O Árabe

Idéias, sentimentos, emoções. Oásis que nos ajudam a atravessar os trechos desérticos da vida...

sábado, 20 de setembro de 2008

A TRISTEZA

Temeis a tristeza. E não o deveríeis fazer.

Pois o céu não teme as nuvens de chuva; apenas aguarda que se dispersem, para que o sol volte a brilhar.

A tristeza faz parte de vós.

Porque a sua origem está nos vossos desejos, nos vossos sonhos e nos vossos sentimentos. Temê-la é temer a vós mesmos.

É no silêncio da tristeza que mais vos podeis descobrir, pois os ruídos da alegria abafam a voz das vossas necessidades. E é na calma da tristeza que podeis repousar, pois a alegria é como a lava que agita o vulcão das vossas paixões.

Sim; a alegria é como o mar impetuoso, que leva de roldão o conhecimento das vossas limitações. E a tristeza é como um lago manso, cujas águas plácidas refletem o vosso verdadeiro Eu.

Eu vos tenho visto a aturdir-vos, em busca da alegria de um momento, enquanto a tristeza espreita e vos aguarda.

E não lhe podeis fugir. Pois ninguém pode fugir de si mesmo.

Em verdade, eu vos digo que os vossos sentimentos são a moeda com a qual havereis de comprar o vosso lugar no Universo. E a alegria e a tristeza são as faces dessa moeda, assim como o dia e a noite são as faces do tempo.

Rejubilai-vos, sim, na vossa alegria! Pois é ela que vos reanima; que em vós faz brotar o gosto pela vida.

Desfrutai, entretanto, da vossa tristeza. Pois é nela que podeis descobrir as verdades da vida.

Sede pródigos com a vossa alegria; derramai-a sobre os vossos irmãos, como o rio derrama as suas águas sobre a terra.

Escondei, entretanto, a vossa tristeza; como a planta esconde, sob o solo, as suas raízes.

Porque a alegria repartida se multiplica, e a tristeza oculta se intensifica.

E deveis saborear, gota a gota, a vossa tristeza.

Para que possais perceber o sabor da vossa alegria.

Texto do livro "A Sabedoria de Hassan"

72 Comentários:

Blogger Porcelain Doll disse...

Que lindo... não sei que livro de sabedoria de Hassan é este, mas lá que o senhor tem assim uma ideias parecidas com as minhas tem eheheh... não tenho medo de estar triste, assim eu sinta que consigo minimamente manter sob controlo esse sentimento e não o deixo tomar conta de mim... gosto de o sentir ao ponto de o saborear... e o esgotar. :-)

Gosto mesmo deste texto... acho que de facto o silêncio da tristeza nos faz escutar e compreender aquilo que de outra forma nos passaria despercebido... no fundo, aquilo que é necessário para construir uma existência fundamentada na verdade acerca de nós mesmos... nunca tive medo da tristeza, mas por isso já tiveram medo de mim...

Acho que devo ter lido este livro numa qualquer existência anterior...

:-))

21 de setembro de 2008 03:50  
Anonymous Beatriz disse...

"Escondei, entretanto, a vossa tristeza"

Tantas são as vezes que faço isto, amigo!

Fica um ramo de violetas azuis na tarde do teu domingo e um beijo de estrelas no teu coração

21 de setembro de 2008 09:13  
Anonymous cõllybry disse...

A tristeza faz parte de nós, mesmo quando não não a deveria-mos sentir, eterna insatisfação...

Beijito

21 de setembro de 2008 09:34  
Blogger Eärwen Tulcakelumë disse...

Querido Amigo

Este é um exercício esconder a tristeza... Ela faz parte do nosso crescimento, faz parte das nossas lições...Devemos sim, procurar aprender com ela, encarando a nós mesmos.

Pérolas incandescentes de luz entrego em tuas mãos.

Eärwen

21 de setembro de 2008 16:57  
Blogger tagarelas-miamendes disse...

Ao fim de quase tres meses voltei, cheia de saudades...
Mas, encontrei o que esperava, um texto lindissimo e mais uma licao de vida.

22 de setembro de 2008 00:06  
Anonymous DO disse...

