O Árabe

Idéias, sentimentos, emoções. Oásis que nos ajudam a atravessar os trechos desérticos da vida...

quinta-feira, 17 de janeiro de 2008

O AMOR E A PROCURA


Desejais que, mais uma vez, vos fale sobre o Amor.

E, assim, não percebeis que é ele que fala pela minha boca e busca derramar-se sobre vós.

Como não percebeis que o Amor está em vós, e é a razão de todos os vossos atos e pensamentos. Em verdade, o menor gesto de cada homem é ditado pelo amor; ainda que seja a si próprio.

Eis que buscais o Amor, por toda a vossa vida; e, cegos pelos vossos conceitos, o procurais onde não está. Mesmo assim, não podeis deixar de sentir a sua presença.

Vedes o Amor nas flores, e ele está no perfume.
Vedes o Amor no sexo, e ele está no prazer.
Vedes o Amor na posse, e ele está na entrega.

O Amor não é o sol, mas o calor; como não é a lua, mas o encanto que em vós desperta a sua beleza.

Eu vos tenho visto a derramar lágrimas amargas, ou a sorrir sem motivos; e dizeis que o fazeis em nome do Amor.

Errais, entretanto, em cada um destes casos. Pois não é o Amor que vos provoca as lágrimas ou os sorrisos; antes, a frustração ou a esperança.

O Amor apenas existe; e vos preenche. Está em vós, como a inocência na criança e o desencanto no idoso; e mesmo a inocência e o desencanto resultam de como cada um vê o Amor.

Pois a criança o encontra em seus brinquedos, em seus pais, em tudo à sua volta; enquanto o idoso o culpa por seus próprios erros e sofrimentos passados.

Vivei o Amor.

Não o questioneis, nem procurai explicá-lo. Como tudo que vos pode fazer felizes, ele é natural em vós.

Deixai, apenas, que se liberte e vos fale ao coração. Que vos traga a ternura e o desejo, as sensações da entrega e companhia.

Assim, vos libertareis das suas ânsias. Que, na verdade, não são as ânsias do Amor, mas as dos vossos próprios desejos.

E ninguém mais precisará falar-vos sobre o Amor. Nem mais precisareis buscá-lo.

Porque o encontrareis na beleza de um instante, no som de uma música, no desabrochar de uma flor.

E o encontrareis no sol e na lua, nos rios e nos mares, na terra que vos suporta o peso e no céu que vos parece envolver.

Sim. Encontrareis o Amor a todos os instantes, em tudo que vos cerca, depois que o tiverdes encontrado onde realmente está:

dentro de vós!

67 Comentários:

Blogger Olhos de mel disse...

Olá Árabe! Vim beber dessa fonte inesgotável de amor e sabedoria e me deparei com um texto fantástico! O amor... é tudo isso que foi dito. Tudo aqui é encantamento e ternura e isso, também é amor.
Bom final de semana! Fique com Deus!
Beijos

18 de janeiro de 2008 18:07  
Blogger São disse...

Obrigada, Mestre, por de novo nos recordares a Verdade!

Que o Grande Espírito te abençoe!

19 de janeiro de 2008 02:26  
Blogger Gerlane disse...

Realmente, amigo!
Só encontrará o amor, quem já o tiver dentro de si, pois para os que não o tem, ele é apenas uma ilusão dos românticos ou poetas.

Bom fim de semana pra ti, repleto de amor!

Abraços!

19 de janeiro de 2008 04:32  
Blogger su disse...

Como dizer que a subjectividade está em nós, no olhar de quem olha e no coração de quem sente...e não se questionando entrega-se completamente...
Muitas vezes a procura cega-nos. Não nos encontramos a nós mesmos e não consegumos, sequer, dar conta disso...entregamo-nos aos outros, aos objectos, aos conceitos e às ideias pensando que é aí que está a concretização. No fundo, isso acontecendo é porque não confiamos em nós mesmos...

Bela reflexão, amigo.
Beijinhos e bom fim-de-semana.

19 de janeiro de 2008 05:07  
Anonymous Lizzie disse...

