O Árabe

Idéias, sentimentos, emoções. Oásis que nos ajudam a atravessar os trechos desérticos da vida...

sexta-feira, 5 de dezembro de 2014

A VIAGEM DO TEMPO



No tempo, viajam as vossas dores e as vossas alegrias.

Assim, eu vos tenho dito; e, mais do que eu, a Vida vos tem ensinado esta verdade. Pois, hoje, as vossas frustrações e vitórias do passado vivem apenas em vossas lembranças.

A umas, sobrevivestes; e às outras vos habituastes. Porque, para seguir adiante, o homem necessita enterrar os seus sonhos mortos; e plantar novos, às margens do caminho.

Assim é. E, se esta lição houvésseis aprendido, não vos desesperaríeis em cada queda; nem vos alegraríeis tanto, a cada montanha vencida. Mais de ambas, voltareis a encontrar.

É certo que lamenteis as derrotas e comemoreis os vossos sucessos; pois umas e outros vos indicam o melhor caminho, para que mais cedo possais completar o aprendizado.

Porém, a maior lição é a efemeridade de cada uma das vossas jornadas sobre a terra. Quando a aprenderdes, percebereis que ainda mais efêmeros são os vossos momentos.

Aprendereis a dimensionar os vossos sofrimentos. Porque sabereis que não se alongam pela Eternidade; se tiverdes a força de seguir em frente, logo os tereis deixado para trás.

E dimensionareis também as vossas alegrias. Porque tereis percebido que cada degrau vencido é apenas um passo para o próximo, e precisais chegar ao fim da escada.

Não vos angustieis excessivamente, portanto, com as vossas lágrimas; um dia, elas terão secado e a sua causa terá sido esquecida. Nesse dia, sereis capazes de sorrir novamente.

Nem vos empolgueis demasiado com os vossos sorrisos. Tampouco um sorriso pode durar para sempre; e um dia se ausentará de vosso rosto, cedendo lugar a uma nova lágrima.

Tudo, o tempo vos levará: sonhos e desilusões, sucessos e fracassos, alegrias e sofrimentos passarão por vós; e não os podereis reter, senão em vossas lembranças.

Aproveitai, portanto, cada minuto em que deles vos for dado desfrutar. Mergulhai em vossos amores, inebriai-vos com as vossas paixões, vivei intensamente as vossas vidas.

Saboreai, gota a gota, os vossos sucessos; e sorvei também o amargor de vossos fracassos. Assim aprendereis que a Vida não é uma guerra, mas a jornada do aprendizado.

Aceitai a passagem do tempo. Pois, se ele vos levará a beleza e o ímpeto da juventude, em troca vos trará a sabedoria e a paz interior, que só a maturidade pode conceder. 

Sim; tudo, o tempo vos levará. Enquanto vos conduz ao Conhecimento. 

Música: 
http://ohassan.dominiotemporario.com/midi%20vocais/enya_onlytime.mid

Uma tradução: http://youtu.be/nlgtyKrDmZw

56 Comentários:

Blogger Olhos de mel disse...

Querido Árabe; a vida é feita de sorrisos, lágrimas, decepções e surpresas agradáveis. Mas, cada momento nos traz um aprendizado.
Lindo post!
A musica e a imagem são lindas também.
Bom fim de semana! Beijos

5 de dezembro de 2014 17:38  
Blogger ✿ chica disse...

Que beleza e tudo bem verdade. Tudo, tudo vai passar.,Mas as lembranças, essas ninguém nos tira, são nossas! abração, linda semana! chica

6 de dezembro de 2014 00:56  
Blogger Fá menor disse...

É isso mesmo.
Grata amigo Árabe! É preciso, de vez em quando, relembrar as verdades que nos cercam.

Bjs

6 de dezembro de 2014 02:35  
Blogger Phoenix disse...

Querido Árabe :)

Não sei se te lembras de mim..já lá vão 1 ou 2 anos que deixei o mundo dos blogues por causas que me ultrapassam.

Enfim. Gostei de ler as tuas palavras :)

Beijosb **

7 de dezembro de 2014 09:59  
Anonymous Anônimo disse...


