O Árabe

Idéias, sentimentos, emoções. Oásis que nos ajudam a atravessar os trechos desérticos da vida...

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

O ARREPENDIMENTO E O APRENDIZADO


Qual de vós, se o pudesse, não apagaria algumas das coisas que fez?

Qual de vós não mudaria algumas atitudes e escolhas? Acaso algum de vós não tomaria outros rumos, em algumas das esquinas que a vida trouxe aos vossos caminhos?


E assim – quem sabe? – teria sido, talvez, mais amena a vossa jornada.


Entretanto, não o podeis fazer. Porque o momento que se foi não vos pertence; os ponteiros do tempo não retornam, nem a Eternidade se desenrola sobre o seu próprio rastro.


O que vos cabe é o direito de seguir em frente. Mas, embora não vos seja possível consertar os erros que ontem cometestes, nada vos impede de não repetí-los amanhã.


Pois não é sábio o homem que amaldiçoa a enchente e à beira do rio constrói novamente a sua casa. Ou aquele que lamenta a seca e não cuida de escavar o seu poço.


Sensato é o homem que assume os seus erros. E dos sofrimentos que lhe causam faz surgir a bússola que o guiará pelos caminhos que ainda lhe restam a percorrer.


Porque a ignorância não é a negação do conhecimento, mas a sua ausência. E, como de cada dúvida nasce uma nova certeza, é dos vossos erros que virão os vossos acertos.

Eu vos tenho dito que o aprendizado é o objetivo da jornada. E que, como do fogo inclemente da forja surge a têmpera do aço, o homem não aprende senão através da dor.


Porque, se o sorriso é como o calor amigo do sol, as lágrimas são como a chuva bendita que fertiliza os vossos corações, para que deles possa brotar a semente do Conhecimento.

Que a vossa alma não abrigue, portanto, o remorso; para que não vos percais em lamentações inúteis, que acorrentando-vos ao passado vos privariam de voar para o futuro.


Porém, que saiba transformar o arrependimento em aprendizado; para que o sofrimento não se repita em vosso caminho, nem o mesmo obstáculo vos faça cair novamente.


Pois, se inocente é o homem que desconhece os perigos da jornada, insensato é aquele que presunçosamente os afronta, apesar das lágrimas que na véspera lhe causaram.

Aprendei, portanto, a respeitar os vossos erros. E guardai-vos de lamentar os sofrimentos que vos trouxeram. Cuidai, antes, de transformá-los nas pedras com as quais pavimentareis a estrada que à vossa frente se estende.

E vos levará ao Conhecimento.

48 Comentários:

Blogger Olhos de mel disse...

Querido Árabe; infelizmente, ou felizmente, essas escolhas são as que deveríamos fazer. E existem coisas que dependem delas, para se tornarem possíveis. Sabe Árabe, ainda que tudo pareça errado, se olharmos a nossa volta, poderemos ver que existem os jardins que floresceram dessas escolhas, ainda que tenham sido erradas.
Linda mensagem!
Achei a imagem muito legal e perfeita para a postagem. Linda musica!

14 de outubro de 2011 18:15  
Blogger Rô... disse...

oi meu amigo,

por maiores que sejam as pedras no caminho,
estão ali por alguma razão,
e é com elas que vamos aprendendo,
crescendo e nos tornando melhores,
por isso é muito importante sabermos escolher muito bem o caminho, cada um deles tem suas próprias pedras...

beijinhos

14 de outubro de 2011 19:01  
Blogger Silenciosamente ouvindo... disse...

Rever o passado é sempre uma
tarefa espinhosa...encontramos
de tudo um pouco.
Mas também sei que devemos extrair
do mesmo as coisas boas, porque
elas sempre existem.
Bom texto.
Beijinho/Irene e bom fim de semana.

15 de outubro de 2011 07:47  
Blogger ISA disse...

Meu Caro árabe

Sábias e profundas palavras estas que nos relata, mas por mais triste que parece o arrependimento, muitas vezes depende de quem o diz e depois o contradiz, pois o mesmo pode levar a escolhas e esperanças trágicas.

Um abraço amigo
Bom Fim-de-Semana

15 de outubro de 2011 09:38  
Blogger Fa menor disse...

É muito bom quando se aprende com os erros. Pena que nem sempre...

Obrigada.

Bom fim de semana, amigo!

15 de outubro de 2011 10:28  
Blogger ONG ALERTA disse...

Passamos por tudo que precisamos passar nesta vida, para sermos pessoas melhores, beijo Lisette.

15 de outubro de 2011 17:34  
Blogger BlueShell disse...

Meu bom amigo...tens razão...não devemos perder tempo ocm os remorsos...mas...e quando os remorsos não nos largam,???

Um belíissimo texto propício à reflexão. Te abraço fote!

15 de outubro de 2011 23:31  
Blogger Magia da Inês disse...

°º✿ Olá, amigo!
º° ✿✿♥ ° ·.
Errar é humano, arrepender é preciso e mudar faz toda a diferença...
°º♫
°º✿ Boa semana!
º° ✿♥ ♫° ·.
Beijinhos.
Brasil ♥♥•˚。
°° 。♥

16 de outubro de 2011 04:35  
Blogger Antônio Lídio Gomes disse...