E nós procuramos -incessantemente- o amor, e ele é que nos encontra. Não adianta adiar ou antecipar a busca, tudo tem seu tempo e todo o tempo é necessário.
Belíssimo texto, estive lendo outros posts seus e fiquei fã. São de uma leveza inigualável.
Posso linká-lo?

Beijocas
www.lizziepohlmann.com

19 de janeiro de 2008 07:30  
Anonymous DO disse...

Lindo e muito verdadeiro,ARABE.
Adoro tudo que fale/cante o AMOR.

Um otimo fds a vc

Grande abraço!


http://www.ramsessecxxi.blogger.com.br/

19 de janeiro de 2008 09:45  
Blogger Tina disse...

Oi Árabe!

Maravilhoso texto! O amor está dentro de cada um de nós e está em todo lugar. Obrigada por dividir.

Tenha um lindo fim de semana,

beijo grande,

19 de janeiro de 2008 10:49  
Blogger Claudinha disse...

Tanta procura e tão perto de nós! Sabedoria, Árabe é o que tem! Beijos!

19 de janeiro de 2008 12:44  
Blogger Whispers in night disse...

Ola querido Amigo!
Seria tão fácil se o mundo só tivesse pessoas lindas como tu
Se todos soubessem encontrar encontrar o amor dentro de sim, já não existia tanta maldade e tanto odeio pelo mundo espalhado
Como sempre Árabe, maravilhoso, és um mestre da palavra
Bom fim de semana
mil beijos desta amiga distante
Rachel

19 de janeiro de 2008 15:12  
Blogger Márcia(clarinha) disse...

Belo texto meu amigo, o amor em nós para todos nós!
lindos dias,
beijos

19 de janeiro de 2008 15:40  
Blogger keila, a Loba disse...

É uma busca frenética e quase sem fim, amigo Árabe, pois amar é verbo que indica todos os outros, e sem ele não se pode conjugar os demais.

BeijUivoooooooooossssssss da Loba

19 de janeiro de 2008 16:45  
Blogger ♥M@cellY♥ disse...

Encontrei seu blog amigos em comum, e fiquei extremamente feliz com este encontro casual.

Muito me emocionei com suas palavras, até porque vivo num momento parecido com o descrito... estou a me questionar sobre o amor.
Confesso que fiquei mexida com suas frases, principalmente na mais simples e complexa de todas que diz para vivê-lo.

Parabéns pela escrita, pela emoção contida, pela forma de expressão...

Ame! Amemos! Este não pode ser controlado por nós.

Um beijo grande, parabéns mais uma vez!!!

19 de janeiro de 2008 18:05  
Anonymous Anônimo disse...

olá meu amigo! quem têm amor no coração só pode transmitir amor a quem nos rodeia. hje deixo um poema k dediqueei a uma locutora da radio em lyon -frança ao qual tive uma entrevista com ela .
espero que passes por ca e me digas se gostas
•*´¨) ¸ •*¨)¸ •´¸ •*´¨) ¸ •*¨)
*´¨) ¸ •´¸ •*´¨) ¸ •*¨) (¸ •´ (¸ •´
( `•.¸......... ) ` - . .> ' `( .....¸ •*¨)
`•.¸ )........ / . . . .`\ . . \ ....... (¸ •´
( `•.¸........ |. . . . . |. . .| ...... ¸ •*¨)
`•.¸ )......... \ . . . ./ . ./ ......... (¸ •´
( `•.¸........... `=(\ /.=` ...... ¸ •*¨)
`•.¸ )............. `-;`.-' ............. (¸ •´
( `•.¸............... `)| ... , ...... ¸ •*¨)
`•.¸ )................ || _.-'| ........ (¸ •´
( `•.¸............. ,_|| \_,/ ..... ¸ •*¨)
`•.¸ )....... , ..... \|| .' ............ (¸ •´
( `•.¸....... |\ |\ ,. ||/ ...........¸ •*¨)
`•.¸ ).... ,..\` | /|.,|!\, .......... (¸ •´
( `•.¸..... '-...'-._..\|/ ....... ¸ •*¨)
`•.¸ )......... >_.-`| ............ (¸ •´
( `•.¸.............. ,_||......... ¸ •*¨)
`•.¸ )................ \||............. (¸ •´
( `•.¸................. |!......... ¸ •*¨)
`•.¸ )................. ||............ (¸ •´
( `•.¸................. |/*........ ¸ •*¨)
`•.¸ ) *´¨) ¸ •´¸ •*´¨) ¸ •*¨) (¸

