! Obrigado, bom fim de semana.

24 de fevereiro de 2017 09:19  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial

Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Clicky