Meu irmão, como digo, a página do livro da vida não dá para apagar, o que posso é virar a página.
Um fraterno abraço do amigo, irmão e leitor.

17 de outubro de 2011 06:39  
Blogger ✿ chica disse...

Se formos "atentos" com nossos erros aprenderemos também...Eles sinalizam... abraços, linda semana,tudo de bom,chica

17 de outubro de 2011 06:46  
Blogger São disse...

Tens razão, Swami!

Mas sabes que acho muito difícil perdoar-me a mim mesma. masi até do que às outras pessoas!

Um abraço enorme.

17 de outubro de 2011 06:50  
Blogger parole disse...

"Pois não é sábio o homem que amaldiçoa a enchente e à beira do rio constrói novamente a sua casa."

Belo texto, Árabe.Acho até natural errar, pois não nascemos sabendo e por mais que nos avisem, as vezes é preciso sentir na própria pele, mas insistir no erro, é mesmo uma grande burrice.

Beijos, querido e uma linda semana para ti.

17 de outubro de 2011 08:34  
Blogger C Valente disse...

A vida não tem só rosas, tem tambem espinhos, bons se maus momentos o importante é saber conquistar o bem estar
Saudações amigas

17 de outubro de 2011 14:27  
Blogger 。♥ Smareis ♥。 disse...

Oi amigo Árabe, texto muito sábio e refletivo... a gente aprende muito com essas pedras no caminho, serve como aprendizado pra escolher melhor o nosso caminho. Um beijo e ótima semana.

17 de outubro de 2011 20:11  
Blogger Vanuza Pantaleão disse...

Ei...amigoooo, ainda nem comecei a tomar o meu pingado, rs. Só vou pra Taquarivaí ano que vem, se Deus quiser! Falando sério, Árabe, meu tempinho tá encurtando mesmo, pois dona de casa é um "bicho maluquinho" que gosta de tudo limpinho. Viu? até rimou. Aparece lá no Matagal (meu outro espaço) meu querido. Acabei de fazer uma "gracinha" por lá, pois nem tenho previsão para postar na parte literária.
Olha, pode até parecer mentira, mas há duas coisas na vida que não sinto: inveja e remorso.
Não sinto inveja porque sei que estamos aqui de passagem e todos temos que nos depurarmos espiritualmente, ricos e pobres. Então, sentir inveja de quem? De quem vai sofrer e morrer como eu? Não dá, né?
O remorso acontece quando não raciocinamos nos atos que temos que tomar perante certas circustâncias da vida. E eu, modéstia à parte, raciocino, penso e repenso. Peso, gosto de pesar atos e palavras. Lógico, não sou perfeita, tenho momentos de impulsividade, mas passam...
Mas, como sempre, aprecio muito suas mensagens.
Uma semana de muita paz!Beijinhos!!!

18 de outubro de 2011 11:44  
Blogger Mada disse...

Olá Árabe

Adicionei o seu blog como um a seguir, gostei bastante das suas reflexões.
Ora o arrependimento! Não me arrependo de nada do que fiz, porque tudo o que de mau adveio de qualquer coisa que tenha feito ou dito só serviu para me tornar na pessoa que sou hoje, mais cuidadosa, e principalmente a não julgar o outro, porque erros todos cometemos, corrigi-los e corrigirmo-nos é que nos torna pessoas mais conscientes e responsáveis.

18 de outubro de 2011 13:12  
Blogger Vieira Calado disse...

Sim. deveremos assim fazer!

Um abraço

18 de outubro de 2011 18:24  
Blogger maria disse...

Hoje e sempre os teus escritos são uma bênção nas nossas confusas vidas.Nada do que fiz até hoje me arrependo de ter feito mas reconheço que voltando atrás faria de forma diferente ,não quer dizer que tivesse sido melhor. Acho que tinha que ser e pronto.O destino ou Deus colocou no meu caminho muitos atalhos ,desafios mas também me tem dado força para os contornar. Um muito obrigado por ter-te encontrado no meu caminho.

19 de outubro de 2011 07:36  
Blogger O Árabe disse...

Grato, Olhos de Mel, pelo sensato comentário. E vc tem razão: essa imagem e essa música são realmente lindas! :) Bom resto de semana.

20 de outubro de 2011 04:44  
Blogger O Árabe disse...

Isso, Rô: a escolha do caminho é o início de uma boa (ou má) jornada. Sempre. :) Bom resto de semana!

20 de outubro de 2011 04:45  
Blogger O Árabe disse...

Bem dito, Irene: sempre existem coisas boas! :) Bom resto de semana, amiga.

20 de outubro de 2011 04:45  
Blogger O Árabe disse...

Assim é, Isa: o arrependimento pode levar a um novo caminho... desde que seja sincero. :) Bom resto de semana!

20 de outubro de 2011 04:46  
Blogger O Árabe disse...

Você tem razão, Fa menor: nem sempre. Infelizmente. :) Bom resto de semana!

20 de outubro de 2011 04:47  
Blogger O Árabe disse...