Verdade Árabe, aprendemos que a cada dia da nossa vida vale ouro e passamos a aproveitá-la com mais inteligência. A sabedoria que nos chega, com o passar dos tempos, nos liberta de muitas coisas, uma delas é não cobrar de nós mesmos tantas perfeições, passamos a ter mais cuidados com as nossas escolhas, passamos a conhecer melhor o mundo em que vivemos, a valorizar mais as pessoas, entender com mais clareza os nossos sentimentos, a gostar das coisas simples, como apreciar o brilho das estrelas, a beleza das flores, o canto dos pássaros e que possamos ter uma vida linda, sem grandes transtornos. Que permaneçam as lembranças dos bons momentos vividos, que um dia nos fizeram felizes. Belíssimo o texto como todos os outros. Amei Árabe, amei de verdade! Tenha uma linda semana! Obrigada, muitíssimo obrigada!


Maria Luzia





7 de dezembro de 2014 10:22  
Blogger Cidinha disse...

Olá, amigo àrabe. Bom fim de tarde!! O texto é sábio. O tempo tudo leva, más devemos aprender com sabedoria, pois é o caminho do aprendizado. Obrigada por esse momento de reflexção e abeleza da imagem e música!! Um bom fim de tarde e semana para vc. Deixo meu carinho e admiração!! Bjosss.

7 de dezembro de 2014 11:26  
Blogger Claudinha ੴ disse...

Olá Árabe!
É complicado aceitar a passagem do tempo, mas com serenidade devemos aceitar cada fase e cada etapa. Ótimo texto!

7 de dezembro de 2014 15:28  
Blogger Rô... disse...

oi meu amigo,

obrigada por essa oportunidade de poder te ler,
tantas verdades que nos fazem pensar e refletir...
lindo demais!!!

beijinhos

8 de dezembro de 2014 02:10  
Blogger Magia da Inês disse...

❀⊱•.
O tempo é um ótimo professor que ensina na escola da vida!...

Bom tempo do Advento!
Bom início de semana com tudo de bom!!!
•.✿⊱
Beijinhos.♪♬° ·.
❀✿❀⊱•.

8 de dezembro de 2014 04:40  
Blogger São disse...

O Tempo é a única coisa que jamais nos falta(rá).

Abraço grande e boa semana, amigo querido

8 de dezembro de 2014 06:53  
Anonymous irene alves disse...

Pois amigo temos mesmo que aceitar.
Mais uma vez um belíssimo texto4para meditar.
Aproveito para lhe desejar a si
e a sua família
um FELIZ NATAL.
Bj.
Irene Alves

8 de dezembro de 2014 10:15  
Blogger Luma Rosa disse...

Oi, Àrabe!
Clichê eu afirmar que passamos pela vida para aprender, mas o quê necessariamente?
A paciência é uma qualidade que vem acompanhada do ensinamento e para todos os momentos, ela é necessária. Para não ficarmos eternamente frustrados e fiéis ao nosso destino, é necessária a constatação de que somente aprendemos com os momentos ruins. Os bons momentos são apenas gratificações (rs*)
C'est la vie...
Boa semana!!
Beijus,

8 de dezembro de 2014 10:45  
Anonymous Helena disse...

Gosto de imagens! Elas nos dizem muito e mesmo que um texto não esteja exposto é fácil muitas vezes saber o que ela nos diz.
Sabes bem associar o que escreveste às imagens sempre belas e representativas.
Os relógios pairando no ar, a figura de uma mulher sobre uma árvore, um lago ao redor... É o tempo passando, levando e trazendo os elementos primordiais ao conhecimento, a árvore da vida onde nos equilibramos ora firmes ora indecisos, o lago calmo a representar a eternidade onde tudo estará a repousar...
E aí vem o teu texto, intenso e poético com as lições e os ensinamentos tão simples, tão práticos, que só mesmo uma alma como a tua pode colocar em palavras tão verdadeiras e de significado tão profundo.
Encanta-me o teu versejar em lições de tanta grandeza. Porque és tu, amigo querido, um grande poeta da vida!
Sorrisos e estrelas... para quem tanto os tem no coração!

8 de dezembro de 2014 11:13  
Blogger ॐ Shirley ॐ disse...

Ah! A mencionada escada... estamos ainda nos primeiros degraus.O Àrabe, saúde, paz e alegria!

8 de dezembro de 2014 13:08  
Blogger Ailime disse...