Magnifico,ARABE!!

Alias,um belo texto com esta musica maravilhosa,o resultado só podia mesmo ser bom.

Boa semana!

22 de setembro de 2008 06:42  
Blogger musqueteira disse...

...é exactamente isso que a tristeza faz. esconde-se. esconde-se por vezes bem no interior de cada um de nós. e quando salta em tamanha eforia... deixa só toda a alegria...até que haja nova força para a mandar embora.

22 de setembro de 2008 07:58  
Blogger LuzdeLua disse...

Obrigada pelas visitas
Deixo-te um abraço afetuoso
Logo espero poder retornar
Bjs

22 de setembro de 2008 08:41  
Blogger VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

Amigo, tarde feliz pra você!
Já deves imaginar que sou uma adepta da Cultura Árabe e o Sufismo, em particular. Nós, ocidentais, decididamente, não sabemos buscar dentro de nós as raízes dos nossos sentimentos, sejam de alegria ou tristeza e ainda há os infelizes que se dizem hedonistas, que só querem a parte boa da maçã quando temos que também provar, até engolir, muita podridão dessa vida...
As trevas NUNCA resistirão à Luz...Gratidão imensa pela Solidariedade que nos foi prestada, não só a mim, mas a todos que têm que sofrer calados e humilhados sob o jugo das agressões de pequenos tiranos.
Afetuoso abraço!!!

22 de setembro de 2008 09:07  
Blogger pront'habitar disse...

há pouco tempo nisto: vim aqui e gostei.

22 de setembro de 2008 10:33  
Blogger São disse...

Só podemos apreciar a alegria se tivermos provado a tristeza...
Que a Luz te acompanhe sempre, Mestre!

22 de setembro de 2008 11:12  
Anonymous Márcia(clarinha) disse...

Tão fácil mergulhar na tristeza e tão difícil submergir.
A tristeza é inspiração, é verso, é nostalgia, é solidão.

Lindas palavras poeta, obrigada.

lindo dia,
beijos

22 de setembro de 2008 11:46  
Blogger FERNANDA & POEMAS disse...

Olá querido Amigo Árabe, belíssimo texto... Adorei o tema, " Tristeza"
felizmente não sei o que esse sentimento, pode fazer negativamente... Gosto de estar só, mas não me sinto triste, eu penso que as pessoas que se sentem constantemente tristes, não tem auto-estima suficiente!...
Amigo! Beijinhos de carinho,
Fernandinha

22 de setembro de 2008 12:32  
Blogger mundo azul disse...

...sim! Não devemos temer a tristeza...As lágrimas que ela faz brotar, lavam a fuligem da nossa alma, trazendo mais clareza...


Belíssimo texto!


Beijos de luz e uma semana muito feliz, meu amigo!!!

22 de setembro de 2008 13:53  
Blogger C Valente disse...

queremos esquecer o que nos é desagradavel, mas a vida é feita de bom e mau
Saudações amigas

22 de setembro de 2008 15:13  
Blogger Olhos de mel disse...

Árabe! Triste é uma noite de solidão. Triste é a dor de uma saudade. Triste é ter um amor impossível, mas que não sai do coração...
Triste é ler esse texto, sentir a mensagem bater no peito e sentir, tamanha, aflição. Na tristeza dessa linda prosa poética, escrevo sem perceber, pois quem aqui me dita, é a minha emoção.
Boa semana! Beijos

22 de setembro de 2008 16:28  
Blogger Tina disse...

Oi Árabe!

Amigo querido: obrigada por suas palavras lá no BM: a amizade faz sim, toda a diferença.

E suas palavras hoje são como bálsamo em minh´alma ainda assolada pela perda.

Agradeço novamente e desejo linda semana a você.

beijo e todo carinho, amigo meu.

22 de setembro de 2008 18:19  
Blogger Marlene Maravilha disse...

Passei para visitar-te e deparei com este texto maravilhoso!
abracos

22 de setembro de 2008 21:29  
Blogger sp disse...

amigo:
sabemos que a tristeza existe porque sabemos que a felicidade também existe.