Isso, Lisette. Por isto é preciso que aproveitemos as nossas dores, para que melhores nos tornemos. Bom resto de semana!

20 de outubro de 2011 04:48  
Blogger O Árabe disse...

A verdade, Blue Shell, é que eles quase nunca nos largam. Precisamos expulsá-los! :) Bom resto de semana.

20 de outubro de 2011 04:49  
Blogger O Árabe disse...

Gostei, Inês! Belo pensamento. :) Bom resto de semana!

20 de outubro de 2011 04:50  
Blogger O Árabe disse...

Sábio reflexão, irmão Antonio Lidio! Virar a página, eis tudo que podemos fazer. :) Meu abraço, bom resto de semana.

20 de outubro de 2011 04:50  
Blogger O Árabe disse...

E como sinalizam, Chica... e como sinalizam! :) Bom resto de semana.

20 de outubro de 2011 04:51  
Blogger O Árabe disse...

Assim acontece aos perfeccionistas, São. Bem o sei... porque também o sou! :) Bom resto de semana, amiga.

20 de outubro de 2011 04:52  
Blogger O Árabe disse...

Concordamos, Parole: uma das maiores burrices é insistir no erro... corresponde a insistir em sofrer. :) Bom resto de semana!

20 de outubro de 2011 04:53  
Blogger O Árabe disse...

Isso, amigo Valente: saber conquistar o bem estar! :) Meu abraço, bom resto de semana.

20 de outubro de 2011 04:54  
Blogger O Árabe disse...

Isso, Smareis: é o aprendizado que nos faz escolher o melhor caminho. :) Bom resto de semana!

20 de outubro de 2011 04:54  
Blogger O Árabe disse...

OK, Vanuza: vou lá ao matagal, sim! E obrigado pelo belo comentário. :) Bom resto de semana!

20 de outubro de 2011 04:55  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Mada, pelas gentis palavras e pelo acertado comentário. Realmente, é ao nos corrigirmos que crescemos como seres humanos. :) Bom resto de semana!

20 de outubro de 2011 04:57  
Blogger O Árabe disse...

Precisamos, não, amigo Vieira Calado? Pena que nos é sempre difícil! :) Meu abraço, bom resto de semana.

20 de outubro de 2011 04:57  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Maria, pela gentileza e pelo acerto do comentário. :) Bom resto de semana!

20 de outubro de 2011 04:59  
Blogger C Valente disse...

O arrependimento só existe nos homens correctos, o que não se aplica os governantes
Saudações amigas

20 de outubro de 2011 07:46  
Blogger Maria Valadas disse...

Querido Árabe; Há tanto tempo que não te lia, que não bebia da tua fonte os ensinamentos para me saber orientar...

Quanto ao texto, foi lido com muita emoção... porque tenho muitos remorsos de certas atitudes que tomei ao longo da minha vida.
Agora, já é tarde demais para pedir perdão...

Mais um vez. obrigada pela extraordinária mensagem de bem.

Beijo.

Maria Valadas

20 de outubro de 2011 09:02  
Anonymous De... disse...

Árabe...

Remorsos e arrependimentos são emoções estagnadas, que impedem que se siga adiante.

O erro é um dos maiores instrumentos da evolução... e a sua compreensão profunda é que nos fará dar um passo à frente.

O erro leva ao conhecimento... e o conhecimento nos leva à superação consciente de nós mesmos.

Beijos... e uma linda semana...

21 de outubro de 2011 07:45  
Blogger O Árabe disse...

Infelizmente, não é, amigo Carlos Valente? :) Meu abraço, bom fim de semana!

21 de outubro de 2011 08:55  
Blogger O Árabe disse...

Muito tempo, realmente, amiga Maria Valadas; e é sempre uma grande alegria a tua presença. Grato pela gentileza e amizade, bom fim de semana!

21 de outubro de 2011 08:57  
Blogger O Árabe disse...

Assim é, De... é o Conhecimento que nos leva ao fim da jornada. :) Bom fim de semana!

21 de outubro de 2011 08:59  
Blogger Olhos de mel disse...

Oie Árabe; creio que apenas Deus, sabe o que é certo, ou errado em nossas vidas. O caminho é sempre uma surpresa. Mas tudo faz parte do crescimento.
Beijos

21 de outubro de 2011 15:35  
Blogger TITA disse...

Grandes verdades.O reconhecimento dos nossos erros é meio de crescimento e renovação.Um abraço.

21 de outubro de 2011 16:22  
Blogger O Árabe disse...

Isso, Olhos de Mel: tudo faz parte do crescimento. :) Bom fim de semana!

21 de outubro de 2011 18:01  
Blogger O Árabe disse...

Bem dito, Tita: meio de crescimento e renovação. :) Bom fim de semana!

21 de outubro de 2011 18:01  
Blogger Tânia Gama disse...

Nossa! Que postagem inteligente e edificante! Parabéns pelo talento!

25 de outubro de 2011 13:38  
Blogger O Árabe disse...

Grato, Tania, pelas gentis palavras. Volte sempre, o oásis é nosso. :) Boa semana!

30 de outubro de 2011 07:41  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial

Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Clicky