Boa noite meu amigo e bom árabe, mais um conjunto de pérolas de conhecimento que nos ajudarão na jornada!
Tudo é efémero e tantas vezes nos detemos demasiado tempo com tristezas, nos esfuziamos de alegria e tudo tão passageiro.
“Saboreai, gota a gota, os vossos sucessos; e sorvei também o amargor de vossos fracassos. Assim aprendereis que a Vida não é uma guerra, mas a jornada do aprendizado.
Aceitai a passagem do tempo. Pois, se ele vos levará a beleza e o ímpeto da juventude, em troca vos trará a sabedoria e a paz interior, que só a maturidade pode conceder. “
Um resumo muito belo diria excelso, porque me transporta para a Palavra do Coração do Universo! Muito lindo e tranquilizador o que escreveu e que agradeço muito.
Aceitar com naturalidade a passagem do tempo vivendo com moderação, o que ele nos vai oferecendo.
Beijinhos e boa semana.
Ailime

8 de dezembro de 2014 13:37  
Blogger MARILENE disse...

O tempo leva tudo mesmo. Bom quando mantemos as lembranças dos momentos felizes, reconhecendo que os tropeços foram a maneira pela qual aprendemos a caminhar com mais segurança. Abraço.

8 de dezembro de 2014 16:56  
Blogger Isy disse...

Grande verdade caro amigo, a vida cá me ensinou, como voam as coisas da vida!

Bjxxx

9 de dezembro de 2014 02:58  
Blogger Cristina disse...

Gracias por tu encantadora visita y comentario, disfruté mucho de tu texto... si no te incomoda me llevo el enlace para seguir tus publicaciones.

Abrazos muchos!

9 de dezembro de 2014 10:05  
Blogger Vera Lúcia disse...


Olá Árabe,

Hoje pude ouvir a música anterior e me deliciar com a Enya. Adoro as músicas dela. Ouvia muito em aulas de yoga e acabei comprando vários CD's. Sempre os ouço por aqui.

Perfeita a mensagem. Precisamos aprender que tudo é passageiro, mas às vezes, em caso de dor, julgamos que o tempo não resolverá. Certo é que tudo gira, seja alegria ou dor, ambas têm tempo certo de duração. Logo o tempo as deixará no passado para que outras cheguem, num constante processo de lapidação e aperfeiçoamento. É a lei da vida. De fato, "para seguir adiante é preciso enterrar os sonhos mortos e plantar novos". Afirmação muito sábia.

Por aqui, as coisas estão um tanto cansativas, mas logo passa. Isso o tempo também leva-rsrs.

Abraço.

9 de dezembro de 2014 18:19  
Blogger Arco-Íris de Frida disse...

Ainda bem que o tempo leva tudo...o que seria de nos se nada mudasse...assim temos a oportunidade de viver momentos bons e a certeza que os ruins vao passar...

Espero que estejas bem...

Beijos, Arabe...

9 de dezembro de 2014 19:24  
Blogger © Piedade Araújo Sol disse...

sim, concordo em absoluto com o teor do texto.

por vezes a vida e o tempo é uma luta constante, mas temos de tirar benefícios e ilações de tudo isso.

beijinho

:)

10 de dezembro de 2014 03:52  
Blogger Vanuza Pantaleão disse...

A paz interior, o maior de todos os bens.
Jesus nasceu em paz entre animais simples e inocentes, por que nunca seguimos os bons exemplos?
Amigo, agora já estou em ritmo de correria de Natal, ou seja, fazendo faxina na nossa casinha, só voltarei após as Festas.
Quero deixar aqui o meu carinho, respeito e apreço por tudo de bom e elevado que você nos deixa em suas mensagens.
Feliz Natal, Árabe!
Saúde e Paz para você e os seus!!!

10 de dezembro de 2014 06:09  
Blogger Marli Terezinha Andrucho Boldori disse...

Olá Árabe, passo depois para ler seu texto, vim lhe dizer que deixei uma resposta a você, em um dos últimos comentários que você fez em meu blog.
Abraço!

10 de dezembro de 2014 08:18  
Anonymous gal disse...

Olá,Amei seu texto,a imagem a música,tudo perfeito.
Uma grande verdade,a vida é assim,cheia de lembranças boas,outra tristes.Mas.o tempo é o Senhor da vida,as tristezas procuro deixar passar.gosto de recordar os bons momentos que vivi e me fizeram feliz.mesmo que tenha sido uma utopia,.Não me preocupo com a passagem do tempo,acho mais que natural,amo viver,mesmo sabendo que cada dia somado,é diminuido em nossos dias(D.Paulo Garcia).Assim tento aproveitar o máximo o tempo que tenho,sempre com muita alegria.