é assim.

um abraço árabe e peludo!!!!

23 de setembro de 2008 01:52  
Blogger isabel mendes ferreira disse...

muito muito assertivo.



(prazer em ler)


.
______________.

23 de setembro de 2008 03:29  
Blogger Angel of Light disse...

Olá amigo Árabe!

A tristeza é mais um elemento que faz parte deste grande jogo, o jogo da dualidade. Tristeza versus alegria. Saltitamos de uma lado para o outro, entre a tristeza e a alegria, entre o bonito e o feio, entre o bom e o mau. Mas no Universo não há dualidade. Tudo simplesmente É... nada anda de mãos dadas com adjectivos. É tudo Amor Incondicional!

Nunca tinha visitado este espaço fantástico. Vejo que temos amigos em comum... a minha querida Chama Violeta, a doce Moonlight Song... grandes amigas e lindos seres de luz.

Voltarei mais vezes para deixar um pouco da minha luz. Até lá deixo-te uma luz cor de rosa para iluminar o teu coração.

Beijinhos de Amor, Paz e Luz!

23 de setembro de 2008 04:56  
Blogger Gerlane disse...

Há um provérbio popular que diz o seguinte: a cana só dá o caldo do qual extraímos o açúcar, após passar por vários apertos.
Eis aí um desafio: da tristeza, extrair lições e benesses.

Abraços, amigo!

23 de setembro de 2008 05:40  
Blogger GarçaReal disse...

É precisamente nos momentos de tristeza que busco a companhia do silêncio e da solidão...E aí sim penso, interiorizo a vida, um momento, até um minuto.
Tenho muitos momentos de tristeza, por isso achei o teu texto fabuloso.

Obrigada

Bjgrande do Lago

23 de setembro de 2008 07:22  
Blogger Carla disse...

porque sem a tristeza, como conheceríamos o doce sabor da alegria
beijos

23 de setembro de 2008 07:39  
Blogger O Árabe disse...

...ou talvez apenas ouvido estas idéias, Porcelain Doll. Gosto de pensar que são dúvidas universais, desde o começo dos tempos... :) Boa semana.

23 de setembro de 2008 19:31  
Blogger O Árabe disse...

Mas nunca esconda a sua alegria, Beatriz... ela fará todos os seus amigos felizes! :) Boa semana.

23 de setembro de 2008 19:32  
Blogger O Árabe disse...

Bem dito, Collybry: a alegria e a tristeza estão em nós, e é tênue a fronteira entre ambas. :) Boa semana.

23 de setembro de 2008 19:34  
Blogger O Árabe disse...

Assim é, Eärwen: o sol da alegria e a chuva da tristeza é que farão germinar a semente do Conhecimento, em nossos corações. Boa semana.

23 de setembro de 2008 19:36  
Blogger O Árabe disse...

Bom ver-te de volta, amiga Tagarelas. O oásis não é o mesmo, sem cada um de vocês! :) Boa semana.

23 de setembro de 2008 19:37  
Blogger O Árabe disse...

Esta música é realmente linda, não DO? Meu abraço, amigo. Boa semana!

23 de setembro de 2008 19:38  
Blogger O Árabe disse...

Alegre em ver-te novamente, Musqueteira... e em grande estilo! :) Belo comentário. Boa semana.

23 de setembro de 2008 19:39  
Blogger O Árabe disse...

Espero que assim seja, amiga Josse. A ausência já se prolonga, e fazes falta a todos nós! Boa semana.

23 de setembro de 2008 19:41  
Blogger O Árabe disse...

Bem o disseste, Vanuza: eis que a maçã nos foi entregue inteira... e cada uma de suas partes é necessária ao nosso aprendizado. Boa semana.

23 de setembro de 2008 19:43  
Blogger O Árabe disse...

Grato, Pront'habitar, e volte sempre: o oásis é nosso! Boa semana.

23 de setembro de 2008 19:44  
Blogger O Árabe disse...

Acompanhará, São... na forma de mestres e amigos como você, amiga! Boa semana.

23 de setembro de 2008 19:45  
Blogger O Árabe disse...

