O Árabe

Idéias, sentimentos, emoções. Oásis que nos ajudam a atravessar os trechos desérticos da vida...

sexta-feira, 10 de junho de 2016

DE FLORES E AMORES


Deveis cultivar os vossos amores.

Como o fazeis às flores do vosso jardim. Porque, como as flores, são eles que enfeitam e perfumam as vossas vidas, colorindo as vossas horas e alegrando a vossa jornada.

E, como às flores acontece, este precisa ser um cultivo de todos os dias. Porque também os amores nascem como pequeninos botões, desabrocham e atingem a plenitude.
Como as flores, todavia, são tão frágeis quanto belos. E podem sucumbir ante a frieza da indiferença, os ventos rudes da ingratidão e a estiagem cruel da falta de carinho.

Cuidai deles, portanto. Adubai o vosso coração com ternura, desejo e confiança; é dessa mistura que nascem os amores mais fortes, aqueles que mais se enraízam em vós.
Ideal seria que estivésseis sempre apaixonados. Porque a paixão é como um véu mágico que envolve o ser amado, realçando as suas qualidades e ocultando os seus defeitos.

Isto não vos é possível, entretanto. Pois a paixão não é mais que um sonho; e, como os sonhos se vão ao raiar do dia, a paixão se esvanece frente à luz fria da realidade.
Porque pessoas não são sonhos; têm vontades, ideias e necessidades, que precisam ser satisfeitas. O sonho é a paixão; que, como todos os sonhos, tem vida curta.

A paixão, como o sonho, só sobrevive enquanto não se realiza. Porque não há tintas que possam reproduzir as suas cores, nem magia que supere o seu encanto.
Vivei, pois a vossa paixão. Ela não é apenas o amanhecer do amor, mas a sua primavera e o seu verão; é ao seu calor que o vosso corpo escalda e a vossa alma se aquece.

Sabei, porém, que ela se irá de vós. E o outono da paixão sinaliza o inverno do amor, quando o sopro frio da desilusão apaga o vosso fogo e vos faz despertar para a realidade.
E é por isto, que deveis cultivar os vossos amores. Porque, quando se for a paixão, necessitareis de algo que vos mantenha juntos, caminhando para o futuro que virá.

Plantai entre vós, portanto, o respeito, a amizade e o carinho. Só assim, quando a paixão vos deixar, podereis encontrar a compreensão e a tolerância às vossas diferenças.
Deveis, sim, cultivar os vossos amores; como o fazeis às flores do jardim. Lembrai-vos, porém, de que a flor que morre torna-se adubo e fará nascer novas flores.

É assim que acontece aos vossos amores.
Música:

30 Comentários:

Blogger Olhos de mel disse...

Que doce e lindo post, Árabe! Com certeza, precisamos cuidar de quem amamos, assim como as plantas, porque da mesma forma eles murcham, perdem o encanto.
Linda musica e linda imagem!
Bom fim de semana! Beijos

10 de junho de 2016 22:11  
Blogger CÉU disse...

Olá, estimado amigo...

Mais un post fabuloso e reflexivo.
É preciso alimentar nossos amores, sim concordo, mas considero a paixão um estado sublime da alma.

Abraço e bom final de semana.

11 de junho de 2016 07:09  
Blogger Silenciosamente ouvindo... disse...

Sim, amigo, vou seguir o seu conselho,
neste belo texto.
Desejando que se encontre bem.
Abraço, amigo.
Irene Alves

11 de junho de 2016 12:09  
Blogger Andre Mansim disse...

Lindo e sábio mais uma vez, meu amigo!
Temos que cultivar o amor, entendendo que o amor tem suas vontades, centradas na pessoa do outro. Muito bom mesmo.

Tenha uma ótima semana que chega!

11 de junho de 2016 13:56  
Blogger Lia Noronha disse...

Bem inspiradores..imagem & texto..e viva o amor...sempre!!!
abraços meus querido amigo Árabe.

13 de junho de 2016 15:02  
Blogger ✿ chica disse...

Lindo e bem inspirado,[Arabe! abraços praianos,chica

13 de junho de 2016 17:17  
Blogger Un Colibrí Viajero disse...

bellisimo!! mis humildes felicitaciones!!!

13 de junho de 2016 21:41  
Blogger © Piedade Araújo Sol disse...

assim é meu amigo, devemos cultivar nossos amores e cuidar que é muito importante.
um texto muito ao seu estilo, reflexivo e sábio.
um bom dia e uma boa semana.
beijo
:)

14 de junho de 2016 02:49  
Blogger Marina Fligueira disse...

¡Hola Árabe!!!

Bueno, es un bellísimo texto poético y lleno de consejos también bonitos: el amor es el motor que mueve el mundo, y no solo el de la pareja, sino el amor de amigos y familiares, todos son amores de bellos colores como las flores y habremos de saber mimarlos con nuestro cariño.

Ha sido un placer pasearme por tus letras.
Te dejo mi gratitud y mi estima siempre.
Un abrazo y se muy muy feliz.

14 de junho de 2016 03:52  
Blogger Maria Luzia Araujo disse...

Bom dia Árabe!

Assim gosto de levar a vida, com flores e amores. Falar de amor é falar de compreensão, cumplicidade, tolerância, abraço, paixão e felicidade! Falar de flores é falar de renovação, beleza, pureza, perfume, paz... Como fala você, devemos sim, cultivar nossos amores, regar, cuidar, aceitar as diferenças, para que tenhamos nossos amores por perto. Lindíssimo o texto, amei tudo! Tenha uma semana com muita paz, saúde e um enorme abraço. Muito grata!