um bom domingo e bjos
carla granja

20 de janeiro de 2008 06:29  
Anonymous Katia disse...

O que eu sei do amor é pouco. Não muda nem acaba. Não é declarado, mas é óbvio. Amor está nas entrelinhas, nas estrelinhas. E faz sorrir.

20 de janeiro de 2008 07:46  
Blogger Olhos de mel disse...

Oie Árabe! Esse é um amor para além do arco-íres e é assim que acredito em sua existência.
Que sua semana seja feliz!
Beijos

20 de janeiro de 2008 12:19  
Blogger Vieira Calado disse...

Um belíssimo poema, meu amigo!
Gostei francamente.
É sempre muito importante o tom,
com que se escreve.
Você aplicou um tom quase bíblico,
muito coerente e fluído.
Um abraço

20 de janeiro de 2008 13:10  
Blogger O Árabe disse...

De acordo, Olhos de Mel. Pena é que, muitas vezes, o perdemos em nossa procura. Obrigado, tenha uma boa semana.

20 de janeiro de 2008 14:06  
Blogger O Árabe disse...

São, amiga, apenas a tua bondade me atribui o grau de mestre. Entretanto, estás muito certa: apenas precisamos recordar essas verdades... há séculos, elas estão em nós! :) Boa semana.

20 de janeiro de 2008 14:07  
Blogger O Árabe disse...

Com certeza, Gerlane: ninguém pode encontrar um sentimento que não exista em si mesmo... ;)

20 de janeiro de 2008 14:08  
Blogger O Árabe disse...

Bem colocado, Su... no fundo, a insegurança e o medo são os os nossos maiores obstáculos. Sempre. :)

20 de janeiro de 2008 14:10  
Blogger O Árabe disse...

Lizzie, apenas posso agradecer. E dizer que esse link seria uma honra. :)

20 de janeiro de 2008 14:11  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, DO. Eu também não consigo imaginar muitas coisas melhores para se falar/cantar. :) Grande abraço.

20 de janeiro de 2008 14:12  
Blogger O Árabe disse...

Você está certa, Tina... e feliz de quem consegue aprender isto, não é? :) Boa semana, amiga.

20 de janeiro de 2008 14:14  
Blogger O Árabe disse...

Realmente, Claudinha... e o pior é que a procura muitas vezes não nos deixa vê-lo. :)

20 de janeiro de 2008 14:15  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Rachel, mas acredita: a tua amizade me imagina melhor do que sou. :) E você está certa: com amor, o mundo é muito melhor!

20 de janeiro de 2008 14:16  
Blogger O Árabe disse...

Bela colocação, Clarinha! E acredito que, um dia, a humanidade ainda chegará lá! :) Boa semana, amiga.

20 de janeiro de 2008 14:17  
Blogger O Árabe disse...

Excelente definição, Keila. Também penso assim!... :)

20 de janeiro de 2008 14:18  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Celly. Volte sempre.... o oásis é nosso! :)

20 de janeiro de 2008 14:19  
Blogger O Árabe disse...

Bom domingo, Carla, e aguarda-me. Em breve estarei por lá, sim. :)

20 de janeiro de 2008 14:20  
Blogger O Árabe disse...

Katia, você diz que sabe pouco... mas a definição foi ótima! :)

20 de janeiro de 2008 14:21  
Blogger O Árabe disse...

O amor, Olhos de Mel, tem todas as cores... o cinza, inclusive! Mas é nisso que está a sua beleza... :)

20 de janeiro de 2008 14:22  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, amigo Vieira. Não sei se já te disse, mas eu também gosto muito do que escreves!