Assim é, Clarinha: da tristeza e da solidão nascem os mais belos versos. Mas quem sou eu, para ensinar isso a uma poetisa? ;) Bela semana, amiga!

23 de setembro de 2008 19:46  
Blogger O Árabe disse...

É isso, Fernanda: se precisamos provar a alegria e a tristeza, podemos escolher qual delas estará conosco por mais tempo! :) Boa semana.

23 de setembro de 2008 19:47  
Blogger O Árabe disse...

Isso, Zélia! É a água do pranto que limpa o nosso coração, para que novas emoções nele se possam abrigar. :) Boa semana!

23 de setembro de 2008 19:48  
Blogger O Árabe disse...

Isso, Valente... e de ambos precisamos, para o nosso crescimento! :) Meu abraço, boa semana.

23 de setembro de 2008 19:49  
Blogger O Árabe disse...

Assim é, Olhos de Mel: se a inteligência dita as palavras mais acertadas, é a emoção que sabe escolher as mais belas! :) Boa semana.

23 de setembro de 2008 19:51  
Blogger O Árabe disse...

Tina, amiga, esteja certa de que os corações de todos os seus amigos estão com você, nessa hora. E permita-me lembrar que a saudade é a alegria transformada em lembrança. Guarde-a assim, amiga! Boa semana.

23 de setembro de 2008 19:54  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Marlene, e volte sempre. O oásis é nosso! :) Boa semana.

23 de setembro de 2008 19:55  
Blogger O Árabe disse...

Assim é, SP: os extremos fazem o equilíbrio do meio. :) Abraço, boa semana.

23 de setembro de 2008 19:56  
Blogger O Árabe disse...

Grato, Isabel, pela gentis palavras. Volte sempre, o oásis é nosso. :) Boa semana!

23 de setembro de 2008 19:57  
Blogger O Árabe disse...

Belo comentário, Angel of Light! Temos, sim, amigos em comum... o que desde já nos torna amigos. Volta sempre, a tua luz é bem-vinda em nosso oásis. Boa semana!

23 de setembro de 2008 19:59  
Blogger O Árabe disse...

Salutar desafio, Gerlane; mas sabemos que os poetas o vencem! :) Boa semana.

23 de setembro de 2008 20:00  
Blogger O Árabe disse...

Estás certa, amiga Garça: repousamos na alegria, porém nos encontramos nos momentos de tristeza. Boa semana!

23 de setembro de 2008 20:15  
Blogger O Árabe disse...

... e sem ambas, Carla, como nos seria dado conhecer a Vida? :) Boa semana!

23 de setembro de 2008 20:18  
Blogger Vivian disse...

...texto lindíssimo e de uma sabedoria ímpar...realmente são nos momentos de angustia ou tristeza que podemos ouvir a voz do nosso coração...no ruído da alegria pode-se esconder o véu da ilusão...muahhhhhh

23 de setembro de 2008 22:17  
Blogger Perla disse...

De grande sabedoria sempre as palavras que nos ofereces.
Nunca tinha pensado no que a tristeza nos proporciona de facto.
Aceito que a devemos saborear e dela retirar ensinamentos preciosos.
Assim, a alegria será mais verdadeira.

Bjs

24 de setembro de 2008 09:58  
Blogger SILÊNCIO CULPADO disse...

Arabe
É difícil viver com a tristeza sobretudo se é daquela tristeza funda que nos tolhe os passos e nos leva a olhar com desânimo tudo o que nos rodeia.
Acredito que este sentimento nos faça ver a fragilidade das coisas, quebre a soberba de muitos e traga a reflexão a outros.
Porém a alegria e o prazer de viver é que são um património para ser repartido depois de alcançado.
Todavia entendo que para sentirmos alegria temos que conhecer o outro lado da tristeza.
Abraço

24 de setembro de 2008 22:24  
Blogger moonlight song disse...

Olá Querido Amigo Árabe :) soube-me tão bem ler o teu post... agora não vou verbalizar, estou virada para a introspecção. Levo a tua mensagem e deixo-te um abraço.

25 de setembro de 2008 07:08  
Blogger Eärwen Tulcakelumë disse...