14 de junho de 2016 05:20  
Anonymous Helena disse...

Entre tantas "verdades" faço destaque:
"E é por isto, que deveis cultivar os vossos amores. Porque, quando se for a paixão, necessitareis de algo que vos mantenha juntos, caminhando para o futuro que virá."

Uma excelente recomendação:
"Lembrai-vos, porém, de que a flor que morre torna-se adubo e fará nascer novas flores."

Uma imagem delicada a mostrar a beleza de um encontro de amor!

Sorrisos, muitos, em tua vida! Estrelas, sempre, a iluminar os teus caminhos.
Meu carinho, amigo querido!
Leninha

14 de junho de 2016 06:03  
Blogger Ailime disse...

Boa noite meu amigo Árabe,
Magnífico texto repleto de pérolas de amor.
Cultivar o amor é deixar que ele amadureça dentro e nós, para que quando a paixão se esvair continuarmos a senti-lo de uma outra forma ainda mais profunda como que enraizado em nós.
«Plantai entre vós, portanto, o respeito, a amizade e o carinho.»
Estes os ingredientes para que o amor sobreviva.
A foto e música lindíssima que já não ouvia há bastante tempo. Obrigada.
Um beijinho e continuação de boa semana.
Ailime

14 de junho de 2016 16:54  
Blogger Vera Lúcia disse...


Olá Árabe,

Linda a música e muito apropriada para embalar a leitura do belo texto.
Conforme palavras de Padre Fábio, "a paixão não aprendeu a ficar por muito tempo". Quem gosta de permanecer é o amor. Então, que a paixão seja transformada em amor e que este possa ser alimentado a cada dia para permanecer e perfumar a vida daqueles que o mantém no coração.

Abraço.

15 de junho de 2016 20:26  
Blogger O Árabe disse...

Assim é, Olhos de Mel: é preciso cultivar o amor, em nossos corações! E a imagem é fantástica, não? Obrigado, bom fim de semana.

16 de junho de 2016 18:17  
Blogger O Árabe disse...

E é, São. Acho que estar apaixonado é o mais perto que podemos chegar da felicidade, em cada jornada. Como está a recuperação, amiga? Bem, espero! Bom fim de semana.

16 de junho de 2016 18:19  
Blogger O Árabe disse...

Estou bem, Irene; e você, amiga? Obrigado, bom fim de semana!

16 de junho de 2016 18:19  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, André! Meu abraço, amigo; bom fim de semana.

16 de junho de 2016 18:20  
Blogger O Árabe disse...

Alegria em revê-la, Lia! E viva o amor... sempre! Obrigado, bom fim de semana.

16 de junho de 2016 18:21  
Blogger O Árabe disse...

Bom saber que você está curtindo a praia, Chica... sei que este é um dos seus programas favoritos! :) Abração para você e o Kiko; bom fim de semana!

16 de junho de 2016 18:23  
Blogger O Árabe disse...

Grato, Colibri! Volte sempre, o oásis é nosso! Bom fim de semana.

16 de junho de 2016 18:24  
Blogger O Árabe disse...

De fato, Piedade; poucas coisas são tão importantes, como cuidar dos nossos amores! Obrigado, bom fim de semana.

16 de junho de 2016 18:25  
Blogger O Árabe disse...

Concordo inteiramente, Marina: é o amor que move o mundo... e todos os tipos de amor trazem colorido à nossa vida! Obrigado, amiga; bom fim de semana.

16 de junho de 2016 18:26  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Maria Luzia! De fato, amores e flores estão entre as coisas mais lindas que podemos ter nesta vida! Obrigado, minha amiga; bom fim de semana.

16 de junho de 2016 18:28  
Blogger O Árabe disse...

Grato, Helena. E, se a paixão é o desabrochar do amor, algo mais devemos cultivar, para que ele possa durar mais tempo em nossos corações. Bom fim de semana, amiga!

16 de junho de 2016 18:31  
Blogger O Árabe disse...

Concordo inteiramente, Ailime: "Cultivar o amor é deixar que ele amadureça dentro e nós, para que quando a paixão se esvair continuarmos a senti-lo de uma outra forma ainda mais profunda como que enraizado em nós". Obrigado por este belo complemento ao texto, bom fim de semana!

16 de junho de 2016 18:33  
Blogger O Árabe disse...

Que assim seja, Vera! Felizes daqueles que aprendem a manter o amor no coração! Grato pela amizade e gentileza, bom fim de semana!

16 de junho de 2016 18:34  
Blogger MEU DOCE AMOR disse...

Será mesmo que um dia o sonho chegará?

Já não acredito!

Estou mal disposta.

Beijinho doce

17 de junho de 2016 13:21  
Blogger MEU DOCE AMOR disse...

Respeito, amizade, carinho...não vejo nada,ou se vejo é como uma agulha num palheiro.Nem sei como dizer...

Beijinho doce

17 de junho de 2016 13:24  
Blogger O Árabe disse...

Assim é, amiga; às vezes, até o mais Doce Amor pode estar mal disposto... mas passa! :) Bom fim de semana.

17 de junho de 2016 18:17  
Blogger Parapeito disse...

"Deveis, sim, cultivar os vossos amores; como o fazeis às flores do jardim. Lembrai-vos, porém, de que a flor que morre torna-se adubo e fará nascer novas flores."
Gostei...e a música que estou a ouvir faz-nos serenar.
Brisas doces para todos *

3 de julho de 2016 09:45  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial

Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Clicky