10 de dezembro de 2014 11:16  
Blogger Marina Fligueira disse...

¡Hola Árabe!!!

Como siempre nos dejas un bello y reflexivo texto: Es verdad que la vida tiene las dos caras de la moneda, sonrisas y lágrimas triunfos y fracasos... Pero hemos de aprender a aprovechas lo más importante y lo bueno, y saber afrontar la tormenta cuando aparece y, es que a veces aparece por sorpresa y es bueno estar preparados.

Gracias por tus preciosas lecciones de buen maestro.
Te dejo mi gratitud y mi estima.
Un beso y felices fiestas que ya se aproximan.

Cauuuuuu

11 de dezembro de 2014 01:47  
Blogger O Árabe disse...

Certo, Olhos de Mel: cada momento, nos traz um aprendizado. Sempre! Obrigado, boa semana.

11 de dezembro de 2014 12:19  
Blogger O Árabe disse...

E muitas vezes, Chica, nos ajudam a viver! Bom resto de semana, amiga.

11 de dezembro de 2014 12:21  
Blogger O Árabe disse...

É, sim, Fa; muitas vezes, precisamos ser lembrados das verdades que sabemos. Bom resto de semana!

11 de dezembro de 2014 12:22  
Blogger O Árabe disse...

Claro que me recordo de você, Phoenix... e dos seus belos textos. Grande alegria ver você de volta, amiga! Obrigado, bom resto de semana.

11 de dezembro de 2014 12:25  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Maria Luzia, pela gentileza e concordamos: o tempo nos ensina, sim, a valorizar a Vida e tudo de bom que nela encontramos! Bom resto de semana, amiga.

11 de dezembro de 2014 12:28  
Blogger O Árabe disse...

Isso, Cidinha: o tempo é o caminho do aprendizado. Obrigado, amiga; bom resto de semana.

11 de dezembro de 2014 12:29  
Blogger O Árabe disse...

Essa é a chave, Claudinha: aceitar com serenidade cada fase e cada etapa. Bom resto de semana!

11 de dezembro de 2014 12:30  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado a você, Rô, por toda essa gentileza e amizade! Bom resto de semana.

11 de dezembro de 2014 12:31  
Blogger O Árabe disse...

É, sim, Inês; não há melhor professor do que o tempo! Bom resto de semana, obrigado.

11 de dezembro de 2014 12:33  
Blogger O Árabe disse...

E por outro lado, São, o único bem que não podemos repor. :) Meu abraço, amiga; bom resto de semana.

11 de dezembro de 2014 12:35  
Blogger O Árabe disse...

Temos, Irene. De coração agradeço e retribuo os teus votos, amiga. Bom resto de semana!

11 de dezembro de 2014 12:36  
Blogger O Árabe disse...

Sabe, Luma? A grande vantagem dos clichês é que são sempre verdadeiros. :) E concordo com você: só as adversidades nos ensinam; os bons momentos são gratificações que nos ajudam a superá-las. :) Bom resto de semana.

11 de dezembro de 2014 12:38  
Blogger O Árabe disse...

Também sou um grande admirador das imagens, Helena; e aprecio a ótima escolha que sempre fazes, das imagens que ilustram os teus belos textos. E de coração agradeço a gentileza das tuas palavras, amiga; bom resto de semana!

11 de dezembro de 2014 12:42  
Blogger O Árabe disse...

Estamos, Shirley... mas deveremos galgá-los até o derradeiro! :) Bom resto de semana, obrigado.

11 de dezembro de 2014 12:43  
Blogger O Árabe disse...

Bela síntese, Ailime: aceitar com naturalidade a passagem do tempo, vivendo com moderação o que ele nos oferece. Eis o que tento fazer, amiga! :) Grato pela gentileza e amizade, bom resto de semana.

11 de dezembro de 2014 12:45  
Blogger O Árabe disse...

Essa é a vantagem dos tropeços, Marilene: quanto nos ensinam! :) Bom resto de semana.

11 de dezembro de 2014 12:47  
Blogger O Árabe disse...

Voam, Isy; esta é bem a palavra. Precisamos estar atentos, para que delas possamos desfrutar! Bom resto de semana.