20 de janeiro de 2008 14:23  
Blogger Benó disse...

O mar é vasto mas com o pensamento galgamos distancias impossíveis. Obrigada por ler o que escrevo.
O seu poema é para pensar em cada frase e eu leio com gosto o que escreve dessa maneira tão única.
Uma boa semana.

20 de janeiro de 2008 15:40  
Blogger lua prateada disse...

Olá amigo!...è verdade, o amor está em todo o lado, basta deixarmos que ele nos invada!LINDO...

Somos fumaça
A vida nos enlaça!...
Mas somos a cena
Do palco da vida!...

Uma feliz semana cheia de coragem e amor.
Beijinho prateado com carinho

SOL

20 de janeiro de 2008 17:08  
Blogger Saramar disse...

"O amor apenas existe".
Grande verdade! Ele é e nós o cobrimos de tantas camadas, de medos e expectativas e por isso, o sentimento verdadeiro fica soterrado.
Obrigada pela sempre constante beleza e precisão de suas lindas palavras.

beijos

21 de janeiro de 2008 02:00  
Blogger Nana Lopes disse...

A eterna procura de algo que esta dentro de nós.
Boa semana !!

21 de janeiro de 2008 08:27  
Blogger C Valente disse...

Tenho andado com grandes dores de laringite e uma tosse que me deixa incomodado por isso nem vontade tenho tido de ligar o PC , pois nem sei se é gripe, com os medicamentos receitados pelo medico, ainda não fez efeito, por isso não tenho aparecido
As minhas desculpas
Saudações amigas

21 de janeiro de 2008 12:41  
Blogger Carol disse...

Pudessem todos ver o Amor que existe em todas as coisas...
Obrigada por nos lembrares que ele anda por aí. Tenhamos, agora, a capacidade de o identificar.
Bjs e boa semana.

21 de janeiro de 2008 14:53  
Blogger .:Tati Sabino:. disse...

...este amor seria a solução de muitos problemas...
bjos..

21 de janeiro de 2008 16:56  
Blogger GarçaReal disse...

O Amor...Afinal uma palavra tão pequena mas que move o mundo...Move a vida, o sentimento em si.

Magnifico

Adorei

bjgrande lá do Lago

21 de janeiro de 2008 18:09  
Blogger Renata disse...

Fico com essa parte: "Eis que buscais o Amor, por toda a vossa vida; e, cegos pelos vossos conceitos, o procurais onde não está." Dá uma ótima reflexão, obrigada!

Boa semana! Bjo

22 de janeiro de 2008 10:53  
Anonymous Drikaflor disse...

Ah!!!! Sempre o amor....assunto que não se esgota, graças!!!!
Beijão
www.drikaflor.zip.net

22 de janeiro de 2008 11:02  
Blogger Carol disse...

Meu amigo, tenho um selo de amizade para te oferecer no meu cantinho.
Beijinhos.

23 de janeiro de 2008 04:00  
Blogger FINA FLOR disse...

é isso!!!!!!!!!!!!!

beijos, querido

MM.

23 de janeiro de 2008 10:41  
Blogger O Árabe disse...

Benó, não me agradeça por isto. Se leio, é porque gosto... :) Boa semana, amiga!

24 de janeiro de 2008 09:35  
Blogger O Árabe disse...

Eis uma bela quadrinha, Sol. Bela.. e verdadeira! :)

24 de janeiro de 2008 09:36  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado a você, Saramar. Pelos seus belos versos, inclusive!

24 de janeiro de 2008 09:37  
Blogger O Árabe disse...

É isso, Nana. Está exatamente onde não o procuramos!... :) Boa semana.

24 de janeiro de 2008 09:38  
Blogger O Árabe disse...

Valente, amigo, torço para que te recuperes rápido. Isto é o mais importante! Grande abraço.

24 de janeiro de 2008 09:39  
Blogger O Árabe disse...