Venho Meu Amigo entregar em tuas mãos uma pérola incandescente de carinho amigo.

Eärwen

25 de setembro de 2008 17:12  
Anonymous Márcia(clarinha) disse...

Lindo dia poeta
beijos

25 de setembro de 2008 18:46  
Blogger Whispers in night disse...

Ola querido Árabe!

Passando para lhe agradecer suas palavras em meu blog
Desejos que tenha um óptimo fim de semana
Mil beijos
Rachel

25 de setembro de 2008 22:16  
Anonymous Beatriz disse...

Sem nova postagem para apreciar, amigo querido, te deixo uma orquídea lilás enfeitando teu final de semana, também um beijo aconchegado no sorriso de lindos anjos, dentro do teu coração.

26 de setembro de 2008 04:55  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Vivian, pelas gentis palavras, e volta sempre. O oásis é nosso! :) Bom fim de semana.

26 de setembro de 2008 05:25  
Blogger O Árabe disse...

Grato, Perla. E realmente assim o é: a tristeza nos prepara para a plenitude da alegria... :) Bom fim de semana.

26 de setembro de 2008 05:26  
Blogger O Árabe disse...

Bom rever-te, Lídia. E, como sempre, concordo com o teu inspirado comentário. Bom fim de semana!

26 de setembro de 2008 05:29  
Blogger O Árabe disse...

É na introspecção, , Moonlight Song, que encontramos o nosso verdadeiro Eu. Desejo-te um bom fim de semana, amiga!

26 de setembro de 2008 05:32  
Blogger O Árabe disse...

Grato, Eärwen. Que feliz e cheio de paz seja o teu fim de semana! :)

26 de setembro de 2008 05:32  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Clarinha. Lindo fim de semana, amiga! :)

26 de setembro de 2008 05:33  
Blogger O Árabe disse...

Não agradeça, Rachel. É sempe um prazer poder ler o que você escreve! :) Bom fim de semana, com saúde e paz.

26 de setembro de 2008 05:34  
Blogger O Árabe disse...

Grato, Beatriz. Que leve e feliz seja o teu fim de semana!

26 de setembro de 2008 05:35  
Blogger Brasil Empreende disse...

Gostei muito do seu blog... Meus parabens
e nós do
www.brasilempreende.blogspot.com

Gostariamos de convidar para acessar nosso blog também e conferir a postagem desta semana: USA: VENDE-SE... Preços Promocionais.Sua participação é de grande importancia para nós. e parabéns pelo selo o blog realmente merece

Contamos com você!

Sebastião Santos.

27 de setembro de 2008 20:08  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, amigo Sebastião. Decerto terei o prazer de retribuir a gentileza da sua visita! Boa semana.

29 de setembro de 2008 04:24  
Blogger MoonLight disse...

É mesmo isso!
Que a intensidade e profundidade com que vivemos a tristeza em nós, é do tamanho que vamos permitir que a alegria entre a seguir!
Quando mais fundo formos, mais felicidade sentimos!
Bjs de Luz*

29 de setembro de 2008 11:54  
Blogger O Árabe disse...

Assim acredito, Moonlight: a porta por onde passa o sofrimento é a mesma que deixa entrar a felicidade. :)

1 de outubro de 2008 13:59  
Blogger Vanda disse...

Efectivamente, Árabe, vivemos num era em que se busca uma qualquer receita de alegria instantanea!

Tememos a tristeza, no medo de a não conseguir suportar...e no entanto é ela, que nos baliza a alegria...

Textos sábios os teus!

3 de outubro de 2008 23:42  
Blogger Porcelain Doll disse...

Sim, provavelmente é isso que dizes, sim!!

:-))

6 de outubro de 2008 07:26  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Vanda, mas eu não diria sabedoria... apenas os ensinamentos que ambas, tristeza e alegria, me repassaram em todos estes anos. :) Bom fim de semana.

10 de outubro de 2008 19:28  
Blogger O Árabe disse...

Espero que sim, Porcelain Doll... ao menos, eu acredito nesta idéia. :) Bom fim de semana!

10 de outubro de 2008 19:30  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial

Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Clicky