11 de dezembro de 2014 12:48  
Blogger O Árabe disse...

Longe de incomodar, Cristina; sinto-me honrado e muito te agradeço. Grato, amiga; bom resto de semana.

11 de dezembro de 2014 12:50  
Blogger O Árabe disse...

Também gosto muito da Enya, Vera, e concordo inteiramente com você: o tempo é o grande responsável por nossa lapidação. Quando ao cansaço da reforma, bem o conheço: promovi uma grande, de março a abril deste ano. Graças a Deus, o tempo já o levou. :) Bom resto de semana.

11 de dezembro de 2014 12:54  
Blogger O Árabe disse...

Isso, Arco-Íris, é o que precisamos ter presente: os momentos ruins também haverão de passar! Estou bem, amiga, obrigado; e você? Bom resto de semana!

11 de dezembro de 2014 12:56  
Blogger O Árabe disse...

Temos, Piedade; é preciso fazer valer cada segundo! Obrigado, bom resto de semana.

11 de dezembro de 2014 12:57  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado pelos votos, Vanuza, que retribuo de coração. E boa faxina, amiga; não se preocupe, que a gente espera! :) Bom resto de semana.

11 de dezembro de 2014 12:59  
Blogger O Árabe disse...

Lamento o acidente, Marli; mas é muito bom saber que você já está recuperada, amiga! Bom resto de semana.

11 de dezembro de 2014 13:00  
Blogger O Árabe disse...

E esse é o melhor conselho, gal: amar a Vida! É tudo que precisamos; o resto, o tempo faz. Obrigado, bom resto de semana!

11 de dezembro de 2014 13:02  
Blogger O Árabe disse...

Grato, Marina, pela gentileza e amizade. E concordamos: é preciso estar preparado, sim, para as tormentas que às vezes aparecem. De coração, retribuo os seus votos amiga; bom resto de semana.

11 de dezembro de 2014 13:04  
Blogger Zilani Célia disse...

OI ÁRABE!
AH! O TEMPO, IMPLACÁVEL EM SUA JORNADA, LEVANDO O QUE EM ALGUM MOMENTO NOS ERA TÃO IMPORTANTE, MAS, QUE COM O PASSAR DELE, O TEMPO, NOS APERCEBEMOS QUE SÓ O SUPÉRFLUO SE FOI, A ESSÊNCIA FICOU, NÃO NOS CONSEGUIU TIRAR.
LINDÍSSIMO TEXTO. ABRÇS
http://zilanicelia.blogspot.com.br/

11 de dezembro de 2014 17:06  
Blogger Mariazita disse...

É assim mesmo, meu amigo.
Temos que aceitar que o tempo nos conduz, ora para a alegria ora para a tristeza, mas tudo faz parte da vida e... tudo passa com o tempo.

Tenho andado um pouco afastada por motivos de ordem familiar.
A minha filhota foi anteontem, dia 10, submetida a uma cirurgia ao ombro e cotovelo, e tenho tido, e continuo a ter, necessidade de lhe dar todo o apoio possível.
Com o tempo... tudo voltará ao normal, assim espero.

Um óptimo fim de semana, e até sempre, meu amigo.
Beijinhos
Mariazita
A CASA DA MARIQUINHAS

12 de dezembro de 2014 01:54  
Blogger O Árabe disse...

Assim é, Zilani: fica a essência, que permanece impregnada em nós. Obrigado, bom fim de semana.

12 de dezembro de 2014 14:47  
Blogger O Árabe disse...

Difícil imaginar causa mais nobre, Mariazita, que o apoio a um filho; estás certíssima, amiga, e tenho certeza de que logo ela estará no melhor de sua forma. Obrigado, bom fim de semana.

12 de dezembro de 2014 14:49  
Blogger MEU DOCE AMOR disse...

Olá: Mas olha que ás vezes a vida é mesmo uma guerra!Tudo serve para aprendermos, sem dúvida.A guerra dá-nos cicatrizes profundas e por vezes elas empolgam...e depois? Custa muito!

beijinho doce:)

19 de dezembro de 2014 09:15  
Blogger O Árabe disse...

Custa, sim, Doce Amor... quanto nos custa o aprendizado! Boa semana, espero que você tenha desfrutado de um Feliz Natal!

28 de dezembro de 2014 12:54  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial

Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Clicky