Nós a temos, Carol... pena que nos percamos em outros assuntos. :)

24 de janeiro de 2008 09:40  
Blogger O Árabe disse...

Ele é, Tati, acredite... ainda que não para todo o mundo, infelizmente. Mas creio que ainda chegaremos lá...

24 de janeiro de 2008 09:41  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Garça amiga. E, com certeza, é ele que anima os nossos mais belos vôos... :)

24 de janeiro de 2008 09:43  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado a você, Renata. Fazer refletir é exatamente o nosso objetivo! :)

24 de janeiro de 2008 09:47  
Blogger O Árabe disse...

Certíssima vc está, Drika... graças a Ele, sim! :)

24 de janeiro de 2008 09:48  
Blogger O Árabe disse...

Já o recolhi, Carol, e em breve o estarei mencionando, se me permites. Obrigado por tua amizade!

24 de janeiro de 2008 09:49  
Blogger O Árabe disse...

É isso, Mônica... e ainda bem que é assim, não? ;) A esperança continua... sempre.

24 de janeiro de 2008 09:50  
Blogger ESPÍRITU disse...

Bom fim de semana.
Abraço.:)

24 de janeiro de 2008 13:05  
Blogger lua prateada disse...

Nada de novo amigo?...
Mas que importa é se precisamos descançamos os amigos se o são
sempre voltarão...


Nas ruas desertas de minha alma
Passo aqui deixando
O que de mim emana por ti...
Um feliz fim de semana!...
Beijinho prateado
SOL

25 de janeiro de 2008 13:20  
Blogger Nana Lopes disse...

Habib!!deixei uns selos de presente para voce na postagem de Sampa ,esta no final da postagem.São todos seus,cole-os em seu blog e os presenteiei tambem .!!Bom fim de semana!!

25 de janeiro de 2008 16:45  
Blogger Eärwen Tulcakelumë disse...

“O Amor apenas existe; e vos preenche.”
“Encontrareis o Amor a todos os instantes, em tudo que vos cerca, depois que o tiverdes encontrado onde realmente está: dentro de vós!’

Mais um texto sublime,encantado... onde as palavras são sabiamente postas lado a lado para formar frases como estas acima, plenas de verdades que sabemos em nosso íntimo mas, teimamos em querer não enxergar.
Aqui esta Phoenix abre suas asas e faz uma reverência diante dessa alma que se intitula O Árabe pelas sábias palavras aqui lidas.

Pérolas incandescentes de energia positiva e inspiração, banhadas no rio de lava que em meu mundo corre.

Carinhosamente

Eärwen

26 de janeiro de 2008 06:39  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Espiritu... de coração, retribuo os teus votos. :)

26 de janeiro de 2008 09:00  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Sol... e em breve retornarei do descanso, acredita! :)

26 de janeiro de 2008 09:01  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Nana... de coração! E em breve os verás aqui, adornando o nosso oásis.

26 de janeiro de 2008 09:03  
Blogger O Árabe disse...

Eärwen, amiga, obrigado. E aguarda-me: gosto de navegar por teu mundo.

26 de janeiro de 2008 09:04  
Blogger SILÊNCIO CULPADO disse...

Árabe
O ser humano tem dentro de si a semente e a destruição. Logo o amor e o seu antítodo.
Muitos de nós temos o amor dentro de nós mas, como tu dizes, não o encontramos e podemos mesmo nunca chegarmos a encontrá-lo. Porque nunca soubemos amar e confundimos amor com egoísmo. Porque nunca soubemos saborear o verdadeiro prazer de amar em plenitude.
Abraço

26 de janeiro de 2008 13:43  
Blogger O Árabe disse...

Bem dito, amiga Lídia. E os que assim agem, afastam de si a felicidade...

31 de janeiro de 2008 08:04  
Blogger ZANINHA disse...

suas mensagens são belissimas . falam a alma .
pq existem tantas definições sobre o amor , mas as pessoas não conseguem vive-lo plenamente ???
Deus te abençõe sempre

7 de abril de 2010 16:05  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial

Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Clicky